No princípio criou Deus os céus e a Terra


Arqueologia cala a boca de mais uns quantos cépticos
Dezembro 29, 2009, 2:35 am
Filed under: Convicções / Fé

Pelo facto de a cidade de Nazaré não ser mencionada em nenhuma fonte extra-bíblica do 1º e 2º século, alguns pensadores diziam que ela não tinha existido até muitos séculos mais tarde. Só que a arqueologia tem o mau vício de calar os cépticos.

A Autoridade de Antiguidades de Israel anunciou a descoberta dos restos de uma casa construída na época de Jesus, a primeira descoberta do tipo feita no lugar onde Cristo passou sua infância. Yardenna Alexandre, arqueóloga que comandou a escavação, disse que ela expôs as paredes de uma casa do século I composta de dois cómodos e um pátio.

A descoberta tem enorme importância porque revela pela primeira vez uma casa do vilarejo judaico de Nazaré“, disse a arqueóloga. “A construção que encontramos é pequena e modesta. É provável que seja típica das moradias de Nazaré daquela época“, disse a arqueóloga. Yardenna descreveu Nazaré, hoje a maior cidade árabe de Israel, com cerca de 65 mil habitantes, como um “pequeno vilarejo” no tempo de Jesus.

Como diz o professor Todd Bolen no BiblePlaces Blog: “É verdade que a cidade de Nazaré não é mencionada por Josefo nem outros escritos contemporâneos, mas isso é apenas uma indicação do quão insignificante a vila era na altura“.


42 comentários so far
Deixe um comentário

Realmente a arqueologia prova cada vez mais que a Bíblia tinha razão.
Parabéns pelo site.

Comentar por Marcelo

O que Arqueologia faz é, apenas, desenterrar o passado.

Quem tenta provar que a Bíblia tinha razão, literalmente, é este site.

Comentar por Matilde

Mais uma vez a arquelogia corrobora a Bíblia.

Comentar por Joana

Outro dia aqui no terreiro de casa, achei uns resquícios de contrução antiga. Deve ser a casa dos dinossauros.

mas voltando ao assunto, que frase é esta no texto:

“arqueólogos não traçaram uma ligação direta entre a casa de Nazaré e jesus”

Comentar por Clayton Luciano

luciano, significa que a casa encontrada não pertenceu a Jesus.

Comentar por alogicadosabino

E qual era o código postal de José, o carpinteiro?

Comentar por Irene

Os ateus fazem uso frequente mesmo da falacia de apelo a ignorancia, ou seja não temos indicios de que essa cidade existiu então logo a biblia esta errada, mas o tempo realmente tem se encarregado de calar a boca dos ateus.

Comentar por Bud

Eu tenho um gibi do Homem-Aranha onde ele balança em suas teias pelo Empire State…

ih caraca!!!!

O Homem-Aranha existe!!!

Comentar por Alexssc

A diferença entre o que é real e o que não é, é principalmente esta… O que é real é real, e o que não é, não é.

Um argumento ad hoc destes não deveria nem ser levado a sério.

Só falta dizer que o holocausto também não existiu porque os campos de concentração não provam a existência de Hitler.

Comentar por MVR

Os ateus fazem uso frequente mesmo da falacia de apelo a ignorancia

Na…na…ni…na…não, senhor Bud.

Se não há evidência de algo, dizemos: “não temos evidência disso, portanto, não sabemos se é verdade ou não, logo, demanda mais estudos”.

A resposta “não sei” é perfeitamenete válida.

Ao contrário, o apelo à ignorância é amplamente utilizado por religiosos: “ah, não sabe explicar? FOI DEUS!”. É o deus-das-lacunas.

Comentar por Alexssc

Então parabéns. Você é uma das poucas exceções, pois procurando nesse blog (nesse tópico mesmo, né??) vemos alguns exemplos que o Bud falou.

Comentar por Adalberto Felipe

Alexssc,

Se não há evidência de algo, dizemos: “não temos evidência disso, portanto, não sabemos se é verdade ou não, logo, demanda mais estudos”.

Não temos evidência??
Você acha que a complexidade da vida, da natureza, a cognição humana, o princípio antrópico,… é puro acidente? Você acha razoável isso? Creio que isso se torna evidência para existência de um criador…

Abraço

Comentar por Marcelo

Queira mostrar onde eu falei algo sobre “acidente”, prezado.

Comentar por Alexssc

“Se não há evidência de algo, dizemos: “não temos evidência disso, portanto, não sabemos se é verdade ou não, logo, demanda mais estudos”.”

Aplique isso à evolução versão full: aquela que leva do unicelular ao cara que fez a afirmação acima.

Os caras acreditam e ensinam VÁRIAS coisas sem evidência e ficam aqui pagando de cético… Podia terminar o ano sem essa tentativa de “carteirada” pseudo-cética.

Belo discurso, pena que o utilize seletivamente.

Comentar por Vanessa Meira

Vanessa,

Repetindo o que falei em outro tópico:

Qualquer ossinho encontrado é mais evidência para a evolução que qualquer coisa que PUFFISTAS possam demonstrar tentando evidenciar seu “desiguiner” (que, afinal de contas, ainda carece de ser comprovado).

E uma dica de leitura prá fim de tarde: “Charles Darwin, em um futuro não tão distante”, Instituto Sangari, 2009.

Pg 49: “Passados, porém, 150 anos, a teoria da evolução das espécies permanece (…) como uma explicação coerente, bem fundamentada por fatos. Atualmente encontra respaldo na Genética, na Biologia Molecular, na Paleontologia, na Zoologia e em outros campos do conhecimento científico”.

Pg 61: “A grande lição da ciência – não acreditar em verdades absolutas e eternas e não aceitar argumentos baseados na autoridade (…). É preciso buscar evidências, (…)”.

Pg 66: “A teoria da evolução foi proposta para explicar o porquê de certos fatos sobre o mundo vivo. Entre as teorias, é uma das mais poderosas (…). Na verdade, seu êxito é tamanho que é difícil encontrar alternativas ao evolucionismo na esfera científica”.

Os PUFFISTAS não arregaçam as mangas e não buscam novas teorias CIENTÍFICAS que derrubem a T.E. e ainda querem ficar reclamando… assim não dá.

Comentar por Alexssc

E alguém disse que que a bíblia e a odisseia não relatam factos históricos ?

Tem muito de factual. E muito de fantasia.

Queres então dizer que por alguns relatos da odisseia ou da bíblia serem factos tudo é verdadeiro ?

Até pode ser mas não me parece….

Comentar por João Melo de Sousa

A arqueologia podia calar a boca daqueles que dizem que o êxodo não existiu como contado na “briba”, né não, prezado Sabino?

Mas…………………silênnnncio…

Comentar por Alexssc

Alexssc,

“A arqueologia podia calar a boca daqueles que dizem que o êxodo não existiu como contado na “briba”, né não, prezado Sabino?

Mas…………………silênnnncio…”

Provavelmente nunca ouviste falar na Estela da Fome, a forma como os Hicsos ocuparam o território egípcio, a inscrição da tumba do governador ameni, o Canal de José, etc. Em breve farei posts sobre a arqueologia, a biblia e o egipto.

Sabes, as evidências não vão cair no teu colo se não as procurares😉

http://cienciadacriacao.blogspot.com/2009/01/jos-no-egito-parte-ii.html

Comentar por alogicadosabino

Princípio antrópico nada mais significa que a vida surgiu no momento em que as condições eram as favoráveis para isso.

E como o momento era favorável, e a vida surgiu, você pode estar aqui se perguntando por que a vida surgiu e qual é o seu sentido.

Comentar por Alexssc

“Princípio antrópico nada mais significa que a vida surgiu no momento em que as condições eram as favoráveis para isso.
E como o momento era favorável, e a vida surgiu, você pode estar aqui se perguntando por que a vida surgiu e qual é o seu sentido.”

Tá bom!! Vou fingir que acredito…
Acreditarei também que:
As condições eram favoráveis para a complexidade da vida surgir do nada.
As condições eram favoráveis para a “inteligência” surgir da “não inteligência”.
As condições eram favoráveis para que a “vida” surgisse da “não vida”.

Da uma olhada na matéria abaixo e veja como é “bem simples” a tarefa do intestino e do estômago funcionarem.
http://cienciahoje.uol.com.br/colunas/bilhoes-de-neuronios/paladar-profundo

Você acha também que esse processo todo surgiu em condições favoráveis?
Abraço

Comentar por Marcelo

As condições eram favoráveis para a complexidade da vida surgir do nada.

Epa lá… não seja engraçadinho querendo inverter as coisas.

Quem diz que a vida surgiu do nada são os adeptos do PUFFISMO.

Veio deus e PUFF… tudo apareceu do nada.

Comentar por Alexssc

Eu me lembro que muitos céticos contestavam também as profecias de Isaias, pois até há algumas décadas atrás não havia nenhum manuscrito do profeta que fosse anterior a Cristo. Os céticos diziam: Estas coisas não passam de fraude, foram escritas depois de Cristo e blábláblá… No entanto, após a descoberta dos Manuscritos do Mar Morto, que contém documentos de 100 anos D.C. e também quase todo o livro de Isaias (além de outros), cuja idade é estimada em mais de 300 anos A.C, os céticos calaram a boca a esse respeito.
A arqueologia tem mesmo o “péssimo” hábito de confirmar a bíblia.

Comentar por Isaias S. OLiveira

Resumindo à todos os criacinonistas acima de A a Z

…..Arqueologos que acham milhares de ossos de todas as formas em todo o mundo e dizem poder ser (atenção “PODER” ser) um possivel (POSSIVEL) ancestral do homem…esses são evolucionistas lunaticos, não é…?
….
……MAS Arqueologos que acham ruínas de apenas UMA (1) casa às migalhas, são genios que fizeram a incrivel descoberta de toda uma cidade que com certaza era Nazaré!….estou certo ?

……Parabens Mr.Sabino eis aqui seu ARDI !

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Prezado Romando,

este argumento do nosso super-herói de plantão, o incrível Sr Miraculoso-Sabino, tá mais pra ARDIL que prá ardi.

Esse argumento homem-aranha (ou king-kong, se preferir) é terrível (prá ele).

Comentar por Alexssc

Caro Alexssc,

“Quem diz que a vida surgiu do nada são os adeptos do PUFFISMO.
Veio deus e PUFF… tudo apareceu do nada.

É verdade! Deus, do nada, formou tudo… tá lá em Gênesis.
Mas, diga lá:
Em que você crê? Aonde deposita sua fé? Já que crê que Deus não foi o criador da vida, vai dizer que tamanha complexidade surgiu por acaso?
Fiquei curioso!

Estarei repetindo a pergunta anterior, caso queira responder.
Você acha também que esse processo todo (link abaixo) surgiu em condições favoráveis? E sem ação inteligente?

http://cienciahoje.uol.com.br/colunas/bilhoes-de-neuronios/paladar-profundo

Abraço

Comentar por Marcelo

Estarei repetindo a pergunta anterior, caso queira responder.
Você acha também que esse processo todo (link abaixo) surgiu em condições favoráveis? E sem ação inteligente?

Prezado, a menos que você comprove essa “ação inteligente”, esse “desiguiner”, a T.E. continua sendo a melhor explicação que temos atualmente.

Carl Sagan: “alegações extraordinárias exigem provas extraordinárias”.

Comentar por Alexssc

Caro Alexssc,
Sério! É mais fácil para você crer que o acaso formou aquilo tudo que está no link e sem ação inteligente? Creio que toda aquela evidência teve ação de um Criador… isso requer menos fé! E ainda mais com trocentas outras evidências que coloquei um pouco mais acima.

Seguindo o seu raciocínio…
Você tem como provar que está pensando neste momento? Talvez, por não existirem evidências, não deve existir pensamentos e nem sonhos, não é?

Abraço, feliz 2010 para todos

Comentar por Marcelo

Alexssc!
Iria tirar uns dias de férias do site,mas percebi que não dá, depois “desta grande descoberta do livro DE FINAL DE TARDE,Charles Darwin,em um futuro não tão distante”(irás para o ostracismo)fiquei a pensar sobre as suas bravatas e afirmações infundadas quanto o “fato” de a evolução encontra respaldo científico.A Biologia molecular e do desenvolvimento,a genética estão a revirar Darwin no seu túmulo,e tu me falas em respaldo?Fale então as evidências que tens em mãos para corroborar a teoria(hipótese) da evolução.A paleontologia é uma estória de ninar,pura especulação e nada de empírico.Vamos aos fatos e deixe de PUFFFFS!!!

Comentar por jonas

A Biologia molecular e do desenvolvimento,a genética estão a revirar Darwin no seu túmulo

Provas? Trabalhos científicos atestando esta afirmação?

Comentar por Alexssc

Alexssc!
Que livro fantástico este “Charles Darwin,em um futuro não tão distante a minha teoria irá desaparecer”.A biologia molecular,a biologia do desenvolvimento e a genética,estão a revirar Darwin no seu túmulo,pois todas as bases “sólidas” do darwinismo estão a ruir(descêndencia comum e a seleção natural como geradora de novos planos corporais).Já que tens tanta certeza que a evolução é um fato vamos as evidências.Esta história de bravatas misturadas com gracinhas não assustam ninguém.Esta “carteirada” de o darwinismo como ciência estabelecidad não convence.Venha com as evidências empíricas,e então cederei a elas,falo de evidências empíricas,não de falácias e pressupostos cheios de insuficiências.Te explique sobre a “leitura de fim de tarde” ou reveja teus conceitos.

Comentar por jonas

Pois não, meu prezado PUFFISTA.
Evidências da evolução
e alguns exemplos (obs. retirar o espaço depois do http):

http ://www.biologia.ufrj.br/lbdm/guerra/evolucao20092/evidencias.pdf
http ://www.biociencia.org/index.php?option=com_content&task=view&id=96&Itemid=83
http ://www.biociencia.org/index.php?option=com_content&task=view&id=101&Itemid=83
http ://www.biociencia.org/index.php?option=com_content&task=category&sectionid=8&id=38&Itemid=83

http ://sti.br.inter.net/rafaas/biologia-ar/introducao.htm
http ://educacao.uol.com.br/biologia/ult1698u41.jhtm
http ://www.seguranca.mt.gov.br/politec/3c/artigos/dna_mitocondrial.doc

http ://www.brasilescola.com/biologia/evidencias-evolucao-biologica.htm
http ://www.brasilescola.com/biologia/filogenia-que-isto.htm

http ://www.laboratoriogene.info/Genealogia_por_DNA/Materna.pdf
http ://medicina.med.up.pt/bcm/trabalhos/2004/DNA_mitocondrial_antropologia_principal.ppt
http ://www.revistapesquisa.fapesp.br/?art=3529&bd=1&pg=1&lg=
http ://www.cefac.br/library/teses/e96a38f5d4c5bb5dba423110be33b67c.pdf

http ://www.talkorigins.org/faqs/comdesc/section1.html
http ://www.talkorigins.org/faqs/comdesc/section2.html
http ://www.talkorigins.org/faqs/comdesc/section4.html

http ://pt.wikipedia.org/wiki/Evid%C3%AAncias_da_evolu%C3%A7%C3%A3o
http ://www.selecoes.com.br/selecoesevoce/conhecimento/171/Genetica-Humana-estudos-de-DNA-contam-a-historia-da-humanidade.html
http ://www.portalsaofrancisco.com.br/alfa/evolucao-dos-seres-vivos/evidencias-da-evolucao.php
http ://www.portalimpacto.com.br/docs/VestBiologiaRosivaldoAula02contem2009.pdf
http ://knol.google.com/k/evolu%C3%A7%C3%A3o-dos-seres-vivos-argumenta%C3%A7%C3%A3o-b%C3%A1sica#
http ://ateus.net/artigos/ciencias/a_evolucao_biologica.php

Ah, sim… prá quem gosta de ler livros (outros, que não somente a “briba” – ih, foi mal… não é o seu caso né, vide o comentário feito ao livro que indiquei),
tem os de nível médio. Linguagem bem simples e acessível:

– Exemplo: Biologia Integrada, Volume Único, Luiz Eduardo Cheida.

“Fatos que confirmam a evolução: fósseis; semelhanças embrionárias, órgãos homólogos e análogos; semelhanças anatômicas; órgãos e estruturas vestigiais”.
(…)
Apêndice. O apêndice vermiforme ou cecal (…) indica que herbívoros e carnívoros possuem ancestrais comuns. Enquanto no ser humano ele praticamente não tem função, nos herbívoros (…) ele é vital para a digestão da celulose.”

Tem também revistas e artigos em geral falando muita coisa sobre o assunto (prá quem está disposto a ler algo mais que não apenas a “briba” – ih, foi mal… de novo não é o seu caso, né…):

– Exemplo: Revista Veja (Abril/2009 – 200 anos do nascimento de Darwin).

“Cóccix. O cóccix, na base da coluna, é um indício de que os ancestrais humanos tinham rabo. Como nem chimpanzés e nem gorilas têm cauda, é provável que o rabo tenha desaparecido muito cedo, no ancestral comum entre o homem e os grandes primatas.”
“Dente de siso. Enquanto o crânio aumentou, a mandíbula diminuiu. (…) os dentes de siso datam da época em que os homens possuíam mandíbulas maiores”.
“Arrepios. Em resposta ao medo, gatos, cães e outros mamíferos eriçam o pelo, parecendo maiores diante do inimigo. A seleção natural removeu os pelos dos seres humanos, mas manteve o mecanismo que os deixa
eriçados, causando o arrepio.”

Agora, por favor, me mostre UMA evidenciazinha só do “seu” deus (afinal, você não quer
ser tão petulante a ponto de afirmar que o “seu” é o de todo mundo, né).

Comentar por Alexssc

Alexssc!
Como compras por fatos os INDÍCIOS,estou a te perguntar por evidências e tu me vens com sonhos delirantes de especulações darwinistas,que não passam de meros construtos “ad hoc” para corroborar uma teoria falida.As insuficiências são tantas e em tantas áreas que a fé que tu tens é digna de louvor.Desde a fase que antecede ao Big Bang,pelo vazio ou o NADA que gera matéria até a complexidade biológica que gera novos planos corporais,há especulações e pressupostos “estabelecidos como ciência” para salvaguardar este paradigma famigerado,que nada mais é que naturalismo filosófico posando de ciência,parasitando a verdadeira ciência tecnológica e experimental.Deves empiricamente explicar-te a “milagrosa formação dos atomos” com suas probabilidades milagrosas,a formação estelar,que se sabes alguma coisa verás que é pura especulação,a formação das galáxias com suas insuficiências grandiosas,a formação da terra e da lua que são conjecturas, a abiogênese que é uma improbabilidade estatística e esta gerando complexidade biologica,que a nivel de biologia do desenvolvimento é incapaz de gerar novas estruturas corporais,há tambem informação complexa e especificada que não tem argumentos para provar a sua aparição,a explosão cambriana sem nenhuma explicação cabível como empirica,a não aparição de fósseis de transição verídicos e não arranjados,a coluna geológica e a datação em circularidade de idades,os pressupostos da datação radiométrica que procura nos convencer do uniformitarismo,em que o presente é a chave do passado,e isto é “achismo” e de tantas outras insuficiências e fragilidades,que não suportam este rompante de “ignorantes x científicos”pois a evolução é um sonho de ninar infantil,embalado por uma cosmovisão em que o empirismo a muito se foi.Percebo que estás no principio da sua caminhada rumo ao “nada existêncial” quando me pedes para provar DEUS,DEUS não se prova,mas como alguns físicos renomados já falaram ELE é uma hiopótese plausível cientificamente.A arma dos faltos de argumentação é a agressão verbal e o desdém,por isso antes de ridicularizar do que não sabes,vai estudar a fundo as questões do universo,para poderes escapulir deste tapa-olhos com cara de ciência chamado darwinismo.A verdade absoluta nunca residirá em uma mente humana,pois ela nunca poderá ter todas as instâncias do tempo ao seu dispor(passado,presente e futuro)por isso humildade e caldo de galinha nunca fizeram mal a ninguém.Procure as evidências,exercite a dúvida e foge dos paradigmas,quem sabes poderás vislumbrar coisas nunca dantes percebidas.

Comentar por Jonas

ki bosta; o kra que não acredita em Deus anda lendo e contestando sites cristãos.
a evolução é tão exata que certa hora recorre ao Gnósticismo para explicar o momento da criação.
Ainda temos Charles Darwin rejeitou a teoria enganadora da evolução, e voltou à sua fé na Bíblia, na hora da morte. se alguem quiser dados exatos assim como na ciência tenho disponiveis nomes lugares e tudo mais. flw Israel

Comentar por Israel de Souza

Prezadíssimo Jonas (ah, sim… lembrando que a pergunta que fiz sobre de onde veio um peixe grande o suficiente para engolir um homem – como descrito na “briba” – em um rio lá no meio do continente – ah… você sabe onde ficava Nínive, não sabe? – continua de pé. E por favor, tente não apelar para o “deus quis… PUFF”).

Como compras por fatos os INDÍCIOS,estou a te perguntar por evidências e tu me vens com sonhos delirantes de especulações darwinistas

Eita nóis… que confusão que você fez aqui… vamos desfazer este nó porque pelo visto sua cabecinha tá confusa. Vamos passo-a-passo, em linguagem bem didática:
FATO: Um acontecimento da natureza.
HIPÓTESE: Uma tentativa de descrever o fato.
EVIDÊNCIA: Evento relacionado ao fato, que se amolde à hipótese, na tentativa de confirmá-la ou refutá-la.
TEORIA: Uma hipótese que foi confirmada por diversas evidências a favor e nenhuma contra.

Seguindo, é muito fácil você derrubar o “sonho delirante” da Teoria da Evolução: mostre evidências contrárias a ela. Arregace as mangas. Ao trabalho. Leve suas hipóteses à comunidade científica para que sejam testadas.

Desde a fase que antecede ao Big Bang,pelo vazio ou o NADA que gera matéria até a complexidade biológica que gera novos planos corporais,há especulações e pressupostos
(…)
Deves empiricamente explicar-te a “milagrosa formação dos atomos” com suas probabilidades milagrosas,a formação estelar
(…)
a formação da terra e da lua que são conjecturas, a abiogênese que é uma improbabilidade estatística

E o que isso tudo tem a ver com o Origem das Espécies Pela Seleção Natural? Será que você já leu este livro? Será que você leu algum dos links que passei? Será que você sabe que a Teoria da Evolução NÃO TEM NADA A VER com isso tudo o que você falou? Não, claro que não sabe. Repita comigo: evolução das ESPÉCIES… evolução das ESPÉCIES… evolução das ESPÉCIES. Viu? Nada que ver com Big-Bang ou formação de átomos ou formação da terra e da lua. Evolução das ESPÉCIES.

quando me pedes para provar DEUS,DEUS não se prova

Que bom que você sabe disso.

A arma dos faltos de argumentação é a agressão verbal e o desdém,por isso antes de ridicularizar do que não sabes,vai estudar a fundo as questões do universo

Nem agredi ninguém, nem desdenhei de ninguém, nem ridicularizei ninguém. Mas às vezes brinco, sim. Mas quer o quê? São vocês que começam.

E repetindo: que raios tem a ver o Origem das ESPÉCIES – repetindo, ESPÉCIES – Pela Seleção Natural com questões do universo??? Vai ler o livro primeiro, Jonas. Aproveita e leia também os links que passei.

A verdade absoluta nunca residirá em uma mente humana

Três coisas que não existem para a ciência: verdade absoluta, teoria absoluta e prova absoluta. Será que podemos falar o mesmo a respeito da religião? Ih, pegou, né…

Esse seu “textão” seu não é nada mais que “falácia leão-da-montanha”, ou “falácia do olha-o-aviããããão”.

Comentar por Alexssc

Alexssc!
Não me surpreende essa sua atitude querer desqualificar respostas,pois aos fracos é a arma que resta.A tentares explicar-me o que é fato, evidência,hipótese,e teoria,procuras jogar uma cortina de fumaça e tentar exercer juízo de ignorante a mim,mas acho que a verdadeira ignorância ignóbil pertence a ti,que falas o que não sabes e estriba-te em cima de uma areia movediça que quer assumir o status de ciência(darwinismo),mas não tem tal qualificação,pelas suas insuficiências e inconsistências.Caro professor!Quando usei o termo indício,relacionei-o a vestígio ou indicação,que é bem “mais fraco” de expressão que “fato”,que nosso vocabulário do senso comum significará uma coisa comprovada.Tanto é que vocês alardeiam insanamente que a evolção é um “fato”.Antes de criticar e taxar como ignorante a qualquer que seja, procure analisar profundamente o que se diz.Não seja rápido no gatilho.Quanto a diferença entre teoria e hipótese,esqueceste que o teu paradigma é uma hipótese,não se esqueça!Foi muito bom para ti recapitular essa lição,só que ponha-a em pratica.Porque só lês o que te convém?Leia a continuação sobre a abiogênese,quando falei da construção de novos planos corporais que a seleção natural através de suas mutações cegas e aleatórias não conseguirá obter,pois elas(mutações)em estágios primitivos do embrião só causarão doença,morte ou higidez do ser,sem nenhuma mudança.Ou não entendes nada de biologia,ou não tens resposta,pois a minha argumentação é empirica e te desafio a responde-la.A seleção natural não forma novos planos corporais!!!A macroevolução é um mito!Somente a adaptação dentro da mesma espécie(gato sempre será gato)é visivel é é um fato.A evolução não é um fato!Não é comprovada empiricamenteOlha os fósseis de transição).Quanto a DEUS não ser provado cientificamente é um fato,mas os seus atributos e as suas suas obras são visiveis e palpáveis.A evolução não se confirmou ,e porque tens essa fé cega?Quer maior religião dogmática do que o naturalismo filosófico?Só que ele posa de ciência,e tu estás a po-lo como verdade absoluta.Coisas de religião Não É???
Vou repetir,humildade e canja de galinha não fazem mal a ninguém,que sabe prove de alguma para confirmar o que lhe disse.Ah!E não se esqueça que em ciência a grande verdade de hoje,é a mentira do amanhã,então cuidado com as suas posições suícidas na defesa de um paradigma claudicante e literalmente a deriva.

Comentar por Jonas

“Será que você sabe que a Teoria da Evolução NÃO TEM NADA A VER com isso tudo o que você falou?”

É claro que tem. Só não é confessado quando não é conveniente. O que o Jonas escreveu:

“Desde a fase que antecede ao Big Bang,pelo vazio ou o NADA que gera matéria até a complexidade biológica que gera novos planos corporais,há especulações e pressupostos…”

O que Dobzhansky escreveu:

“A evolução compreende todos os estágios de desenvolvimento do universo…cósmico, biológico, humano ou cultural…”, com a pregação evolucionista de sempre (e não ciência) na sequência.

“Evolution comprises all the stages of development of the universe: the cosmic, biological, and human or cultural developments. Attempts to restrict the concept of evolution to biology are gratuitous. Life is a product of the evolution of inorganic matter, and man is a product of the evolution of life.” (Dobzhansky, Theodosius, Science, 27 January 1967, Volume 155, Number 3761, p.409).

Comentar por Darcy

Que pena que me ausentei e perdi o bonde da discussão.

Mas diverte-me ver o Puffista Alexsc tentar desacreditar os puff dos outros sentado sobre puffs gigantescos.

Afinal, mutações que tranformam seres unicelulares em “Alexes”, ancestralidade comum, evolução química, abiogênese, e etc são belos puffs.

Pseudo-céticos me divertiam, agora me cansam.

Comentar por Vanessa Meira

Prezado Jonas (não se esqueça do peixão, heim…),

A tentares explicar-me o que é fato, evidência,hipótese,e teoria,procuras jogar uma cortina de fumaça

Não, não preciso fazer igual a você.

mas acho que a verdadeira ignorância ignóbil pertence a ti,

Ih, já apelando para ad hominem? Tão cedo?

Quando usei o termo indício,relacionei-o a vestígio ou indicação,que é bem “mais fraco” de expressão que “fato”,
(…)
Tanto é que vocês alardeiam insanamente que a evolção é um “fato”.

Mas pior que é. A menos que você não considere evolução, por exemplo, as bactérias desenvolverem resistência a antibióticos. Você está confundindo o fato da natureza (evolução) com uma de suas forma de atuação (seleção natural). Agora vamos aplicar aquilo que falei antes:
FATO: Evolução.
HIPÓTESE: A seleção natural seria apta a promover a evolução dos organismos?
EVIDÊNCIAS: Aquele montão de links que eu passei e você, provavelmente, não viu.
TEORIA: Teoria da evolução das espécies por meio da seleção natural.
Melhorou? Só não vou desenhar fluxogramas.
Alguns trabalhos sobre especiação (tirar o espaço depois do http):
http ://www.icb.ufmg.br/big/beds/arquivos/consecosis.pdf
http ://www.scielo.br/pdf/ea/v6n15/v6n15a03.pdf
http ://www.naturezaonline.com.br/natureza/…ia_especies.pdf
http ://www.ararajuba.org.br/sbo/cbo/xiv_cb…iogeografia.pdf
http ://www.seb-ecologia.org.br/viiiceb/pdf/1169.pdf
http ://biologiageologia.esmtg.pt/biologia1…poliploidia.pdf
http ://www.ipef.br/publicacoes/scientia/nr35/cap02.pdf
http ://www.pnas.org/cgi/reprint/1635049100v1.pdf
http ://www.scielo.br/pdf/bjp/v34n3b/a03v343b.pdf
http ://hcgs.unh.edu/Staff/kocher/pdfs/Danley2001.pdf
http ://www.ggcg.st/melo.pdf
http ://mbe.oxfordjournals.org/cgi/reprint/17/7/1081.pdf
http ://www.ibiologia.unam.mx/pdf/links/neo…ol_2_1_5_28.pdf
http ://joeroman.com/images/rocha.ecospeciation.05.pdf
http ://hcgs.unh.edu/BAC/Kocher2004.pdf
http ://www.cooper.org/COS/107_2/107_2abs12.pdf
http ://www.nhm.ac.uk/research-curation/sta…2005-tp-pdf.pdf
http ://www.pnas.org/cgi/reprint/97/19/10460.pdf
http ://www.oeb.harvard.edu/faculty/edwards…ciation2005.pdf
http ://www.entu.cas.cz/png/WeiblenBushMOLECOL02.pdf
http ://www.allenpress.com/pdf/mamm-87-04-24_643..662.pdf
http ://www2.wmin.ac.uk/clemenr/PAPERS/ess2003_Clement.pdf
http ://www.biology.uc.edu/faculty/petren/L…tPetrenBJLS.pdf
http ://www.oeb.harvard.edu/faculty/losos/w…_etal_2007b.pdf
http ://www.sbs.utexas.edu/ryan/Publication…oc274%20399.pdf
http ://www.aka.org/ark/pupfish.pdf
http ://www.zoologi.su.se/research/nylin/Gage%20conflict.pdf
http ://www.flmnh.ufl.edu/butterflies/neotr…ts/2005H_MS.pdf
http ://www.ria.ie/cgi-bin/ria/papers/100501.pdf
http ://www.evolutionsbiologie.uni-konstanz…f1-182/P102.pdf
http ://awcmee.massey.ac.nz/past_summer_pro…rtTanja2006.pdf
http ://www.yale.edu/eeb/near/14.pdf
http ://faculty.weber.edu/jcavitt/Explosive…ninwarblers.pdf
http ://www.iorg.com/Speciation.pdf
http ://striweb.si.edu/publications/PDFs/Ro…arrotfishes.pdf
http ://web.utk.edu/~bfitzpa1/bolnick_fitzpatrick_2007.pdf
http ://geo.cbs.umn.edu/Weiblen&Bush2002.pdf
http ://www.zoologi.su.se/research/nylin/Gage%20conflict.pdf
http ://www.ucalgary.ca/~smvamosi/vamosi-eer_2003.pdf
http ://plaza.ufl.edu/rocha1/Rocha_etal_2005.pdf
http ://courses.washington.edu/genom453/species-bw.pdf
http ://www.geocities.com/lclane2/dogs.html
http ://www.allenpress.com/pdf/mamm-87-04-24_643..662.pdf
http ://users.rcn.com/jkimball.ma.ultranet/…Speciation.html
http ://www.nsrl.ttu.edu/about/CurrentResearch/GSC.html

quando falei da construção de novos planos corporais que a seleção natural através de suas mutações cegas e aleatórias não conseguirá obter,pois elas(mutações)em estágios primitivos do embrião só causarão doença,morte ou higidez do ser,sem nenhuma mudança

É mesmo? Então vai ser fácil você apresentar vários artigos e trabalhos atestando isso.

Comentar por Alexssc

Alexssc,

“Alguns trabalhos sobre especiação (tirar o espaço depois do http):”

Mas por que é que ainda te continuas a dar ao trabalho de nos mostrar que a especiação ocorre, como se os criacionistas defendem que a especiação não ocorre? Quantas vezes será preciso dizer que a especiação faz parte do modelo do criacionismo bíblico? É mais fácil atacar um criacionismo de palha, lá isso concordo contigo.

E de que forma a especiação (recombinação de material genético existente no ser vivo) é evidência de que árvores, humanos, frutas e vegetais descendem de um organismo microscópico unicelular há 4,2 mil milhões de anos?

“Macroevolução nada mais é que o acúmulo de diversas microevoluções em um longo período de tempo.”

Aquilo que tu chamas “macroevolução” está no campo da fé, da religião. Aquilo que chamamos “microevolução” é científico, é observável, é documentado. Ao passares da micro para a macroevolução estás a dar um grande salto de fé e de lógico. A acumulação das maioritariamente prejudiciais mutações genéticas conduz à extinção e não ao progresso evolutivo.

“Mais empírico que bactérias desenvolvendo resistência a antibióticos?”

Outro ataque a um criacionismo que ninguém aqui defende. Por acaso os criacionistas dizem que os seres vivos não mudam? Já agora, podes descrever de que maneira uma bactéria “ganha” resistência a um antibiótico? Podes escolher um caso em particular, se for mais fácil.

“Sobre fósseis de transição:”

Só tenho uma pergunta curta e objectiva: como é que sabes que um punhado de ossos encontrado na terra foi o antepassado de um outro tipo de animal diferente dele? Como é que sabes sequer que aquele animal a quem pertenceram os ossos encontrados na terra gerou descendência?

“Mas você pode sentir a presença dele se você se entregar de verdade ao sentimento de amor ornitorrincal. Se você não senti-lo é porque você não entendeu o que é o verdadeiro amor ornitorrincal. Fique à vontade para provar que ele não existe.”

Mais argumentos pseudo-inteligentes bobos. Só falta o teu ornitorrinco azul, com asas de morcego e antenas de formiga, que tece teias iguais às de aranhapisar a História e dar provas suficientes de que tem poderes divinos ao ponto de fazer com que pessoas de todas as classes o sigam e adorem, apesar de sofrerem perseguições, torturas, martírio e morte. Não há muita diferença ntre o teu ornitorrinco azul, com asas de morcego e antenas de formiga, que tece teias iguais às de aranha e o organismo microscópico unicelular de há 4,2 mil milhões de anos que deu origem a todos os seres actuais.

“Me prove que não foi vômito de Bumba (conhece Bumba?) que formou o universo. Aliás, me prove que não foi qualquer outra divindade. Aliás, me prove que não foi o meu ornitorrinco azul. Afinal, ele me disse, por meio de ovos dourados inscritos com letras prateadas, que foi ele, com suas teias finíssimas mas extremamente fortes, que teceu o universo. Acho até que isso pode ser a origem da tal Teoria das Cordas que falam atualmente. Só não posso te mostrar os ovos dourados porque, logo após serem lidos, eles se desmaterializam e volta para a dimensão do ornitorrinco azul. Refute.”

A bobagem dos argumentos dos ateus brasileiros anda sempre à volta do mesmo… Deve haver uma fonte no Brasil a debitar argumentos para os outros discípulos ateus usarem…

O que este blog e muitos outros blogs e sites é mostrar como a ciência mostra que Deus existe. Para mostrar que é o Deus bíblico o único verdadeiro temos de entrar na teologia e aí posso-te mostrar coisas como as profecias bíblicas cumpridas, as afirmações científicas que a biblia faz séculos antes de a ciência as descobrir, a historicidade do túmulo vazio de Cristo e o consequente nascimento do movimento cristão, debaixo de perseguição e martírio, os milhões de vidas transformadas por este mundo fora por causa da mensagem bíblica, etc.

E tu, que podes oferecer como evidência de que o vómito de Bumba formou o universo?

Sabes, Alexscc, não és mais inteligente por dizeres coisas que achas que são inteligentes. Aliás, se começasses a pensar com a tua própria cabeça em vez de papagueares o que ouves em sites ateus se calhar passavas por mais inteligente.

“Mas convenhamos, a do PUFFISMO não dá nem prá saída.”

Estranho que este teu cepticismo seja selectivo e não o apliques à primeira coisa que apareceu antes de existir tudo. Aí o puffismo já serve.

Comentar por alogicadosabino

Jonas (olha o peixão, Jonas, olha o peixão…),

A macroevolução é um mito!

Aqui, em relação ao termo, eu até concordo com você. Eu acho que a evolução não deveria ser dividida em micro e macro. Macroevolução nada mais é que o acúmulo de diversas microevoluções em um longo período de tempo. Mas, fazer o quê… as pessoas preferem fazer essa divisão.
http ://www.talkorigins.org/faqs/comdesc/

A evolução não é um fato!Não é comprovada empiricamente

Mais empírico que bactérias desenvolvendo resistência a antibióticos? Só se o seu divino PUFF se apresentasse em pessoa.

Olha os fósseis de transição

Mais vale um registro fóssil (que existe e pode ser estudado!) com todas as suas falhas, que um ser omni-mega-ultra-power-PUFF que ninguém vê, não dá as caras, não faz nada. Aliás, você sabe como se forma o registro fóssil?
Sobre a formação do registro fóssil:
http ://fossil.uc.pt/pags/formac.dwt
http ://www.cprm.gov.br/publique/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?infoid=337&sid=23
Sobre fósseis de transição:
http ://ateus.net/forum/index.php?showtopic=2073&st=420 (ver o post #430, de 30/07/09, que tem referências de sobra)
http ://ceticismo.net/comportamento/tipicos-erros-criacionistas/parte-07-%E2%80%93-paleontologia-i/

Quanto a DEUS não ser provado cientificamente é um fato,

Isso eu sei. Está mais do que na cara. Não precisa falar.

Agora, se me permite, vou entrar no seu jogo: eu tenho um ornitorrinco azul, com asas de morcego e antenas de formiga, que tece teias iguais às de aranha. Ah, sim. Ele é invisível, incorpóreo, insubstancial e atérmico. Só eu posso vê-lo e falar com ele. Mas você pode sentir a presença dele se você se entregar de verdade ao sentimento de amor ornitorrincal. Se você não senti-lo é porque você não entendeu o que é o verdadeiro amor ornitorrincal. Fique à vontade para provar que ele não existe.😀

os seus atributos e as suas suas obras são visiveis e palpáveis

Me prove que não foi vômito de Bumba (conhece Bumba?) que formou o universo. Aliás, me prove que não foi qualquer outra divindade. Aliás, me prove que não foi o meu ornitorrinco azul. Afinal, ele me disse, por meio de ovos dourados inscritos com letras prateadas, que foi ele, com suas teias finíssimas mas extremamente fortes, que teceu o universo. Acho até que isso pode ser a origem da tal Teoria das Cordas que falam atualmente. Só não posso te mostrar os ovos dourados porque, logo após serem lidos, eles se desmaterializam e volta para a dimensão do ornitorrinco azul. Refute.😀

A evolução não se confirmou ,e porque tens essa fé cega?

Já respondido acima. Ou então prove que bactérias não desenvolvem resistência a antibióticos.
Prá ler mais:
http://evolution.berkeley.edu/evolibrary/home.php
http://evolution.berkeley.edu/evolibrary/search/topicbrowse2.php?topic_id=46
http://info.abril.com.br/noticias/ciencia/evolucao-e-observada-em-laboratorio-19102009-26.shl
http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u673259.shtml
http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u580751.shtml
http://hypescience.com/23030-a-evolucao-em-um-frasco-cientistas-buscam-comprovar-a-teoria-de-darwin/

Quer maior religião dogmática do que o naturalismo filosófico?Só que ele posa de ciência,e tu estás a po-lo como verdade absoluta.Coisas de religião Não É???

O dia em que alguém provar que existe QUALQUER COISA sobrenatural, espiritual, transcendental, etc., eu deixo o meu naturalismo. E não, não o coloco como verdade absoluta, mas provisória. Basta uma explicação melhor surgir. Mas convenhamos, a do PUFFISMO não dá nem prá saída.

Comentar por Alexssc

Prezado Sabino,

Aquilo que tu chamas “macroevolução” está no campo da fé, da religião. Aquilo que chamamos “microevolução” é científico, é observável, é documentado.

Prezado, eu já tinha comentado a inconsistência dos temos “micro” e “macro”. A evolução é um todo e é um fato da natureza, portanto, no âmbito da ciência, por mais que isto te incomode. Por não mais poderem negar ou refutar isso é que criacionistas começaram com essa ladainha de “aceitamos micro, mas não aceitamos macro”. Isto sim, é atacar um “evolucionismo de palha”.

Ao passares da micro para a macroevolução estás a dar um grande salto de fé e de lógico.

Não senhor. Continua-se no âmbito das possibilidades do mundo natural. Salto de fé e lógico é inferir que existe uma instância sobrenatural – e regida por um ser divino, ou “designer” – porque existe um mundo natural (???). Isso é que é um senhor salto de fé.

A acumulação das maioritariamente prejudiciais mutações genéticas conduz à extinção e não ao progresso evolutivo.

Isto é óbvio, prezado. Em qual momento eu falei o contrário? Me mostre um trabalho ou estudo ou livro ou qualquer coisa que afirme que acúmulo de mutações PREJUDICIAIS não conduzem à extinção, mas ao progresso. Talvez nem mesmo haja tempo dessas mutações se acumularem no tempo se a pressão seletiva for muito grande.

Já agora, podes descrever de que maneira uma bactéria “ganha” resistência a um antibiótico?

Exemplos sobre resistência de bactérias a antibióticos:
http ://www.scielo.br/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S0100-40422006000400037&lng=en&nrm=iso&tlng=pt
http ://www.scielo.br/pdf/cr/v36n5/a20v36n5.pdf
http ://www.viveraciencia.org/index/index.php?option=com_content&view=article&id=204%3Auso-racional-dos-antibioticos&catid=14%3Acronicas&Itemid=200129&lang=pt
http ://www.fiocruz.br/ccs/cgi/cgilua.exe/sys/start.htm?from_info_index=141&infoid=562&sid=3
http ://pt.shvoong.com/exact-sciences/biology/1646687-um-levantamento-mostrou-que-bact%C3%A9rias/
http ://pt.shvoong.com/exact-sciences/423563-problema-da-resist%C3%AAncia-aos-antibi%C3%B3ticos/
http ://www2.uol.com.br/sciam/artigos/luta_contra_a_resistencia_das_bacterias_imprimir.html

Só tenho uma pergunta curta e objectiva: como é que sabes que um punhado de ossos encontrado na terra foi o antepassado de um outro tipo de animal diferente dele? Como é que sabes sequer que aquele animal a quem pertenceram os ossos encontrados na terra gerou descendência?

Resposta curta e objetiva: genética é uma das formas de saber isso. Leia “A Grande História da Evolução” (DAWKINS, R. 2009).

Só falta o teu ornitorrinco azul (…) pisar a História e dar provas suficientes de que tem poderes divinos ao ponto de fazer com que pessoas de todas as classes o sigam e adorem, apesar de sofrerem perseguições, torturas, martírio e morte.

Ué, por que o meu ornitorrinco TEM QUE fazer isso e o seu não precisa? Até hoje ele não pisou na história, apenas “ouvimos falar” dele por segunda mão, como você ouviu falar do meu ornitorrinco. Cadê as provas dos poderes divinos dele? Mostre.

Ah, sim… homens que viviam 900 anos (claro que, convenientemente, ninguém mais vive até essa idade hoje), confusão de línguas (apesar do “onisciente” não saber que era impossível os ditos cujos alcançarem o “céu” por meio de uma torre), dilúvio mundial (do qual as maiores “evidências” são fósseis marinhos no alto de montanhas, fato este que tem explicação científica), peixe engolindo homem (de onde surgiu tal peixe num rio lá no meio da Assíria?), parar o sol no céu ou fazê-lo retroceder no céu (apesar de sabermos que é a terra que se move), “marcha dos mortos” (que, pelo visto, era coisa trivial na época, já que somente a “briba” – e ninguém mais – lembrou de citar tal fato), etc.

E já que pessoas de todas as classes seguem o Islamismo, já que os fundamentalistas se martirizam e morrem, na forma de homens-bomba, então Allah é real? Já que pessoas de todas as classes seguem o Hinduísmo, então Vishnu e Shiva são reais? Já que monges budistas se martirizam, ateando fogo ao próprio corpo, então o Budismo é que é a verdadeira religião? Já que os umbandistas “se comunicam” com – e “incorporam” – suas entidades, então a Umbanda é a verdadeira religião? Já que pessoas de todas as classes seguem o Espiritismo, e os médiuns “incorporam” seus guias, então o Espiritismo é a verdadeira religião? Olha, a lista vai longe… Mas não, todo mundo está errado. Somente o SEU deus é o verdadeiro… duh…

O que este blog e muitos outros blogs e sites é mostrar como a ciência mostra que Deus existe.

Ih, tá muito longe disso, Sabino. Muito, muito longe.

se começasses a pensar com a tua própria cabeça em vez de papagueares o que ouves em sites ateus se calhar passavas por mais inteligente.

Ad hominem? Também posso fazer esse jogo: Prezado, se te dedicasse somente ao jornalismo (e tenho cá minhas dúvidas de que tenha capacidade até mesmo para isso), não te prestaria ao ridículo de criar posts como este:
http ://alogicadosabino.wordpress.com/2010/01/05/as-10-invencoes-cientificas-mais-importantes-da-historia-darwin-deixado-de-fora/
que mistura alhos com bugalhos em coisas que nada tem a ver, já que a teoria de Darwin NÃO É UMA INVENÇÃO.

Comentar por Alexssc

Olá Alexssc,

“Por não mais poderem negar ou refutar isso é que criacionistas começaram com essa ladainha de “aceitamos micro, mas não aceitamos macro”. Isto sim, é atacar um “evolucionismo de palha”.”

Não são os criacionistas que têm de confundir as audiências e anunciar que “foi observada evolução em acção”, quando a mudança observada está perfeitamente dentro do criacionismo bíblico. Talvez se vocês dessem uma definição de “evolução” que estivesse dentro da ciência (isto é, susceptível à refutação) e não apenas “que os filhos serão diferentes dos pais”, talvez a tua queixa fosse válida.

“Salto de fé e lógico é inferir que existe uma instância sobrenatural – e regida por um ser divino, ou “designer” – porque existe um mundo natural (???). Isso é que é um senhor salto de fé.”

Sim, claro. É um grande salto de lógica e de fé afirmar que design tem designer.

“Exemplos sobre resistência de bactérias a antibióticos:”

Repara que eu disse: “Já agora, podes descrever de que maneira uma bactéria “ganha” resistência a um antibiótico?” e tu “respondeste-me” com uma catrafada de links que mostram bacterias a ganharem resistencia a antibioticos, como se eu o tivesse negado. Não te escondas atrás de links e vê se respondes à questão que te coloquei.

Só tenho uma pergunta curta e objectiva: como é que sabes que um punhado de ossos encontrado na terra foi o antepassado de um outro tipo de animal diferente dele? Como é que sabes sequer que aquele animal a quem pertenceram os ossos encontrados na terra gerou descendência?

“Resposta curta e objetiva: genética é uma das formas de saber isso”

Portanto, se bem percebi, a genética mostra-te que aquele punhado de ossos encontrado na terra foi o antepassado de um outro tipo de animal diferente dele… é isso?

“Até hoje ele não pisou na história, apenas “ouvimos falar” dele por segunda mão, como você ouviu falar do meu ornitorrinco.”

Sem sombra de dúvida. As evidências históricas de Jesus Cristo e as do ornitorrinco azul que é morcego e mais não sei quê estão ao mesmo nível, sem sombra de dúvida. Quando voltares a ligar o botão da racionalidade, diz-me algo.

“Ah, sim… homens que viviam 900 anos (claro que, convenientemente, ninguém mais vive até essa idade hoje)”

Cenário perfeitamente aceitável mediante aquilo que conhecemos das mutações. O ser humano tem vindo a degenerar-se, como documenta o facto das mutações serem responsáveis por mais de 1200 doenças genéticas. Já o evolucionista acredita que este processo gerou a biodiversidade toda. Isso sim é credível.

“confusão de línguas (apesar do “onisciente” não saber que era impossível os ditos cujos alcançarem o “céu” por meio de uma torre)”

Hum? Deus confundiu a língua dos homens porque estes desobedeceram à ordem de Deus para se espalharem pela Terra (Génesis 11:4). Para a próxima, tenta não ficar apenas com o conhecimento bíblico dos sites ateus.

“dilúvio mundial (do qual as maiores “evidências” são fósseis marinhos no alto de montanhas, fato este que tem explicação científica)”

Sim, essa e as restantes. Comes muito queijo.

“peixe engolindo homem (de onde surgiu tal peixe num rio lá no meio da Assíria?)”

É suposto esta pergunta ser inteligente?

“parar o sol no céu ou fazê-lo retroceder no céu (apesar de sabermos que é a terra que se move)”

Sim. Lembra-te disto da próxima vez que te referires ao “nascer do sol” ou ao “por do sol”.

““marcha dos mortos” (que, pelo visto, era coisa trivial na época, já que somente a “briba” – e ninguém mais – lembrou de citar tal fato), etc.”

Não sei a que te referes.

Quanto à lista de religiões, só falta eles mostrarem o túmulo vazio do seu criador.

“O que este blog e muitos outros blogs e sites é mostrar como a ciência mostra que Deus existe

“Ih, tá muito longe disso, Sabino. Muito, muito longe.”

Ah pois é… que ingenuidade minha. Tinha-me esquecido da frase do S. Todd: “‘Even if all the data point to an intelligent designer, such an hypothesis is excluded from science because it is not naturalistic’” (Todd, S.C., correspondence to Nature 401(6752):423, 30 Sept. 1999.)

Obrigado por me teres lembrado.

“que mistura alhos com bugalhos em coisas que nada tem a ver, já que a teoria de Darwin NÃO É UMA INVENÇÃO.”

Preguicite mental ateísta já mostrada. Mas como pelos vistos não leste, deixo aqui:

“Tomemos por exemplo o Foguete V2. Esta invenção foi possível levando em conta os princípios da aerodinâmica, entre outros. Em contrapartida, nenhuma das top10 invenções foi possível graças a descobertas e conhecimento proporcionado pela teoria da evolução.

Em nenhum lado no post eu digo que um dos itens deveria ser: “- Teoria da Evolução”. Que burrice. Pelos vistos só a Joana é que percebeu a ideia mesmo.”

Abraço

Comentar por alogicadosabino




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: