No princípio criou Deus os céus e a Terra


Fundamentalistas religiosos ou nada nada religiosos?

No post anterior eu usei estas frases: “referirem apenas o lado menos bom dos cristãos e da Igreja”, só apontam os lados negativos da Igreja” e “Tu que dizes tão mal da Igreja“. Se calhar deveria ter sido mais específico ao utilizar a palavra “Igreja”. Nos dias que correm é arriscado usar uma palavra com tão vasto significado. Para os ateus mais ingénuos, sempre que estivermos a falar em Igreja eles vão associar “Igreja” aos padres pedófilos, vão associar “Igreja” aos que queimaram pessoas vivas na Inquisição, vão associar “Igreja” aos que se aproveitam da boa vontade e das necessidades das pessoas. Em suma, vão meter tudo no mesmo saco.

Para mim é triste hoje termos de colar à palavra “cristão” a palavra “criacionista”. É triste porque se eu apenas disser “cristão” corro o risco de me estar a referir a uma pessoa que não acredita na bíblia (é o caso dos que se dizem cristãos evolucionistas, que acreditam numa criação progressiva). Um “cristão” que não acredita na bíblia, um “cristão” que apenas aceita aquilo que não o possa diminuir na sociedade. Sim, é triste! Quase tão triste como os “cristãos não-praticantes”.

Não foi por acaso que eu fiz um post a dizer porque é que não sou religioso e depois fiz outro post a mostrar como a bíblia mostra a doutrina errada de algumas religiões.

Relativamente ao título do post… normalmente, a expressão “fundamentalista religioso” refere-se a uma pessoa que leva toda a bíblia à letra, que acredita no que diz a bíblia mesmo quando as circunstâncias possam aparentar o contrário. Será que os padres pedófilos e os que ordenaram a morte de pessoas na Inquisição são/eram fundamentalistas religiosos? Para tratar esta questão basta atentar para dois versículos, palavras de Jesus:

Amarás ao teu próximo como a ti mesmo(Mateus 22:39b)

Tudo o que vós quereis que os homens vos façam, fazei-lho também vós(Mateus 7:12)

Visto isto, os padres pedófilos e os senhores da Inquisição não deviam ser crentes fundamentalistas. Não questiono se seriam mesmo crentes porque isso não me compete a mim. Será que ao queimarem pessoas e ao violarem crianças eles estavam a amar o próximo e a fazer aos outros aquilo que gostariam que lhes fizessem a eles? Não me parece…

Recordando a pergunta deste post… fundamentalistas religiosos ou nada nada religiosos?

Advertisements

2 comentários so far
Deixe um comentário

É sempre bom esclarecer esses pontos. Continua.

Comentar por natenine

Se não podemos amar aos seres humanos a quem podemos ver, como diremos que amamos a Deus, a quem jamais alguém viu?
Não é bom fazer acepção de pessoas.
Quem tem o verdadeiro amor no coração, tem Deus e sabe separar o joio do trigo. Nem tudo que está escrito ali é verdade ou é pra ser conhecido.
Ocorre que muitos se “embriagam e viciam-se doentes” com a Biblia.
Quando Jesus diz: Pode uma árvore boa dar mau fruto? Ora, isso não é uma afirmação, é uma questão pra ser respondida: eu respondo que sim, pode sim uma árvore boa dar mau fruto. Porque acontecem pragas, estiagem, predadores, água contaminada, ou seja, se não se tomam cuidados, pode acontecer o pior.

Comentar por Ezra Floid




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: