No princípio criou Deus os céus e a Terra


O design mais que evidente da vida
Fevereiro 10, 2010, 12:52 am
Filed under: Evolução/Big-Bang

A Bíblia diz em Romanos 1:20:

Pois os seus atributos invisíveis, o seu eterno poder e divindade, são claramente vistos desde a criação do mundo, sendo percebidos mediante as coisas criadas, de modo que eles são inescusáveis

Isto é, a Bíblia diz que a existência de Deus pode ver-se claramente por intermédio da Sua criação. Se os seres vivos foram criados por um Ser inteligente, eles devem exibir características de design. Portanto, se esta afirmação for verdadeira, os seres vivos deverão confirmá-la. E é isso mesmo que acontece. O design e a complexidade especificada das formas de vida é algo estonteante. Os cientistas e os engenheiros inspiram-se constantemente no seu design para criarem algum tipo de tecnologia que nos possa ser útil.
_____________________________________________________________________

1) Microplanador é inspirado em semente voadora. Um grupo de estudantes da Universidade de Maryland, nos Estados Unidos da América, conseguiu replicar a capacidade de voo das sementes de uma família de árvores conhecida como maple, que desce planando até ao solo.

O resultado é um veículo aéreo capaz de planar suavemente ao ser lançado de um avião, de algum local alto ou mesmo arremessado com as mãos.
_____________________________________________________________________

2) Estratégia de aterragem das abelhas pode conduzir a novas aeronaves. Ao analisar a aterragem das abelhas, os investigadores do Queensland Brain Institute observaram uma coisa interessante: elas aterram sempre com sucesso e de forma segura.

Os cientistas acreditam que se descobrirem os mecanismos que permitem que as abelhas aterrem sempre de forma segura poderá ajudar a projectar aeronaves mais seguras.
_____________________________________________________________________

3) Pele da baleia-piloto inspira nova tecnologia de navios. Durante as longas viagens dos navios, vários organismos como algas e percevejos prendem-se ao casco, fazendo com que o consumo de combustível aumente. Projectar um navio que exsude uma substância viscosa pelo casco pode reduzir o consumo de combustível até 20%.

O investigador que avançou com esta ideia inspirou-se na pele da baleia-piloto, cujos canais estão preenchidos com um gel de enzimas que destrói as proteínas na superfície das bactérias e algas.
_____________________________________________________________________

4) Albatrozes inspiram a criação de uma aeronave teleguiada que desliza pelos oceanos. O albatroz é uma ave fantástica. Consegue voar milhares de quilómetros praticamente sem bater as asas uma única vez. Agora, um grupo de investigadores recorreu a esta técnica dos albatrozes para criar uma aeronave marítima que percorre grandes distâncias gastando apenas uma pequena quantidade de energia.
_____________________________________________________________________

5) Patas das chitas podem inspirar pernas artificias de maior qualidade. Os cientistas utilizaram câmaras que capturam mil frames por segundo para descobrir os mecanismos que fazem com que a chita vá dos 0 aos 100 km em poucos passos. Quem pode sair beneficiado com isto são as pessoas que necessitam de próteses.
_____________________________________________________________________

O design da vida é mais do que evidente. Os cientistas e os engenheiros recorrem constantemente às formas de vida para desenvolverem novas tecnologias porque existe alto design nos seres vivos. Este design existe não porque uma equação de acaso + erros genéticos o tornou possível mas sim porque essa foi a vontade de um Ser divino e inteligente.

O teísta pode resumir a razão pela qual acredita em Deus numa única palavra: design. Já para o ateu… apesar de as formas de vida gritarem DESIGN, a sua cegueira espiritual não lhe deixa ver para além das palas naturalistas.
_____________________________________________________________________

Digno és, Senhor nosso e Deus nosso, de receber a glória e a honra e o poder; porque tu criaste todas as coisas, e por tua vontade existiram e foram criadas.” (Apocalipse 4:11)


38 comentários so far
Deixe um comentário

Segundo os evolucionostas, existem duas lógicas no universo? Uma para as coisas feitas pelo homem (‘teleologismo’) e outra para as coisas vivas (evolução naturalista)?
Claro que não. Essa “divisão” de raciocínio só existe na cabeça de um evolucionista, que devido a uma dissonância cognitiva oriunda de um bloqueio de ordem não científico, mas psicológico, recusa-se a aceitar uma lógica tão elementar:qualquer design tem um designer.

Comentar por Gil do Brasil,

Não entendo porque vocês gostam de misturar o naturalismo (evolução) e superstição (criacionismo). São duas maneiras completamente distintas de olhar para o mundo. A visão supersticiosa não apela a razão, factos, e.t.c. Acreditem no vosso deus a vontade, mas não usem pseudo-ciência para justificar a vossa fé pois ela não precisa de nenhuma racionalidade

Comentar por Hermógenes

Hermógenes, enquanto isso só tens de encontrar a força natural não inteligente e não guiada capaz de criar design e informação codificada.

Comentar por alogicadosabino

Hermogenes,
Não usamos a pseudo-ciencia para justificar a fé. Usamos a verdadeira ciência para mostrar como a Bíblia está de acordo com as observações.

Comentar por Mats

Mats,

“Usamos a verdadeira ciência para mostrar como a Bíblia está de acordo com as observações”.

A verdadeira ciência fala de:
-um universo que surgiu de um BB;
-Cobras não falam;
-Dinossauros não conviveram com humanos;
-Existe grande probabilidade de existir vida fora da terra;
-A terra não é o centro de nada.
-A terra é redonda;
-Virgens não engravidam;

…E… Jesus Cristo nunca existiu!

Comentar por Hermógenes

…e o designer designer chama-se…SELEÇÃO NATURAL

Comentar por Hermógenes

Hermogenes,
Tu sabes bem mais do que isso. A selecção natural não é uma força criativa, mas sim uma força selectora. Ela escolhe o que já existe, mas não explique a origem do que já existe.

Comentar por Mats

Claro Mats, para explicar a origem da vida e do universo existem outras teorias científicas, assentes em FACTOS e OBSERVAÇÕES, quer vocês gostem ou não. Com os mesmos factos e observações podem ser propostas outras teorias alternativas (não supersticiosas). A TE explica apenas a diversidade da vida.

Comentar por Hermógenes

Muito bom! Agora vamos analisar o design dos parasitas, começando pela solitária:

Notem que a solitária (taenia) é uma hermafrodita que pode se autofecundar, garantindo o sua reprodução sem sair do seu habitat (o intestino de animais como bois, porcos e o ser humano). A cabeça da solitária, chamada de escólex, tem espinhos e ventosas, de modo que ela se prende firmemente à parede do intestino de quem tem solitária. A escólex é mais de cem vezes menor que a solitária inteira, porém o seu poder de fixação é extremamente eficiente, não falhando nem mesmo quando o intestino se contorce em cólicas violentas provocadas por vermífugos. Nessas ocasiões uma grande porção do verme é evacuada. Mas, permanecendo o indivíduo fixado e o pescoço, ela torna a reconstituir por reprodução assexuada.

Não é incrivél?! Somente um projetista inteligente poderia elaborar tão fascinante criatura.

Comentar por Ivan

Selecção natural capaz de criar design e informação codificada. Boa.
Abraço**

Comentar por JoanaPaz

O teísta pode resumir a razão pela qual acredita em Deus numa única palavra: design. Já para o ateu… apesar de as formas de vida gritarem DESIGN, a sua cegueira espiritual não lhe deixa ver para além das palas naturalistas.

Muito bem colocado.

Comentar por nilo

Se não me engano, essa frase está no livro A Caixa Preta de Darwin, do Michael Behe, que eu li🙂

Se não está, é bem parecida…

Comentar por JeremiasMezenga

O homem sempre compiando na natureza, isso é mais que normal e não é novidade. Design na natureza existe, é óbvio, mas vem de muito tempo com muitas mutações, erros e acertos, não precisa de um designer quando existem esses fatores.

Comentar por Marcos W.

´´…e o designer designer chama-se…SELEÇÃO NATURAL“

¬¬

Comentar por Adim

Desculpe-me interromper…
mas não seria melhor afirmar que as mutações são o “designer” na TE? Acho q seria um pouco mais adequado, apesar de continuar sem sentido.

Agora tens de nos mostrar como surgem essas maravilhas por processos naturais aleatórios e não-dirigidos. A questão é “como surgem”, como escalam o monte improvável?

Lembre-se que a visão supersticiosa não apela a razão, factos, e.t.c.

Comentar por Vanessa Meira

A seleção seleciona o que já existe. Não cria nada =)

Comentar por MVR

Hermógenes,

Tu referes: “Não entendo porque vocês gostam de misturar o naturalismo (evolução) e superstição (criacionismo).”

JG: Que o naturalismo implique em evolucionismo, talvez seja verdade, mas que evolucionismo implique em naturalismo, não é tão evidente. Talvez um argumento demonstre que implique. Também seria interessante ver qual a ligação entre “superstição” e “criacionismo”. Definir termos poderá ser importante.

H: “e o designer designer chama-se…SELEÇÃO NATURAL”

JG: É uma proposição analítica de que um objecto projectado (“designed”) é um objecto intencionado, assim como é uma proposição analítica de que uma pessoa divorciada é uma pessoa que foi previamente casada. Agora, das duas uma, ou a natureza apresenta design e alguém a intencionou, ou não apresenta design e ninguém a intencionou. Dizer que a “o designer é a Selecção Natural” não faz sentido.

Comentar por João Gabriel

João,

Superstição (wikipédia) é a crença sobre as relações de cause e efeito que não se adequam a lógica normal, ou seja, são contrárias a racionalidade. Consideram-se superstições aquelas disciplinas que a comunidade científica chama de pseudocincia, tais como ….advinhação, curandeirismo, espiritismo, RELIGIÃO…(Fonte wikipedia).

“Dizer que a “o designer é a Selecção Natural” não faz sentido.”

Ok, eu falo de “designer”. No sentido de que a seleção natural gradualmente “moldou” as espécies.

Comentar por Hermógenes

Ok, eu falo de “designer”. No sentido de que a seleção natural gradualmente “moldou” as espécies.

Hermógenes,
A seleção natural não é cega, funciona sem ação inteligente, como pode moldar algo?

Abraço

Comentar por Marcelo

Deixa que essa eu respondo!
..
…Do mesmo jeito que seu Deus sem braços nem pernas !

Comentar por ROMANO LIMA AROS

“No sentido de que a seleção natural gradualmente “moldou” as espécies.”

Quem criou? Diz, diz, diz!🙂
Seleção natural existe, sim, e é ela quem poda as aberrações resultantes de mutações gênicas.
O DNA é um código tão bem feito que, analogamente, mesmo que eu escreva um pouco ‘eerrraaddoo’ vc ainda tem a capacidade de entender o que eu quero dizer. Seria como uma receita de bolo com pequenos erros de digitação. Porém, conforme os erros (mutações) aumentam devido a termodinâmica, a informação contida nele perde-se cada vez mais.

Comentar por JeremiasMezenga

“apesar de as formas de vida gritarem DESIGN”
assim é que eu gosto, afirmações claras e em maiúsculas.

Peço desculpa e peço paciência pela minha falta de visão espiritual, mas quais são as evidências que vos levam a concluir que um ser humano foi desenhado/criado?
É que ainda não encontrei nada de estonteante, suponho que apoiam a vossa crença em algo mais substancial do que comparar com as actuais invenções.

Comentar por Nuno Dias

Shhhh… Não pergunte isso, prezado. Deixa quieto.

Vai deixá-los em maus lençóis…😀

Comentar por Alexssc

Hermógenes,

“Superstição (wikipédia) é a crença sobre as relações de cause e efeito que não se adequam a lógica normal, ou seja, são contrárias a racionalidade.”

JG: Qual é precisamente a relação correcta de causa e efeito que se adequa à lógica formal? Eu não concordo com a definição de “racionalidade” fornecida pelo artigo da Wikipédia para o qual me remetes. Por qual processo de lógica formal alguém estabelece a conexão necessária (causalidade) entre evento A e B, por mais vezes que eles ocorram em simultânio (correlação)? Como tu inferes causalidade de correlação? Também pareces não estar a par do problema em definir religião. Supõe que eu defino religião como “todo o sistema que afirme algo que seja teológico em natureza, positivo ou negativo”, como tu me refutas? Existe algum sistema de pensamento que se possa excluir desta definição?

Comentar por João Gabriel

“Usamos a verdadeira ciência para mostrar como a Bíblia está de acordo com as observações”.

A verdadeira ciência fala de:
-um universo que surgiu de um BB;
-Cobras não falam;
-Dinossauros não conviveram com humanos;
-Existe grande probabilidade de existir vida fora da terra;
-A terra não é o centro de nada.
-A terra é redonda;
-Virgens não engravidam;

…E… Jesus Cristo nunca existiu!

Misturas-te verdadeira ciência com inferências baseadas no naturalismo. Tenta adivinhar qual é qual.😉

Comentar por Mats

Claro Mats, para explicar a origem da vida e do universo existem outras teorias científicas, assentes em FACTOS e OBSERVAÇÕES, quer vocês gostem ou não.

O problema não é nós não gostarmos. O problema +e não haver evidências.

Com os mesmos factos e observações podem ser propostas outras teorias alternativas (não supersticiosas). A TE explica apenas a diversidade da vida.

MAs para a TE explicar a diversidade da vida, ela não deveria…err.. .explicar a diversidade da vida?

Comentar por Mats

Deus mostre-se prove aos descrentes que existe!
(isso é pecado)
…então…
.
…Deus me castigue ou continuarei com a certeza de que não existe! (isso tambem é pecado)…então…
.
..Deus crie alguma coisa na minha frente!
(isso é o mesmo pecado)…então…
.
..Deus vou me matar pra ver se voce é real!
(ainda é pecado)…PutZzz…
.
..Sou um pecador vou pro inferno?
.(não, basta ter fé)
.
..O que é Fé ? (é acreditar sem ver, sem ouvir, sem sentir)
.
..Como assim? (tudo de bom é feito por ele, ele pode tudo, basta ter fé nisso)
.
..E atribuir tudo que é bonito à ele? (isso mesmo)
.
..E atribuir tudo que não entendemos à ele?
(isso rapaz)
.
..Isso é ter fé?
(voce aprende rápido)
.
..Então ja tenho fé! (claro)

Comentar por ROMANO LIMA AROS

O que é isso? Um diálogo do Romano com ele mesmo?

Comentar por Vanessa Meira

acertou Vanessa com ELE mesmo!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Por que não experimenta um psicólogo?

Comentar por Fabricio Lovato

É bom ver que entenderam que tudo isso é loucura!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Os Ets estão cada vez mais evidentes como criadores.

Ainda mais que não há alegação de benevolência para eles.

Comentar por Clayton Luciano

Sabia que ele ia vir e falar coisas assim novamente… aff.

Comentar por Adalberto Felipe

Romano,
…Do mesmo jeito que seu Deus sem braços nem pernas !
Pensei que usaria algum argumento válido para defender sua crença!
Abraço

Comentar por Marcelo

Leia meu comentário no

https://alogicadosabino.wordpress.com/2010/02/12/dinossauros-nao-evoluiram-para-aves-se-calhar-foi-ao-contrario/

não repetirei isso tudo! inutilmente!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Tem um que disse: “Há mais evidência de ETs do que de Deus”.
Sim. E há mais evidências de ETs do que de geração espontânea, símios evoluindo para humanos e blábláblá.

Comentar por Isaias S. OLiveira

“Vejam vocês a que ponto pode chegar o cérebro deste homem que descobriu a gravidade e nos revelou maravilhas admiráveis. Ao ficar velho e caduco, Newton começou a estudar esse tal livro que chama de Sagrada Escritura e, para mostrar fé no fabuloso absurdo deste livro, afirma que devemos acreditar que o conhecimento humano aumentará a tal ponto que seremos capazes de viajar a 80 km/h. Isso é ridículo!”
Voltaire🙂

Comentar por Fabricio Lovato

Impossivel nossos cerebros pulariam para fora do cranio numa velocidade tão incrivel!

Comentar por ROMANO LIMA AROS




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: