No princípio criou Deus os céus e a Terra


As tendências evolucionistas para este Outono/Inverno
Outubro 29, 2009, 11:49 pm
Filed under: Humor

Na moda, as tendências para este Outono/Inverno vão ser as cores fortes, como o preto e o vermelho. As calças querem-se largas e as camisolas em xadrez. Os cabelos pedem-se soltos e alongados. (Já agora, como sou vosso amigo, dou-vos a oportunidade de ganharem 100€ em compras na Westrags, uma loja de moda online. Nota: Só para pessoas que residam em Portugal. Participações acabam hoje, sexta-feira)

E para o Evolucionismo?

Estas são as tendências evolucionistas para este Outono/Inverno:

1) Continuar a dar exemplos de variação entre as espécies, observada em laboratório ou na natureza, para depois mostrar aos criacionistas como os seres vivos evoluem, apesar de os criacionistas não terem nenhum problema com este tipo de “evolução”, uma vez que é apenas recombinação de material genético já existente no ser vivo (1);

2) Continuar a desenterrar meia dúzia de ossos em péssimo estado para anunciar mais um elo perdido, quando nem sequer se é possível dizer se aquele animal que morreu ali gerou descendência (2);

3) Continuar a alterar teorias que até aí se ensinavam nas escolas e universidades como verdades que mostravam que a bíblia está errada (3);

4) Continuar a descobrir alto nível de design no interior dos seres vivos e estruturas com múltiplas partes interdependentes, impossíveis de surgirem por mecanismos faseados e graduais, e dizer que o design se fez a si mesmo atraves de erros genéticos (4);

5) Continuar a detectar tecidos moles e estruturas moleculares frágeis nos fósseis de alguns animais (como ADN, medula óssea, vasos sanguíneos, células, etc), material que não fica preservado durante milhões de anos, e dizer que mesmo assim isso não prova que eles não têm milhões de anos (5);

6) Continuar a descobrir mais evidências de que os seres humanos do passado, comummente chamados de Homo erectus, Homo neandethalensis, etc, tinham inteligência e comportamentos iguais aos do homem moderno, mas continuar a dizer que eles não eram 100% humanos ainda (6);

Estas são as principais tendências evolucionistas para este Outono/Inverno. Ou esqueci-me de alguma coisa?

Anúncios

45 comentários so far
Deixe um comentário

Só uma pergunta…

…….Quando e onde vai ser o desfile?

….Papagaiada heim Sabino!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Quem vai desfilar eu ja sei …

…..eis a lista.

Física

* Newton
* Faraday
* Maxwell
* Kelvin
* Boyle
* Dalton
* Ramsay
* Ray
* Linnaeus
* Mendel
* Pasteur
* Virchow
* Agassiz
* Steno
* Woodward
* Brewster
* Buckland
* Cuvier
* Copernicus
* Galileo
* Kepler
* Herschel
* Maunder
* Pascal
* Leibnitz

.Todos é claro em trajes de banho!
…E sem vergonha nenhuma, pois ja estão acostumados em passar vergonhas maiores com o CRIACIONISMO!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Querias ser um quarto do que eles foram para a ciência.

Comentar por alogicadosabino

Puxa Romano, você foi começar a lista logo com Newton…

Logo ele, cristão, autor de obras teológicas.. que disse:

“A maravilhosa disposição e harmonia do universo só pode ter tido origem segundo o plano de um Ser que tudo sabe e tudo pode. Isto fica sendo a minha última e mais elevada descoberta”

(NEWTON, Isaac. Principia, Book III . Newton’s Philosophy of Nature: Selections from his writings. Nova Iorque: H.S. Thayer, Hafner Library of Classics: 1953).

Que revés heim amigo?

Comentar por nilo

Voce se diz um criacionista?

Péssimo!

Se voce não sabe todos eles defendiam a essa crença criacionista!

Mais não da maneira como voces fazem!

Eles admitiam a evolução como fato, e creditavam ela a DEUS um tipo de neocriacionismo, so que um criacionismo inteligente e não burro como os de hoje em dia!

Depois desses pensadores o criacionismo passou a ser um lar de loucos fanaticos!

Acreditem em seu Deus, mas (para o proprio bem ) não passem por ridiculo questionando a ciencia!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

ops, agora percebí.

Comentar por nilo

Engraçado a sua citação, Romano: “Eles admitiam a evolução como fato […]”

“Eles” eram antes de Darwin. 🙂

Comentar por JeremiasMezenga

Interessante;

Camisola (Portugual) = Camisa (Brasil).

No Brasil, “camisola” é roupa de mulher, que elas usam quando vão dormir, normalmente.

Comentar por nilo

“Continuar a alterar teorias que até aí se ensinavam nas escolas e universidades como verdades…”.

Acostume-se a isso, eu, você e todos nós nos beneficiamos da tecnologia vinda da ciência que se questiona, se renova e se atualiza, ou você acha que o sistema de aquecimento digital com controle remoto de sua casa tem um esquema descrito em algum versículo da bíblia?

“Continuar a detectar tecidos moles e estruturas moleculares frágeis nos fósseis de alguns animais (como ADN, medula óssea, vasos sanguíneos, células, etc), material que não fica preservado durante milhões de anos, e dizer que mesmo assim isso não prova que eles não têm milhões de anos ”

Lá vou de novo… Já comentei isso, e comento novamente: Mary Schweitzer, não questiona a datação do fóssil, a questão é outra, como tecidos moles foram preservados por tanto tempo, diga-se de passagem que os tecidos não estavam a mostra, foram extraídos com uma técnica utilizando-se ácidos em laboratório.

E mais, no artigo que sempre você cita e é também sempre bom lembrar o que ela (cientista teísta evangélica) diz: ‘ Unlike many creationists, she finds the notion of a world evolving over billions of years theologically exhilarating: “That makes God a lot bigger than thinking of Him as a magician that pulled everything out in one fell swoop.’

Diferentemente de muitos criacionistas, ela acha que a noção de mundo desenvolvendo em bilhões de anos é teologicamente estimulante: ‘Isso faz Deus muito maior que aqueles que o imaginam como um mágico que criou tudo de uma só vez’.

Prefiro o desfile proposto pelo Romano!

Comentar por Godzila

Godzila disse: “Acostume-se a isso, eu, você e todos nós nos beneficiamos da tecnologia vinda da ciência que se questiona, se renova e se atualiza, ou você acha que o sistema de aquecimento digital com controle remoto de sua casa tem um esquema descrito em algum versículo da bíblia?”

Claro q não! O sistema de aquecimento digital com controle remoto se desenvolveu sozinho, sem input inteligente, sem planejamento e sem propósito.

O mundo inteiro sabe disso, exceto esses criacionistas!

(eu não sei pq sempre usam os resultados práticos da ciência como argumento)

Comentar por Vanessa

Vanessa,

Obrigado por abrir meus olhos!

Como não pensei nisso antes? É lógico!
Fomos feitos a partir do barro, e logo que saímos do forno já estávamos prontos, feito um pão quentinho, está no Gênesis, não é mesmo?

“eu não sei pq sempre usam os resultados práticos da ciência como argumento”

Eu explico: quando se argumenta que a ciência, continua “a alterar teorias que até aí se ensinavam nas escolas e universidades como verdades” é preciso lembrar os criacionistas que eles também se beneficiam da ciência feita desse modo, é assim que a ciência se desenvolve, gostem ou não, porque se dependêssemos somente da bíblia, estaríamos ainda a luz de velas, achando que o Sol dá voltas em volta da Terra.

Comentar por Godzila

Eu me beneficio das centenas de feriados católicos, apesar de ser protestante. Não há problemas nisso.

O fato do mecânico consertar o motor do meu carro com eficiência não dá a ele o direito de me fazer declarações metafísicas. Ele é pago para consertar motores, não para me contar histórias.

Assim, q os cientistas (evolucionistas ou não) continuem fabricando bugingangas, vacinas e brinquedos caros.

Ao ensinarem narrativas como se fossem a única explicação ‘científica’, os evolucionistas extrapolam.

As revisões constantes na ciência só são um problema para cientificistas (aqueles que tratam a ciência como detentora única da verdade e os cientistas como papas).

Mas interesso-me por saber: onde vc viu geocentrismo na Bíblia?

Comentar por Vanessa

Mas tens de acreditar que somos feitos da mesma matéria que compõe o barro, de uma forma ou de outra. De onde achas que veio a matéria para a hipotética forma primordial da vida?

Comentar por MVR

Vanessa,

Cientistas não são mecânicos a contar histórias, sua comparação não procede, mas disso já devia saber.

“As revisões constantes na ciência só são um problema para cientificistas (aqueles que tratam a ciência como detentora única da verdade e os cientistas como papas).”

Não é a leitura que se faz quando se vê os posts e comentários desse blogue, a revisão constante e aprimoramento da ciência tem incomodado, e muito, os criacionistas, afinal a verdade absoluta da bíblia é que deveria ser ensinada nas escolas pelo que se vê por aqui.

“Mas interesso-me por saber: onde vc viu geocentrismo na Bíblia?”

Eu não, mas católicos e protestantes sim, haja visto que Galileo foi condenado a prisão e esteve na lista negra da igreja por muito tempo, Copérnico antes dele segurou seus estudos por mais de 30 anos com receio de publicá-los, já Giordano Bruno não teve tanta sorte, é assim que a ciência era impulsionada, não é?

A propósito, se iniciar uma campanha contra os quatro ou cinco feriados católicos (e não centenas), com certeza terá muitos fundamentalistas a te seguir…

Ciência nas escolas, religião nos templos, e que continue assim.

Comentar por Godzila

Na verdade, a revisão constante da ciência tem sido muito útil para confirmar o criacionismo.

O naturalismo, que não é ciência, é que tem se incomodado.

Comentar por MVR

Olá MVR,

“Mas tens de acreditar que somos feitos da mesma matéria que compõe o barro, de uma forma ou de outra. De onde achas que veio a matéria para a hipotética forma primordial da vida?”

Foi bem nessa resposta!

Comentar por Godzila

Só por curiosidade….

Se aplicarmos o valor de mercado aos componentes do nosso corpo; cálcio, água, carbono etc. Na quantidade de cada um deles.

Será que chegaria a valer 50€?

Abraço.

“…porquanto és pó e em pó te tornarás.” (Gn 3:19)

Comentar por nilo

Godzila disse: “Cientistas não são mecânicos a contar histórias, sua comparação não procede, mas disso já devia saber.”

E a sua comparação foi boa?
Bom, vc enfiou um controle remoto digital na discussão sobre ciência (fabricantes de controle remoto e sistemas de aquecimento doméstico devem ter algo a ver com ciência, suponho..).
A locomotiva saiu dos trilhos já no teu post.

O teu pensamento é: “eu inventei um controle remoto, portanto Deus não existe e a evolução darwinista é verdade!”

O do cara q faz o motor do meu carro é: “eu fiz o teu motor, por isso o Design Inteligente é uma estupidez e Deus não existe!”

Percebe como apelar para invenções e resultados da ciência não favorecem o teu argumento?

A inteligência e a capacidade criativa do ser humano faz mais sentido dentro do modelo criacionista.

Comentar por Vanessa

Vanessa por favor,
….
…..
…retorne ao seu devido lugar
……..
………..e recolha-se calada

……
…assim como a B.I.B.L.I.A. lhe impõe!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Godzila, não creia em tudo o que lês por aí sobre o factóide ‘ciências x religião’.

Sobre o mito “Galileu foi condenado”, leia Galileo Goes to Jail – And Other Myths about Science and Religion, de Ronald L. Numbers: http://www.hup.harvard.edu/catalog/NUMGAL.html

A Bíblia não pode ser responsabilizada pela incompetência dos que se dizem cristãos e a ignoram ou desobedecem.

A explicação católica:
http://www.radiovaticana.org/BRA/Articolo.asp?c=281521

http://www.zenit.org/article-21667?l=portuguese

E ainda há o fato de que o próprio Galileu era um cristão que acreditava na Bíblia.

Assim, o “caso Galileu” não é “ciências x religião”, mas seria no máximo: ‘cristão q conhece a Bíblia’ x ‘cristãos q supostamente não conheciam a Bíblia mas conheciam e amavam filosofia’.

Comentar por Vanessa

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Romano, bastava colar o link:
http://desciclo.pedia.ws/wiki/Criacionismo
Economizaria o espaço ocupado com posts gigantes desnecessários.

Comentar por Vanessa

Romano Aros, se pões mais textos despropositados e cheios de asneiras começo a mandar os teus comentários para a lista de spam.

Creio que já és adulto. Portanto, porta-te como tal ou então procura um blog mais adequado a ti.

Comentar por alogicadosabino

Romano, vc como um bom ´´ateu-não-pensante-por-opção“ insiste no mesmo erro.

Incapaz de defender seu credo com INTELIGENCIA apela p bagunça e deboche.
Por falar de inteligencia, vc não tem 1% da capacidade dos cientisas que vc listou, e debochou.

Vc não sabe NADA sobre a cartas de Paulo aos Corintios.
Antes de mandar alguem calar a boca, Trool, VAI ESTUDAR, SEU LEIGO.

Olha o ateu Godzila, pelo menos ele tenta defende seu credo filosofico com argumetos, não com palhacadas imbecis tiradas da Desciclopedia.

Obrigado por provar {de novo} que o fanantismo cego, intolerante e idiota não é invenção da ´´religião“, que qualquer grupo humano pode ter poblemas com esse mau.
Ate o ateismo.

Tente não ficar machucado por dentro filhinho.

Comentar por Adim

“Continuar a dar exemplos de variação entre as espécies, observada em laboratório ou na natureza, para depois mostrar aos criacionistas como os seres vivos evoluem, apesar de os criacionistas não terem nenhum problema com este tipo de “evolução”, uma vez que é apenas recombinação de material genético já existente no ser vivo”

Um ser não tem necessariamente a mesma informação do seu progenitor, se tivesse seria o próprio progenitor. Há mutações e há o crossing over que faz o indivíduo ser ligeiramente diferente. Neste momento a informação genética é diferente da do progenitor. Não sei onde está a tua dúvida sabino.

Comentar por Dário Cardina

Não tem a mesma, mas o que varia não são os genes que codificam as diferentes estruturas, mas sim os alelos. Tudo o que as mutações fazem é mexer com a informação que já lá está.

Comentar por alogicadosabino

Não sabino, não… Tens uma sequência genética, essa sequência vai codificar proteínas. Se tiveres uma mutação a proteína poderá ser diferente. Passas essa informação para o teu filho. As mutações incidem em genes, em bases e não em proteínas.

Comentar por Dário Cardina

Dário: em que resultam essas variações e como elas podem favorecer a narrativa evolucionista em detrimento do criacionismo?
Seria bom dar-nos exemplos, se possível.

Comentar por Vanessa

Dário, as mutações substituem, invertem, trocam, eliminam,… não acrescentam nada. Se elas realmente fossem a matéria-prima evolutiva os dados sobre elas deveriam ser outros e não a predominância da sua acção nas doenças genéticas. Para uma que é benéfica para o indivíduo, tens 1000 malignas. Se tivesses razão no que dizes, vocês já teriam oferecido outros exemplos que não a “evolução” de resistencia das bacterias aos antibióticos e coisas do género, que não é mais do que a supressão de informação genética que impossibilita o organismo de produzir a enzima que produz a reacção química que, em contacto com o antibiótico, leva à morte do ser.

E atenção que eu não estou a dizer que no dia em que demonstrarem um aumento confirmado de informação isso prova que houve evolução. O número dessas deveria ser em maior quantidade que o numero das que eliminam informação. Afinal de contas é preciso uma grande força para irmos de organismos de uma célula a organismos de triliões de células.

Comentar por alogicadosabino

QUAIS AS IMPLICAÇÕES BIOLÓGICAS DE SUA TRANSPOSIÇÃO?
Os elementos de transposição são apontados como geradores de variabilidade, podendo causar um repertório de efeitos mutacionais, desde a simples disrupção de seqüências codificantes, resultando em fenótipos nulos ou letais, ou ao se inserir em uma região regulatória de um gene, podem criar um novo padrão de expressão fenotípica. Assim, os elementos de transposição estão relacionados com a HIPERMUTABILIDADE , a reestruturação dos genomas ao promoverem rearranjos cromossômicos, e a TRANSMISSÃO HORIZONTAL de informação genética. Todos estes mecanismos podem ser de grande importância como fonte de variabilidade para a evolução.

Comentar por hermogenes

É um texto muito bonito. Só te falta dar exemplos de mutações que tenham dado ao organismo algum tipo de informação genética que ele já não tinha.

Comentar por alogicadosabino

Hermogenes tirou sua resposta daqui:
http://www.ufsm.br/labdros/transposons/index.html

agora q já sabes copiar e colar sem dar fonte, só falta manteres o foco no tema.

De q forma isso evidencia a evolução à moda darwiniana?

Comentar por Vanessa

Vanessa,

“fabricantes de controle remoto e sistemas de aquecimento doméstico devem ter algo a ver com ciência, suponho…”

Os conceitos que propiciaram o desenvolvimento e fabricação desses aparelhos estão todos no campo das ciências(física e química), com suas revisões de teorias e o acréscimo de informação e conhecimento.

Sobre as conclusões que tirou, se eu seguir em sua linha de raciocínio teremos o seguinte:

O teu pensamento é: “eu inventei um controle remoto, portanto Deus existe e a evolução darwinista é mentira!”

O do cara q faz o motor do meu carro é: “eu fiz o teu motor, por isso o Design Inteligente é uma maravilha divina e Deus existe!”

Com a linha de raciocínio que propôs não dá para chegar a nada, não vou entrar no mérito do debate sobre a existência de deus (pode existir ou não), o que discuto é quererem debater e, principalmente, interferir nas ciências sob a ótica religiosa.

Vou ler os links que propôs sobre Galileo e depois comento, ok? A propósito, todos que citei eram cristãos (Galileo, Nicolau Copérnico e Giordano Bruno), nada contra cientistas de quaisquer credos, desde que utilizem metodologia e rigor científicos em suas linhas de pesquisas.

Comentar por Godzila

Godzila escreveu: “Sobre as conclusões que tirou, se eu seguir em sua linha de raciocínio teremos o seguinte:”

Não é minha linha de raciocínio. É sua.
Eu nunca usaria um argumento desses.

Aquele papo tipo “não critique os cientistas por que eles proporcionaram o controle remoto do teu aquecedor” saiu de sua mente, não da minha.
É um argumento tolo, um filho feio.
Mas, toma q o filho é teu!

Da minha mente saiu o argumento do tipo “e daí se ele inventa coisas?! Isso não lhe dá o direito de fazer afirmações metafísicas naturalistas e classificá-las de ‘ciência’ com exclusividade.”

Comentar por Vanessa

“Eu nunca usaria um argumento desses. ”

Se você tivesse entendido a ironia inicial, veria que é justamente para não comparar religião com ciência, elas partem de bases diferentes para produzir conhecimento.

Mas com o raciocínio raptorial que você utilizou, conseguiu produzir as anomalias já rebatidas.

“Da minha mente saiu o argumento do tipo “e daí se ele inventa coisas?! ”
Pois é, isso também é muito bom, confundir o Professor Pardal(inventor) com cientista…

Aliás, no meu comentário original falo sobre a crítica feita a metodologia científica a partir das revisões das teorias e a renovação do que é ensinado nas escolas e universidades, e sobre a cientista Mary Schweitzer.

“Isso não lhe dá o direito de fazer afirmações metafísicas naturalistas e classificá-las de ‘ciência’ com exclusividade.””

Parece aqui que queres levar a discussão para Teoria da Origem da Vida e talvez do Universo (e note que isso não foi escrito por Darwin), mas não vou discutir isso porque a filosofia abunda por esses lados (nisso religiosos são bons, coitado do Galileo!) além de não ser tema do meu comentário.

Sobre Galileo, eu sei que não foi queimado e que teve a condenação de prisão comutada, mas como eu disse, ele foi condenado a prisão, o que continua sendo um belo incentivo para um cientista “cristão”.

Comentar por Godzila

Declino, Godzila…

É muita bobagem, e o assunto já perdeu o sentido.

Lembre-se de não usar esse argumento “não-critique-as-revisões-da-ciência-pois-ela-te-deu-um-notebook” da próxima vez.

Até porque o que se critica é o ar de verdade inquestionável que dão às afirmações evolucionistas.

As revisões e quebra de paradigmas são coisas muito boas: nos proporcionam momentos divertidos diante dos cientificistas decepcionados.

Comentar por Vanessa

Vanessa apanhaste-me (estou verdadeiramente impressionado). Mas isso não invalida o que está dito. Escolhi o texto do link por ter linguagem simples de entender. Ai vai um artigo que podes baixar e ler (melhor assim?):

The impact of retrotransposons on human genome evolution.
Cordaux R, Batzer MA.
Nat Rev Genet. 2009 Oct;10(10):691-703. Review.

Como isso evidencia a evolução?

“Dário, as mutações substituem, invertem, trocam, eliminam,… não acrescentam nada (Sabino, 2009)”.

Se leres o artigo já tens resposta para a pergunta do Sabino.

Comentar por hermogenes

“Se leres o artigo já tens resposta para a pergunta do Sabino.”

Só faltam os exemplos e mostrar como erros genéticos podem criar toda a diversidade existente, quando os próprios evolucionistas de vez em quando vêm a público admitir que não fazem a mínima ideia como a biodiversidade surgiu.

Comentar por alogicadosabino

Sabino, um dos argumentos usados para contestar a teoria da evolução pelos criacionistas é dizer que as mutações genéticas occorrem apenas sobre genes pré-existentes e que não ocorre a adicão de material genético (exemplo: Dário, as mutações substituem, invertem, trocam, eliminam,… não acrescentam nada). Ora, os transposons são fonte de variabilidade genética em várias espécies, pois podem se transmitir HORIZONTALMENTE (entre espécies diferentes). Desse modo, o rearranjo genomico pode provocar o surgimento de novos genes (como demosntrado em Camundongos).
Portanto, o DNA genómico que possuimos não é todo ele apenas “nosso”, temos muito DNA de origem viral….somos portanto, transgénicos.

Comentar por hermogenes

mete lá as fontes.

Comentar por alogicadosabino

Vanessa ai vai outro artigo:

Science. 2004 Mar 12;303(5664):1626-32.
Mobile elements: drivers of genome evolution.
Kazazian HH Jr.

Department of Genetics, University of Pennsylvania School of Medicine, Philadelphia, PA 19104, USA. kazazian@mail.med.upenn.edu

Mobile elements within genomes have driven genome evolution in diverse ways. Particularly in plants and mammals, retrotransposons have accumulated to constitute a large fraction of the genome and have shaped both genes and the entire genome. Although the host can often control their numbers, massive expansions of retrotransposons have been tolerated during evolution. Now mobile elements are becoming useful tools for learning more about genome evolution and gene function.

Comentar por hermogenes

Não percebi onde está a evidência favorável à teoria da evolução.

Aponte-a objetivamente para discutirmos.

Comentar por Vanessa Meira

Vanessa, um dos argumentos usados para contestar a teoria da evolução pelos criacionistas é dizer que as mutações genéticas occorrem apenas sobre genes pré-existentes e que não ocorre a adicão de material genético (exemplo: Dário, as mutações substituem, invertem, trocam, eliminam,… não acrescentam nada). Ora, os transposons são fonte de variabilidade genética em várias espécies, pois podem se transmitir HORIZONTALMENTE (entre espécies diferentes). Desse modo, o rearranjo genomico pode provocar o surgimento de novos genes (como demosntrado em Camundongos).
Portanto, o DNA genómico que possuimos não é todo ele apenas “nosso”, temos muito DNA de origem viral….somos portanto, transgénicos.

Comentar por hermogenes

“É muita bobagem, e o assunto já perdeu o sentido.”
Aqui concordo com você!

“Lembre-se de não usar esse argumento…” cai no mesmo erro… não-critique-o-criacionismo-pois-os-organismos-são-muito-sofisticados-e-só-podem-ter-sido-criados-por-deus”

“As revisões e quebra de paradigmas são coisas muito boas: nos proporcionam momentos divertidos diante dos cientificistas decepcionados.”

Aqui prova, que não conhece como funciona o processo de desenvolvimento e conhecimento científico.

Comentar por Godzila

Godzila, é disso q estou falando: http://pt.wikipedia.org/wiki/Cientificismo

Esses nos proporcionam momentos divertidos.
E são esses que fazem o descrito no item 3) do post do Sabino.

Comentar por Vanessa Meira




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: