No princípio criou Deus os céus e a Terra


Afinal, humanos e chimpanzés separaram-se há 8 milhões de anos, e não há 5
Novembro 9, 2010, 6:52 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang | Etiquetas: ,

Era facto acentuado de que os seres humanos e os chimpanzés tinham seguido linhagens diferentes há 5 milhões de anos. Ou seja, o último ancestral comum destes dois seres tinha vivido há 5 milhões de anos. Isto é um facto científico. Ou melhor… era um facto científico. O novo facto científico diz que eles divergiram há 8 milhões de anos e não há 5.

Os autores do estudo afirmam que as espécies de primatas hoje existentes, o registo fóssil existente e a evidência molecular indicam que os seres humanos e os chimpanzés separaram-se há mais tempo do que o que se acreditava.

Este novo número foi ditado por um novo modelo estatístico utilizado por cientistas dos EUA. Como é que isto foi feito? Simples. O registo fóssil sobre a evolução é “magro“, admite o artigo. Assim, é necessário que o modelo estatístico utilizado por estes evolucionistas preencha as lacunas existentes. O evolucionista Robert Martin afirma que estes novos modelos estatísticos “podem dar aos cientistas uma perspectiva mais abrangente para interpretar os dados“.

Publicado no Systematic Biology.

CONCLUSÃO

Isto não é nada de mais. É “só” um erro de datação de 3 milhões de anos. E assim os evolucionistas vão ter aquilo que eles mais gostam: “uma perspectiva mais abrangente para interpretar os dados“. Eles gostam disto… liberdade criativa. Assim podem especular com mais facilidade a hipotética evolução humana.

Claro que isto levanta outras questões como, por exemplo, onde estão os fósseis que mostram a evolução humana. O evolucionista coordenador deste estudo sabe onde eles estão… ou melhor, onde eles não estão: “A evidência fóssil é a única forma directa de informação a respeito das espécies extintas e a sua evolução. Mas as grandes lacunas no registo fóssil tornam essa informação difícil de interpretar“.

E como não há evidência física que mostre essa evolução e suposta divergência das linhagens, então nada melhor do que um programa de estatística inventar dados para preencher as lacunas. Isto é o evolucionismo no seu melhor, com todo o rigor científico que lhe está inerente… quase nenhum.

Por que não considerar a outra hipótese: os chimpanzés e os seres humanos nunca divergiram de linhagem porque foram criados como seres diferentes? De certeza que poderemos arranjar um programa de estatística que nos preencha as lacunas que quisermos tapar, mas os criacionistas têm aquele mau hábito de apenas gostarem de usar ciência empírica para as suas conclusões.


51 comentários so far
Deixe um comentário

“Por que não considerar a outra hipótese: os chimpanzés e os seres humanos nunca divergiram de linhagem porque foram criados como seres diferentes?”

Onde estaria a ciência empírica que mostra essa hipótese?

Comentar por ThiagoZiul

Fácil Thiago,

Deus disse: “Alakazan” [ou alguma coisa parecida] e o homem foi feito.

Pronto. Mistério resolvido.

Não precisou gastar dinheiro com o salário dos “cientistas “evolucionistas, economizou-se tempo e esforço e até sobrou mais tempo para tomar umas cervejas. Olha que bom?🙂

Comentar por Icarus

(Thiago)Onde estaria a ciência empírica que mostra essa hipótese?

A ciência empírica (coisa que nenhum de teus comentários demonstra) está em várias áreas. Uma delas é a matemática estatística:

pir2.forumeiros.com
Crescimento populacional
Isaias em Qui Jul 22 2010, 17:12
Após a 3ª guerra mundial quase toda a vida na Terra acabou.
De toda a humanidade, só restaram 3 homens e 3 mulheres, que formaram 3 casais. Todos tinha a mesma idade: Vinte anos.
Couberam a eles e a seus futuros descendentes repovoarem a Terra.
Quantas pessoas haveriam 10.000 (dez mil) anos depois se:

Os casais e seus descendentes vivessem apenas 40 anos;
Se assim como eles, os seus descendentes gerassem 2 meninos e 2 meninas;
Se eles tivessem um filho a cada dois anos até chegar as quatro crianças.
Se fossem todos monogâmicos.
Se não houvessem outras causas de morte além da natural.

Agradeço se puderem me ajudar.

Re: Crescimento populacional
Elcioschin em Sex Jul 23 2010, 17:13
No início eram 3 casais (6 pessoas)

20 anos depois os 3 casais teriam 12 filhos (6 casais) aptos a procriar.

40 anos depois os 6 casais teriam 24 filhos (12 casais) aptos a procriar

Note que o período em anos é uma PA: 20, 40, …….. , 10 000 e os filhos constituem uma PG: 6, 12, 24 ….. An

PA —-> an = a1 + (n – 1)*r —-> 10 000 = 20 + (n – 1)*20 —-> n = 500 gerações

PG —-> An = A1*(q^n – 1)/(q – 1) —-> An = 6*(2^500 – 1)/(2 – 1) —-> Desprezando 1 do numerador:

An = 6*2^500 —-> An = 6*(2^10)^50 —-> 2^10 ~= 10³

An ~= 6*(10³)^50 —-> An = 6*10^150

É um número assombroso: 6 seguido de 150 zeros comparado com a população de hoje na Terra = 6*10^9

Conclusão: ao longo de 10 000 anos muita coisa aconteceu: mortes prematuras, devido a guerras e doenças, diminuição da natalidade, pessoas que não se casaram, etc
(Fim do artigo)

Vejamos:
Casais monogâmicos (improvável)
Apenas 4 filhos por casal (improvável)
Longevidade curta-Apenas 40 anos: Morte por Guerra, doenças e etc (provável).
Dá para:
Famílias inteiras serem destruídas várias vezes;
Aldeias inteiras serem destruídas várias vezes;
Cidades inteiras serem destruídas várias vezes;
Reinos inteiros serem destruídos várias vezes…
E agora, falso biólogo? Vais dizer o quê?
Nada! Irás enrolar, enrolar e não irás refutar.
E tente este mesmo cáuculo, mas usando 1 milhão de anos!

Comentar por Isaias S. Oliveira

Espertão,

Primeiramente, ONDE esse cálculo é demonstra o empirismo do criacionismo?

(Alakazan!) hahaha

É um lindo cálculo, que realmente impressiona no resultado. Mas como o autor do cálculo citou, devemos levar em consideração alguns fatores de interferem nesse resultado, como indivíduos estéreis e mortalidade infantil.

[Espetão] “E tente este mesmo cáuculo(*), mas usando 1 milhão de anos!”

Não tenho pretensão de refazer o cálculo, pois não sou matemático. Mas você DEVE ser. Faça-o e me mostre os resultados! E faça outro:

– 1 casal
– Dezenas de filhos e filhas, nascidos anualmente
– Aproximadamente 500 anos de londevidade
– Durante 6 ou 12 mil anos

Qual o resultado???

P.S.: Escreve-se CÁLCULO, e não CÁUCULO.

{mal sabe escrever, quem dirá calcular…}

Ooops! Pensei Alto!

Comentar por ThiagoZiul

ThiagoZiul,

Se queres entrar por estatística populacional, deves saber que a ciência já mostrou que o ancestral comum de todo o ser humano viveu há 5000 mil anos. Uma previsão muito mais em linha com o criacionismo bíblico do que o evolucionismo dos milhões de anos. Lê: https://alogicadosabino.wordpress.com/2008/02/29/5000-anos-para-o-ancestral-comum-de-todo-o-ser-humano/

Paz*

Comentar por Marcos Sabino

@ThiagoZiul:

“{mal sabe escrever, quem dirá calcular…}”

– errar uma palavra é variável determinante para que não se saiba calcular?
Em lógica chamamos este sua tentativa de ridicularizar de “falácia ad hominem”.

Comentar por Arnaldo

Eu acho muito interessante a homologia genética que há entre os seres vivos, isto aponta para um designer comum.

É mais inteligente primeiro criar as peças “lego” e depois montar várias coisas com elas, do que “reinventar a roda” em cada coisa que se queira montar.

Sim…. essas “coisas” que foram “montadas” são dinâmicas, sofrem degenerações importantes desde a queda do homem e também passaram a se misturar, perder pedaços, trocar pedaços… além disso, após o dilúvio, precisaram ser “remontadas”, algumas deixaram de existir e outras novas talvés precisaram ser montadas para trazer equilíbrio à interrelação delas…

Mas, continua sendo genial o projeto das complexas peças “lego” originais.

Comentar por nilo

Nilo,

Uma pergunta para vc.

O Designer desenhou o urubu antes ou depois da queda?

Comentar por Icarus

Oi Icarus (..voar, voar, subir, subir…), bele? rsrs

“E ao homem declarou: “Visto que você deu ouvidos à sua mulher e comeu do fruto da árvore da qual eu lhe ordenara que não comesse, maldita é a terra por sua causa; com sofrimento você se alimentará dela todos os dias da sua vida.

Ela lhe dará espinhos e ervas daninhas, e você terá que alimentar-se das plantas do campo.”
(Gn 3:17-18)

Intessante, os espinhos e as ervas daninhas não existiam antes, “evoluiram” depois da queda.

No geral penso que vivemos em uma caricatura bem deformada do foi um dia a criação. O que hoje alguns chamam de “evolução” é um processo degradativo.

Outro texto interessante está em Romanos 8:

“Considero que os nossos sofrimentos atuais não podem ser comparados com a glória que em nós será revelada.

A natureza criada aguarda, com grande expectativa, que os filhos de Deus sejam revelados.

Pois ela foi submetida à futilidade, não pela sua própria escolha, mas por causa da vontade daquele que a sujeitou, na esperança de que a própria natureza criada será libertada da escravidão da decadência em que se encontra para a gloriosa liberdade dos filhos de Deus.

Sabemos que toda a natureza criada geme até agora, como em dores de parto.”

Abraço.

Comentar por nilo

Se Paulo soubesse o quanto conseguimos piorar o quadro nestes últimos 2 séculos…

Comentar por nilo

Nilo,

A origem não era da mitologia, era da revista de Astronomia🙂, lembra? que indiretamente veio da mitologia. Tem também um projeto que eu estou envolvido, mas qq eu te conto…

Agora, o Sr enrolou, e não respondeu claramente. Criado antes ou depois?🙂

Comentar por Icarus

😦

qq dia eu te conto. Essas caixinhas de comentário me irritam.

Comentar por Icarus

Penso que muitas coisas surgiram depois da queda, assim como outras desapareceram e assim como outras se transformaram. Ando inclinado a pensar que novos seres foram criados depois do dilúvio também.

Quanto ao urubu que conhecemos hoje, ele pode ser uma deformação de uma ave originalmente criada.

Aliás, nós mesmos somos deformações, ou alguém por ai ainda vive 900 anos?

Comentar por nilo

Nilo,

Ele pode ou é? Cade a ciência desenvolvida pelo DI para nos dar informações precisas sobre o mundo natural observável? 😉

Comentar por Icarus

Nilo,

Ou os cientistas do DI andam ocupados demais desmascarando as mentiras dos cientistas evolucionistas que não tem tempo para cuidar da própria ciência?😉

Comentar por Icarus

Bem, o D.I. não tem a ver com bíblia, eu nem sei o que eles falam sobre urubus, se descobrir posto aqui.

Mas o que escreví acima são minhas impressões pessoais, ideias [loucas] minhas mesmo, de um crente criacionista.

Agora, concordo que o D.I. está engatinhando ainda.

Além de ser uma abordagem relativamente nova, tem muitas dificuldades de financiamento para pesquisas, grande rejeição para publicação de artigos e falta de material humano qualificado – muros de preconceitos foram levantados no último século fazendo os teístas e religiosos em geral se afastarem da ciência.

Particularmente, sou de Engenharia, sei criar coisas bem legais com o que existe por ai – eletrônica, robótica, programação e tal – mas pesquisa científica não é comigo não.

Comentar por nilo

Nilo,

Que legal que vc trabalha com eletrônica.

Bom, uma pena que vc não conheça bem sobre o DI & urubus. Eu estou elaborando o Paradóxo do Urubu e preciso de um voluntário😉

Comentar por Icarus

Icarus,

Esse cara aqui parece enteder de Urubus, ao menos ele explora um, hahaha:
Loira, o Urubu de estimação
Loira se alimenta de carne fresca. “Todo mundo pensa que urubu só come carniça. A loira, não. Se deixar, ela come até picanha. Quando ela está nos eventos, os organizadores sempre deixam um bife de picanha especial para ela.”

Comentar por nilo

Nilo,

E quando a gente acha que já viu de tudo nesta vida, eis que aparece um doido para provar que não😉

O cara dorme com o Urubu? pqp. hahahahaha

Comentar por Icarus

Icarus, você viu onde estava o urubu?

Já pensou se ele resolve dar uma “bicada”?

Qualquer dia esse cara acorda transexualisado.

Comentar por nilo

Nilo,

A primeira coisa que me veio a mente, foi o olho. Urubu consegue arrancar em um unico tiro. Mas realmente, este cara não tem muito amor as partes😉

Comentar por Icarus

Ei.. mudando de assunto.

Você viu isso:
Universe Is a Hologram?

É a segunda matéria que leio falando sobre esta possibilidade. É assustador.

Comentar por nilo

Nilo,

Eu vi. Saiu na Scientific American do mês passado. Alias duas revistas que eu gosto muito, esta e a da Fapesp.

A deste mês tem uma matéria bem legal sobre o James Webb. Cara, não vejo a hora de ver ele em operação no espaço 😉.

Comentar por Icarus

Meu, isso é muito louco.

Se o espaço x tempo puder ser quantizado, se existirem esses “pixels” de espaço x tempo… então nossa noção de realidade seria radicalmente lançada para fora do Universo do qual estamos acostumados.

Meu, por exemplo, se a gravidade for mesmo uma consequência da estrutura geométrica do espaço x tempo como dizia Einstein, então ela só diz respeito a estes “pixels”, a este holograma.

“La fora”, na “realidade”, perdemos nossos mais caros e “holográficos” conceitos, como a gravidade.

É aterrador. Muito meta-físico.

Comentar por nilo

Nilo,

Interessante mesmo. E pensar que não sabemos ainda o que confere a massa a matéria, ou seja, não entendemos direito ainda aquilo que nos é o mais óbvio e intuitivo.

Viu que o LHC começou os testes com os íons de chumbo? Será que vamos achar os Bóson de Higgns desta vez?😉

Acredito que a nossa Física esta a beira de ser virada ao avesso hehe.

Comentar por Icarus

Hehehe, estou de olho nisso. Deve vir coisa boa por ai.

Pelo menos é mais promissor do que dormir com um urubú na cueca (em Portugal se diz “Boxer” não é Sabino?).

Comentar por nilo

Incapaz de refutar os milhõezitos😉 de anos acrescentados opto por desacreditar o autor do post.

Ora vejamos. Apresentou
Isto não é nada de mais. É “só” um erro de datação de 3 milhões de anos. E assim os evolucionistas vão ter aquilo que eles mais gostam: “uma perspectiva mais abrangente para interpretar os dados“. Eles gostam disto… liberdade criativa. Assim podem especular com mais facilidade a hipotética evolução humana.

Inicia com sarcasmo (que traz pouca informação)
Continua ao afirmar que é um erro. Não! Ambas as datas tratam de previsões.
Continua com sarcasmo (brincalhão)
Introduz uma tradução.
Remata com ainda mais sarcasmo (sff pára de bater no ceguinho)

A tal “perspectiva mais abrangente para interpretar os dados“, está inserida num contexto.
Such modeling techniques, which are widely used in science and commerce, take into account more overall information than earlier processes used to estimate evolutionary history using just a few individual fossil dates, Martin said. It can give scientists a broader perspective for interpreting data.

Não sei quais são as tais técnicas de modelação mas parece-me que a forma de contestar o evolucionismo deverá passar por encontrar falhas nos métodos estudados e que naturalmente melhoram com o tempo.
Em vez disso, pega-se em meia dúzia de frases e descobre-se Jesus…

E já agora, não foi o Maniche quem marcou os 3 golos do Vitória de Guimarães.

Comentar por Nuno Dias

(Thiago) Primeiramente, ONDE esse cálculo é demonstra o empirismo do criacionismo?

Qual o tema do post? Os milhõõões de anos. Não sabes ler?

(Thiago) É um lindo cálculo, que realmente impressiona no resultado. Mas como o autor do cálculo citou, devemos levar em consideração alguns fatores de interferem nesse resultado, como indivíduos estéreis e mortalidade infantil.

População estimada pelo cálculo (Em 10 mil anos): 6*10^150.
População atual do planeta: 6*10^9.
Diferença: 6*10^141.
Não entendeu? Peça a alguém para ler e te explicar.

(Thiago) – 1 casal
– Dezenas de filhos e filhas, nascidos anualmente
– Aproximadamente 500 anos de londevidade
– Durante 6 ou 12 mil anos. Qual o resultado???

Já tenho um CÁLLLLLLLCULO semelhante. Mas não adianta, pois como sempre, fecharás os olhos para as evidências.
O cálculo não foi feito por mim. Solicitei em um blog de matemática. Então na próxima vez, peça a alguém para ler os posts para você.

(Thiago) … Sou cristão…

Se fosses cristão seguirias os ensinamentos de Cristo e de seus apóstolos, que em várias passagens do Novo Testamento confirmaram a CRIAÇÃO (e não a evolução) conforme descrita em Gênesis.
O quê você ganha mentindo assim (..sou cristão/biólogo…) de forma tão discarada? O quê você ganha com isto?

(Thiago) {mal sabe escrever…,

…apareciam larvam em materia…
…e acerditavam que…
…diversas…, que nos facilitar termos uma idéia…
… depois o governo, depoias as castas…?
Comentário por ThiagoZiul Novembro 1, 2010

ONDE esse cálculo é demonstra…
…alguns fatores de interferem …
Comentário por ThiagoZiul Novembro 10, 2010 @ 11:01 am

Quem nunca cometeu erros de português/ digitação, que atire a primeira pedra.
Epa, o Thiago já atirou. Coisa feia, hein!

(Thiago) …quem dirá calcular…}

Se você soubesse ler, saberia que o cálculo não foi feito por mim.
Peça a alguém para ler os posts para você. Evitará estes constrangimentos.

Comentar por Isaias S. Oliveira

Não sei porque continuo desperdiçando meu tempo com este falso biólogo chamado Thiago. O cara aponta erros de português, digitação, fala de religião… mas quase não fala/escreve sobre biologia.
Mas não adianta; eu tento ficar sem responder mas não consigo rsrs.

Comentar por Isaias S. Oliveira

Isaias,

“Mas não adianta; eu tento ficar sem responder mas não consigo rsrs.”😉

Mas vamos nos desarmar agora e sejamos honestos.
Ninguem quer ficar por baixo do debate não é? hehehehe

Comentar por Icarus

Isaias,

Como não falo de biologia?

Claro que fiz citações referentes a biologia nos meus comentários, e meu propósito aqui é entender os pontos de vista diferentes.

Você quem começou a me atacar desde que citei que sou biólogo. Depois disso ainda disse, humildemente, a razão dessa afirmação.

Mesmo depois disso continuou a tentar me desacreditar! Sendo capaz até de fazer afirmações idiotas como “o zigoto é resultado da fusão dos gametas”…

Depois dessa só me restou rir de você!

Por que se sente tão ofendido com minhas opiniões?

Comentar por ThiagoZiul

ó pá! eu acho que o Sabino e o Mats são excelentes psicólogos. A malta vem para cá desabafar as frustrações da vida.😀

Comentar por Nuno Dias

(Thiago)…Sendo capaz até de fazer afirmações idiotas como “o zigoto é resultado da fusão dos gametas”…
Depois dessa só me restou rir de você!

Após a fecundação, o ovo começa a se dividir, formando o zigoto.
http://www.gineco.com.br/fecundacao/fecundacao.html

Na reprodução sexuada animal, ocorre a fusão de dois gametas diferentes para formação do zigoto (célula criada a partir da ligação do espermatozóide com o óvulo).
http://www.todabiologia.com/saude/reproducao_sexuada.htm

Comentar por Isaias S. Oliveira

(Thiago)…Sendo capaz até de fazer afirmações idiotas como “o zigoto é resultado da fusão dos gametas”…
Depois dessa só me restou rir de você!

Após a fecundação, o ovo começa a se dividir, formando o zigoto.
gineco.com.br/fecundacao/fecundacao.html

Na reprodução sexuada animal, ocorre a fusão de dois gametas diferentes para formação do zigoto (célula criada a partir da ligação do espermatozóide com o óvulo)
todabiologia.com/saude/reproducao_sexuada.htm

Comentar por Isaias S. Oliveira

A idéia de evolução lenta e gradual está aos poucos ficando para trás.
Evolução gradual? Onde?

O que há são indícios de grandes e repentinas “explosões” de vida após evento catástrófico e em curtíssimo espaço de tempo.

Já que ficam de fora o gradualismo e o acaso, então restam duas abordagens nesse evento “explosivo”:

– Ou a vida desejou se multiplicar e forçou, “conscientemente”, propositalmente, sua própia evolução para sobreviver.

– Ou alguém fez isso nela.

Em ambos as sugestões teríamos design inteligente e não evolucionismo.

Comentar por nilo

Nilo,

Pelo jeito, vc não deve ter ouvido falar no equilíbrio pontuado certo?😦

Notícia fresca triste:
http://www.inovacaotecnologica.com.br/noticias/noticia.php?artigo=super-telescopio-espacial-james-webb&id=010130101112

Comentar por Icarus

Sim, hehehe.

Mas acho que é uma expressão bonita que no fundo não explica muita coisa não.

Primeiro porque falta o registro das mudanças graduais nos “perídos de baixa pressão” – o artigo que coloquei tras esse problema.

Então como podemos dizer que existem períodos de macro-evolução em baixa pressão?

Em segundo lugar, uma explosão em variedade, quantidade e complexidade de vida imediatamente após uma grande extinção, não pode ser explicada em termos puramente de pressão ambiental:

– Se a seleção natural pudesse “selecionar” (é discutível), ela só selecionaria adaptações se as tais existissem.

– Ou seja, seria necessário uma ocorrência frenética de mutações benéficas e ampliação de complexidade para que a seleção natural pudesse selecioná-las em pouco tempo.

Ora Icarus, mutações benéficas ocorrem frenéticamente? E ocorrem a taxas que explicassem matemáticamente esses eventos?

Cara, falta alguma coisa, precisa de algo ai, uma inteligência.

Como disse acima, uma hipótese seria a vida querer produzir variações para vencer o revés.

Ou seja, a vida precisaria querer evoluir e se adaptar genéticamente.

Eu não inventei isso, faz um tempo encontrei um artigo de um professor americano que estava propondo exatamente isso – que a vida poderia, em determinados casos, forçar ativamente sua evolução.

Perdí a referência deste artigo, por isso não citei acima. Mas o importante é que a sugestão existe, porque o problema tambpem existe e é sério – não é uma expressão bonita que vai resolvê-lo.

Se a vida evoluí orientada por inteligência, isso é D.I., não evolucionismo.

Se eu te disser que a inteligência vem de Deus, então isso é criacionismo e não D.I. .

Por isso sou criacionista, hehehe.

Comentar por nilo

Nilo,

Eu não concordo com o equilíbrio pontuado, mas tem gente que defende ela. Eu só fiz uma inclusão, pq vc só deixou 2 opções. hehehe

E curioso, a mesma impressão que vc tem dela, eu tenho do DI.😉

Comentar por Icarus

Ei, sobre o JWST.. tá enrolado né?

Meu, os EUA estão em crise isso tá barrando um monte de projetos por lá.

E não sei se vai melhorar, o governo americano está imprimindo milhares de dólares para desvalorizar a moeda e favorecer as exportações deles, isso é muito ruim para o resto do mundo.

O pior é que a China vai atrás também, desvalorizando mais ainda o dinheiro deles (que já não vale nada). Essa guerra cambial vai ferrar agente.

Sei lá Icarus, parece que ninguém liga pra nada é só lucro, lucro. Tanta coisa poderia ser feita, podíamos estar em Marte já.

Não merecemos os recursos que temos, nota “0” para administração terráquia.

Comentar por nilo

Nilo,

É uma pena mesmo. Acredito que os EUA não vão se recuperar tão cedo. A China logo, logo passa, pelo visto.

Daqui a pouco vamos mudar o nome do blog, alogicadosabino para bate paponiloicarus😉

Cara, vc estragou o meu paradoxo. Não consigo mais pensar nele, sem lembrar daquele cara deitado na cama com o urubu hehehe

Comentar por Icarus

Hahaa.

Não Icarus, alogicadosabino é bem mais que isso, é um blog corajosamente aberto para comentários. Poucas vezes ví o Sabino bloquear mensagens, normalmente foi quando alguém escreveu mais palavrões do que idéias.

Sabino, se sabe que nós te amamos não é?

Comentar por nilo

Ei Nilo, fale por vc , eu não amo ele não.😉 , alias homem nenhum hahahaha.

Comentar por Icarus

Tá a me estranhar, o pá??
rrsrs

Comentar por nilo

Nilo:

A TE pode ser produto do DI.

Comentar por Clayton Luciano

Pois é.

Ei, como vão as coisas Clayton? Você está com um blog agora não é?

Comentar por nilo

Nilo:

As coisas vão bem. O blog é só jurídico.

Comentar por Clayton Luciano

legal, eu tinha vísto, mas perdí o link.

Qual é mesmo?

Comentar por nilo

Nilo:

http://claytonluciano.blogspot.com/

Voce tecla de onde?

Comentar por Clayton Luciano

Sou de São Paulo, Clayton, da capital.

Tá bem técnico o seu blog.

Posso fazer uma sugestão?

Pense também em alguns posts práticos do tipo “direito na sua vida”, para pessoas leigas em direito, pessoas comuns, que não entendem de leis ou termos jurídicos.

Abraço.

Comentar por nilo

Nilo:

OK

Comentar por Clayton Luciano

Sabino,

Segue o link de um video bem interessante:

The animators of life

Design, design, design, design, design…..!!
🙂

Comentar por nilo




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: