No princípio criou Deus os céus e a Terra


Tecidos musculares orgânicos encontrados em salamandra de 18 milhões de anos
Novembro 13, 2009, 12:40 am
Filed under: Evolução/Big-Bang

Dados científicos mostram que ADN e proteínas não se aguentam num organismo por mais de cerca de 2,7 milhões de anos, na melhor das hipóteses. Portanto, é de esperar que animais fossilizados que tenham mais de 2,7 milhões de anos não contenham esse tipo de estruturas.

E se encontrarmos este tipo de estruturas celulares em animais com mais de 2,7 milhões de anos?

Se isto acontecer, das duas uma:

1) se fores pela ciência, isto é, se a teoria em que acreditas for científica, ela irá colocar a observação empírica acima dela e outra virá substituí-la, para que se adapte aos dados;

2) se a ciência não te diz muito mas apenas estás interessado em manter uma ideologia ou uma crença religiosa, vais manipular a teoria em que acreditas, de forma a forçar os dados a encaixarem nela.

O que nos mostram as observações?

As observações mostram que existem estruturas moleculares em vários fósseis de animais que os evolucionistas dizem ter milhões de anos (1,2,3,4). Ora, mediante aquilo que foi falado em cima, se a teoria da evolução fosse realmente uma teoria científica, ela concluiria que estes animais não podem ter os milhões de anos que lhe são atribuídos, caso contrário este tipo de material orgânico já se teria deteriorado e desaparecido há muito tempo.

salamanderAgora, juntamos um novo exemplo à colecção. Cientistas conseguiram extrair tecido muscular orgânico de um fóssil de uma salamandra que eles dizem ter 18 milhões de anos. Eles disseram: “Reparámos que houve muito pouca degradação desde a altura em que fossilizou, tornando-se na preservação de tecido mole com a maior qualidade alguma vez registada no registo fóssil” [meu destacado]. Segundo eles, isto prova que a preservação de tecidos altamente susceptíveis à deterioração são mais comuns no registo fóssil do que o que se pensava. Publicado na Proceedings of the Royal Society B.

Mais uma vez, não temos nenhum tipo de experimentação empírica disto,… apenas a confirmação daquilo que é necessário provar. Já mostrei neste post e volto a mostrar aqui como funciona a circularidade do raciocínio evolucionista, mudando só os valores e o animal:

1) Sabemos que esta salamandra tem 18 milhões de anos;

2) Sabemos, com base em ciência experimental, que tecidos moles não duram milhões de anos, quanto mais 18 milhões;

3) Sabemos que foi possível encontrar tecidos musculares orgânicos nesta salamandra de 18 milhões de anos. Logo:

4) Deve haver algum erro nos cálculos mencionados no ponto 2). Tem de ser possível tecidos moles durarem 18 milhões de anos. Constatamos isso porque…

5) … Sabemos que esta salamandra tem 18 milhões de anos.

Reparem como os pontos 1) e 5) são iguais, o que revela a circularidade de raciocínio dos evolucionistas.”

CONCLUSÃO

A escala de tempo evolucionista é falsificada pelas observações científicas.

Advertisements

157 comentários so far
Deixe um comentário

Imagine só: Seu cachorro morreu faz um mês, você desenterra os restos dele, leva para a datação radiométrica, e consegue uma data de 18 milhões de anos! HUAEHAUEHEAHUA!

Será que não se deve questionar em nenhum momento os cálculos da datação?? É um absurdo! E chamam isso de ciência! Paulo estava certo quanto aos “sábios”.

Comentar por JeremiasMezenga

Quando isso acontecer, avisa a gente !

Comentar por Jonathan Diaz

Eu fui irônico. Porém, é quase isso que está acontecendo, e os cientistas nem desconfiam de seus métodos confiabilíssimos.

Vai crendo no acaso, vai…

Comentar por JeremiasMezenga

Não não Sabino. A CiênciaTM mais cedo ou mais tarde vai encontrar a resposta para este dado. Uma coisa é certa: o teu Deus não existe!!!

/ateu-evolucionista

Comentar por Mats

Salmos 14:1 Diz o néscio no seu coração: Não há Deus.

Comentar por Jocemar

Só posso deixar novamente o mesmo comentário de sempre…”a teoria da evolução é o maior entrave para o desenvolvimento científico da história”.
Tudo tem que se submeter a ela, até mesmo as leis científicas (lei, não teoria), amplamente aceitas no meio científico tem que se render a ela, até mesmo a ciência esperimental é obrigada a se render a essa religião

Comentar por Jocemar

Não fala m* não rapaz…

Foram os evolucionistas…
…que mataram por sua terra plana?
…que executaram milhares de mulheres culpado-as de bruxaria para fins até hoje obscuros?
…que fazem guerras e mais guerras para defender seus pensamentos?
…que explodem torres gemeas?
…que exploram o dizimo como entrada para o céu?
…que fizeram as cruzadas?
…que vendiam pedaços de cruz?
…que são acusados de pedofilia em todo mundo?
…que usam igrejas como faichada para sonegar impostos?exemplo_Universal – Brasil
…que atraem crentes passivos para serem dizimistas em troca de cirurgias milagrosas?
…que se infiltram cada vez mas seus lideres na politica?
…que tem preconceitos imensos a ponto de criar montros como Hitler?

…Ai vem voce me dizer que evolucionismo é entrave pra ciencia?
Voce é o que?
Louco?
Fanatico?

……Ou esta tão desesperado por algo que não consegues realizar que esta apelando para o sobrenatural?

……Religião é entrave para a HUMANIDADE!.
…Se o homem é um virus para a Terra…
…a religião é um virus para o homem…!
.
.
…Religião? Já matou mais que qualquer assassino em serie!
…já matou mais que qualquer fera selvagem!
…já matou mais que qualquer desastre natural!
…Já matou mais que qualquer bomba atomica!
…e até agora não parou!
…..milhares morrem por ano!

……Religião é e sempre foi o meio mais eficiente de controle de massas usado por governos em toda Historia!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

O maior assassino da História pertence à tua religião Romano. Apresento-te Mao. 77 milhões só este.

Comentar por alogicadosabino

Hmm, pensando bem, a Teoria da Evolução parece até um estímulo, uma concorrência, sabe? Porém, uma concorrência perigosa, com consequências perigosas. Deus deu o livre-arbítrio, mas Ele disse as consequências da escolha errada.

Sabino, já vi evolucionistas dizerem que evolução quer dizer “mudança”. O que dizer após essa afirmação? Fiquei em dúvida…

Comentar por JeremiasMezenga

Jeremias,

“Sabino, já vi evolucionistas dizerem que evolução quer dizer “mudança”. O que dizer após essa afirmação? Fiquei em dúvida…”

Basicamente o que podes dizer é que essa definição é inútil porque se “mudança” é evolução, então tudo é evolução e torna-se impossível refutar essa teoria. Uma teoria que nao se pode refutar dificilmente pode ser considerada cientifica. Além disso, a “mudança” não é exclusiva da evolução. O criacionismo também defende a “mudança”. O que realmente nos interessa saber nessa “Mudança”, é se houve aumento informação genética, porque foi isso que o evolucionismo propõe, que os seres vivos foram ficando mais complexos e ganhando informação que dantes não tinham.

“mudança” é um termo enganador, usado pelos evolucionistas para equivocar a audiência.

Comentar por alogicadosabino

“O criacionismo também defende a “mudança”.”
““mudança” é um termo enganador, usado pelos evolucionistas para equivocar a audiência.”

….Confusão, especialidade criacionista!

…..
……..Me diga uma coisa:
…Que mudança é essa que criacionistas defendem?
…Só se for o filme “MUDANÇA DE HABITO”
…..
………Voces se baseiam em um documento milenar furado!
…Fala besteira não, cade a mudança!
…Até hoje voces rebaixam as mulheres!
…Descriminão todo tipo de gays !
….
…….só voces que são os certos?
…só voces que são humanos?
..o resto é animal selvagem?

Comentar por ROMANO LIMA AROS

“…Até hoje voces rebaixam as mulheres!”

Estás a falar do islamismo?

“…….só voces que são os certos?”

Não. Só tu é que estás certo.

“…só voces que são humanos?
..o resto é animal selvagem?”

Nunca ouviste um criacionista neste dizer tamanha estupidez.

Comentar por alogicadosabino

Sabino, claro que não somos os únicos humanos. O Romano tem razão.

Os chimpanzés também o são:
http://noticias.terra.com.br/ciencia/interna/0,,OI2902443-EI8145,00-Ativistas+querem+reconhecer+chimpanze+como+gente.html

Cuidado como te referes aos chimpanzés, afinal eles tbm são gente (homo troglodytes, como queriam):
http://www.icb.ufmg.br/lbem/reportagens/Chimp_Homo_FolhaSP.html

Comentar por Vanessa Meira

De um ponto de vista filosófico. eles nem precisariam do reconhecimento de algum traço de humanidade para serem respeitados.
Asoka, imperador indiano, que viveu na época de Jesus, dizia – e fez disso lei – que todo animal merece respeito e tinha direito a vida e também a felicidade.

Discorda disso ?

Comentar por Jonathan Diaz

Vanessa,Os chipanzés só não falam para evitar que os humanos os ponham a trabalhar!lol

Comentar por Hermógenes

Não. O maior assassinato da história, pertence a sua religião: católica.
Foram 200 milhões de índios mortos, baseado na idéia que eles não eram humanos e sem alma por não serem cristãos.
Procure sobre Bartolomé de Las Casas, ele precisou provar que os índios eram humanos. Tarde demais. 200 milhões tinham sido mortos.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan, mete as fontes desses duzentos milhões.

Comentar por alogicadosabino

minha biblioteca esta em outro pc.
Procure: Encyclopedia of Race and Racism 3Vols.
Quando estiver no outro pc, dou um print da página ! E coloco o link aqui !

Comentar por Jonathan Diaz

“Quando estiver no outro pc, dou um print da página ! E coloco o link aqui !”

Agradecia. Não te esqueças de pôr a parte dos 200 milhões de mortos. É sempre bom aprender.

Mas olha, eu concordo que religião é veneno. Religião é feita pelo homem. Eu não sigo nenhuma religião. Se não sabias, ficas a saber.

Comentar por alogicadosabino

Você não segue nehuma religião ? Eu vi posts em que vc falava que era cristão… verdade era a biblia, jesus e o cristianismo.

Comentar por Jonathan Diaz

Erro meu. na verdade foram 40 milhões. Nos primeitos 40 anos de colonização.

Comentar por Jonathan Diaz

putz Romano…

Que belo espécime de evolucionista!
(os teus pares céticos-ateístas devem estar orgulhosos de tal argumentação fulminante! Que perspicácia!)

nem graça eu consigo achar.

Comentar por Vanessa Meira

“porque se “mudança” é evolução, então tudo é evolução ”
Agora você esta começando a entender.

O vírus da tuberculose aprende a se defender do antibiotico, caso o tratamento seja interompido. Ele ganha/faz informação.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“O vírus da tuberculose aprende a se defender do antibiotico, caso o tratamento seja interompido. Ele ganha/faz informação.”

Ganha? De certeza? Então esmiuça aí o processo através do qual o vírus ganha informação genética. Conta aí o que torna o vírus imune ao antibiótico.

Comentar por alogicadosabino

Procure um médico, ele vai te explicar melhor!

Comentar por Jonathan Diaz

“Resistência aos antibióticos

Os antibióticos têm sido eficazes no combate às infecções há décadas. Mas as bactérias têm armas contra eles: elas evoluem para se tornar resistentes aos antibióticos, seja secretando enzimas que os destroem, ((((seja desenvolvendo mecanismos internos que expulsam ))) os compostos químicos do medicamento do interior de suas células.

Com o desenvolvimento da resistência aos antibióticos pelas bactérias, doenças tidas como de fácil controle, como pneumonia e tuberculose, estão se tornando cada vez um problema de saúde pública”

Fonte: http://www.diariodasaude.com.br/news.php?article=virus-viram-arma-contra-bacterias-resistentes-aos-antibioticos&id=4084

Lembre-se evolução é aprender a lidar com um problema, que acaba gerando informação. Evoluir significa gerar informação !

Comentar por Jonathan Diaz

O vírus da tuberculose faz karatê :O

Comentar por JeremiasMezenga

E depois disso, o vírus se transforma em professor de pós-graduação em Oxford.

Claro que leva milhares de anos e ninguém pode observar, mas acontece.

Comentar por Vanessa Meira

Acima um belo exemplo da ignorancia que move o criacionismo!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Acima, um belo exemplo de quem vive alucinado… vê peixe virando anfíbio, réptil virando ave… Jeito típico de dopados.

Comentar por JeremiasMezenga

Já agora encontrar esse tipo de coisa vai ser previsto pelos evolucionistas, de modo que a teoria da evolução será comprovada mais uma vez.

A teoria da evolução é o pac-man epistêmico, o buraco-negro das idéias.

Se não encontrarmos tecido mole, comprova-se a evolução.
Se encontrarmos tecido mole, também está comprovada a evolução.

Resumindo: tudo prova a evolução.

Comentar por Vanessa

Este post segue o mais rigido padrão SABINICO.
…..

….Quando não é totalmente desprovido de fontes…
…apresenta como fontes blogs e revistas cientificas crianionistas…

….mas sempre com base em conclusões bestas!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

“Este post segue o mais rigido padrão SABINICO.
…..

….Quando não é totalmente desprovido de fontes…
…apresenta como fontes blogs e revistas cientificas crianionistas…”

Qual é a fonte criacionista que recorri neste post?

(Romano, já toda a gente que acompanha os comentários sabe que tu deixas o cérebro na mesinha de cabeceira sempre que vens comentar para aqui. Não precisas de o continuar a demonstrar)

Comentar por alogicadosabino

Já vi que estou incomodando!

Sabino…não perca a razão por perder a razão…SIM!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Daqui a pouco vai querer me exorcizar!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

A vanessa eu deixo!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Tenho acompanhado os comentários neste site, e fiquei impressionado com a arrogância das respostas dos ateus evolucionistas com relação a hegemonia “da ciência naturalista”.

A princípio para que uma pesquisa científica faça sentido, são necessários alguns PRESSUPOSTOS FILOSÓFICOS(puxa que pena!). O primeiro pressuposto diz que precisa existir uma realidade externa que pode ser observada pelos sentidos e instrumentos; o segundo pressuposto diz que esta realidade externa é ordenada e essa ordem é uniforme no tempo e no espaço. A negação desses pressupostos diria que tudo o que observamos seria ilusório e caótico, desta forma seria inútil falar sobre as Leis Naturais tais como: Lei da Gravitação, Leis da Termodinâmica e as Equações de Maxwell e outras. Ao afirma que a única coisa existente é o cosmos observável que existe por si próprio, o naturalismo filosófico não sabe e não pode dizer porque esses pressupostos são válidos!

Eugene Wigner afirmou: “A enorme utilidade da matemática é algo a beira do misterioso… Não há uma explicação racional para isso.” Somente a matemática é apropriada para lidar com as Leis físicas, e a própria matemática na sua origem não é construto humano, embora os símbolos o sejam. A intuição humana (incluindo a filosofia) é extremamente inadequada para lidar com as Leis Físicas. Um dos aspectos mais fundamentais e menos reconhecidos do Método Científico é a sua base matemática. Teorias científicas são extruturas matemáticas que se satisfazem a certos critérios. A origem da matemática está na “Ordem” de Deus através do seu Logus Criador (palavra criadora).

Os ateus-evolucionistas usam da simplificação que nada mais é que uma “cortina de fumaça” para aliciar os navegantes do “pensamento livre”. Fortalezas intelectuais são estabelecidas no ser humano através das “evidências” que por si próprias deveriam fluir para onde fossem dar sem preconceitos ou discriminação. Pasteur muito sabiamente afirmou: “Pouca ciência nos afasta de Deus e muita ciência nos aproxima de Deus.”

Comentar por Jonas

Tem coisa pior que usar semântica pra provar Deus? Ah, um cientista disse que isso é muito complexo. Complexidade é divina, só pode ser Deus. A ciência provou Deus.
Me diz aí, qual é o seu argumento ?

Comentar por Jonathan a. Diaz

Olá, Jonathan (Romano II).
O argumento é: Deus nunca foi visto. É aceito por fé.
Mas a evolução darwiniana (ratos dando origem a baleias, por exemplo http://criacionista.blogspot.com/2008/05/ancestral-da-baleia-me-poupem.html)também nunca foi observada. E mutações que fazem as espécies evoluirem para outra também jamais foram observadas. Portanto, a evolução darwiniana também é aceita por fé.
Isto não seria problema, se o evolucionismo não fosse uma religião travestida de ciência, tal qual a astrologia.

Comentar por Isaias S. OLiveira

Querido CONTROL+C CONTROL+V,

…..Se parasse para perceber não cito mas seu pseudonimo, por ja ter mostrado incapacidade de discutir civilizadamente apos ter sua teoria(religião)tosca questionada!
…………..Ja ouvi dizerem barbaridades aqui sobre evolucionismo e nem por isso dediquei meu tempo a ataques pessoais a voce!
……
…..Então quando ver sua teoria(tosca)religiosa questionada e não tiveres respostas decentes ,ou seja não vale estorinha de pergaminho, retire-se calado!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Leiam isso, por favor:

“De acordo com o físico teórico Stephen Hawking, em Uma Breve História do Tempo, ‘uma boa teoria deve satisfazer a dois requisitos: Precisa descrever com precisão um número razoável de observações, com base em um modelo que contenha poucos elementos arbitrários; e deve prever com boa margem de definição resultados de observações futuras’. Mais especificamente em sua área de atuação: ‘qualquer teoria na física é sempre provisória, no sentido de que é apenas uma hipótese, você nunca pode prová-la em definitivo. Não importa quantas vezes os resultados das experiências estejam de acordo com algumas teorias, não se pode ter a certeza de que na próxima vez o resultado não irá contradizê-las. Por outro lado, você pode refutar uma teoria por encontrar uma única observação que não concorde com as suas previsões.”

Então, de acordo com a Teoria da Evolução, que diz: os organismos “mudam” ao longo do tempo, como fica o Celacanto (~400 milhões de anos)? Porém, se o conceito de evolução é ganhar ou perder órgãos, ou o animal “mudar”, como fica a questão da falseabilidade?
Usando o mesmo conceito, posso afirmar que foi Deus quem criou as galáxias e vida, pois, não se sabe COMO são formados e a questão não pode ser falseável, tornando assim minha teoria digna como a Teoria da Evolução.

Peço para os evolucionistas de plantão que saibam diferenciar diversificação dentro de espécie de um dinossauro virar uma ave.

Por mais “absurdo” [para os ateus que seguem a religião do evolucionismo] que possa parecer, querer deixar tudo na mão do pai tempo nunca será o suficiente para gerar tamanha complexidade. A conclusão para existência de um Deus/deus é óbvia. É a outra religião, a do evolucionismo, que cega as pessoas.

Comentar por JeremiasMezenga

Você dá a entender que a mudança na forma de vida é uma lei, quando na verdade não é. A mudança ocorre quando necessária. A água viva é uma das formas de vida mais antigas do mundo sem grandes mudanças. A vida só muda quando precisa. Não é uma lei, não é uma obrigatoriedade.

Jura que você quis pegar uma teoria da área de física com uma de biologia?
No mais, você mesmo previu algumas arbitrariedades de qualquer lei: “boa teoria deve satisfazer a dois requisitos: Precisa descrever com precisão um número razoável de observações, com base em um modelo que contenha poucos elementos arbitrários”

Comentar por Jonathan Diaz

Deu a entender que é lei? Puff…
A própria Teoria da Evolução AFIRMA isso. Pois, mutações são aleatórias, conseqüentemente, mudanças são aleatórias.Não tem um tempo determinado. Não muda quando precisa, não.

Vai estudar mais 🙂

Comentar por JeremiasMezenga

Muito bom.
Só há mudanças quando precisa.
Teleologia, objetivo, propósito.
O relojoeiro não é mais cego, acaba de ser curado pelo Jonathan.

A linguagem do design e do propósito está impregnada naquele comentário.

Eu continuo sendo analfabeta em ciências
hehehe

O historiador foi traído, ato falho.
Talvez seja a hora de começar a ler os livros que apenas indica pros outros.

Comentar por Vanessa

Rapaz.. relendo esse comentario do Jonathan é que percebi o quanto ele “apostatou” da fé e da pureza doutrinária neodarwinista.

Herege!

Comentar por Vanessa

Aliás, concordo com você. Dois possíveis erros fazem do evolucionismo uma religião.
Enquanto centenas de erros, mais milhares de histórias sem cabimento – como a de Sansão -, claramente fazem do cristianismo uma patologia !

Comentar por Jonathan Diaz

Não.
Mudanças são causadas por dois motivos.

1. Erros genéticos. Caso sejam úteis, se mantém no sangue e é passa para a próxima geração.
2. Resultado do tipo de vida, perigo e alimentação dos pais. Darwin argumenta, metaforicamnte, que o sêmen já contém todas as mudanças genéticas causada pelo tipo de vida dos pais.

Exemplo: quando um viciado em drogas entra na clinica, ele é avisado, que caso queira ter filhos, dependendo da droga ele deve esperar de 6 meses até 1 ano para limpar o corpo. Antes disso o bebê pode ter vários problemas.

Comentar por Jonathan Diaz

Que droga, não consigo postar um comentário, dá erro. Huahauahua. Que triste –‘

Comentar por JeremiasMezenga

lol

Comentar por Mats

Dei uma lida no seu blog. É de uma imbecilidade hilária. Você é bem do tipo criacionista desesperado. O céu é azul, portanto Darwin esta errado. A baleia bebe água, Darwin esta errado.
O seu artigo é uma falha do começo ao fim. A origem da vida é uma só. Por isso não se espante, somos e devemos ser iguais em composição. São realmente as pequenas diferenças que contam para termos a atual forma.
Já ouviu falar do efeito borboleta ? Então, mudanças minúsculas na composição, criam mudanças enormes.

E não fale *****. origem da vida, não é evolução. É abiogenesis. Área de estudo completamente diferente.
Independente da origem da vida, sabemos sem sombra de dúvida: quando ela surge, ela sofre efeitos relacionados ao ambiente em que existe e as pressões que ele exerce.

Comentar por Jonathan Diaz

Olá Jonathan Diaz, obrigado pelos comentários submetidos.

“O seu artigo é uma falha do começo ao fim. “

Só falta apontares as falhas : )

“E não fale *****. origem da vida, não é evolução. É abiogenesis. Área de estudo completamente diferente.”

As duas estão intimamente ligadas, pois se uma não acontecer, a outra também não acontece.

Mas ok, eu vou passar a separar essa religião da religião evolucionista.

Comentar por alogicadosabino

A evolução pega da origem da vida em diante. Seja divina ou seja resultado quimico – aliás, foi provado duas vezes que o não organico, cria organico. Não vida, cria vida.

A evolução é tão grande como uma lista telefonica, é comprovada e recomprovada todo dia. Há 150 anos. Como um tecido muscular acaba com toda a teoria.
Recomendo o documentário EVOLVE, dividido em onze partes.
Mostra como e o porque de cada traço da evolução. A começar pelos olhos, pele, tamanho, sexo, veneno e mais.
O doc esta disponivel para downlçoa gratuito, é só procurar !

Quando vc vai começar a postar as palestras de Dawkins com o seu debunk ?

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“aliás, foi provado duas vezes que o não organico, cria organico. Não vida, cria vida.”

Estás a mentir. És um historiador mentiroso.

“A evolução é tão grande como uma lista telefonica, é comprovada e recomprovada todo dia.”

Outra mentira e equivocação. O que é comprovado todos os dias é que informação codificada tem sempre origem inteligente, vida vem da vida, design tem designer. O que é comprovado todos os dias é a variação entre as espécies. A evolução como Darwin propôs, onde um tipo de animal se transforma noutro tipo de animal diferente, que é aquela que os criacionistas negam, nunac foi comprovada. Aceitas pela fé.

“Recomendo o documentário EVOLVE, dividido em onze partes.”

Tá. E eu recomendo o documentário A CASE FOR A CREATOR, dividido em 5 partes.

“Mostra como e o porque de cada traço da evolução. A começar pelos olhos, pele, tamanho, sexo, veneno e mais.”

Se for com base nos dados das revistas científicas, 90% é especulação e just-so stories.

Comentar por alogicadosabino

Com relação a não-vida criar vida. Só posso recomendar.
http://books.google.com/books?id=aQ75QhwpXoEC&printsec=frontcover&dq=life&ei=4Jj_SuqqEonaygSvttGIDw&hl=pt-BR#v=onepage&q=&f=false

Leia sobre o Miller-Urey experimento

Dois experimentos deram resultados organicos, mesmo sem criação organica. Agora, não sou enciclopedia. Dê uma olhada na minha biblioteca. Com 720 livros lá. Dificilmente vc vai sair decepcionado.

“O que é comprovado todos os dias é que informação codificada tem sempre origem inteligente”
Cadê as provas ?
Visite o site que é amado pelos ateus e referencia mundial: http://www.talkorigins.org

Ainda sobre a abiogenesis: http://www.talkorigins.org/faqs/abioprob/

Você é bobo em achar e cismar que evolução é apenas transiocional. Aliás, tenha em mente que 99.9% de toda a vida na Terra morreu, devido a várias condições apresentdas no planeta.

Agora, faça uma carta para o Vaticano e Igreja anglicana que aceitam a evolução. Eles passaram anos, colocaram seus melhores pesquisadores para demolir a tese… e acabaram concordando.

E mantenha em mente… para a biblia ser puramente verdadeira, ciências inteiras precisam cair. Geologia, astronomia, biologia e fisica.

Quais são as chances de um livro cheio de mitologia emprestada dos vizinhos derrubar quatros ciências ?

A evolução é tão errada que os museus do mundo inteiro estão cheios de puro erro. milhões de fosseis completamente errados.

Ouvi do diretor do museu que diz que a evolução esta completamente errada. Em tempos de youtube ele não quis aparecer e humilhar Darwin e Dawkins ? provar toda uma área da ciência errada é Nobel na certa!

Esta perdendo a chance de fazer história !

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan, as tuas afirmações e fontes indicadas são plenamente conhecidas por muitos aqui.

Afirmaste que não-vida gera vida, Talkorigins, evolucionismo não tem nada a ver com racismo e eugenia, o cristianismo foi o que mais matou, etc

Esses argumentos todos sempre aparecem aqui, são refutados, e aparecem de novo (sem novidades) e são refutados de novo, e de novo.

Falta-te apenas começar a atacar o cristianismo baseando-se em Zeitgeist.

Saiba porém que isso também já o fizeram.

Comentar por Vanessa

É, acho que perdi o bonde. Refute o experimento Miller-Urrey mais uma vez ! Eu imploro.

Sempre indico livros, aliás, como historiador leio várias matérias da época de autores conhecios e desconhecidos.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“Refute o experimento Miller-Urrey mais uma vez ! Eu imploro.”

É, Jonathan. Como historiador, estás um pouco desactualizado… estás a precisar de ler livros com menos de 30 anos. A experiência de Miller já foi desconsiderada nos anos 70. Mas, como sempre, o evolucionista tem sempre de recorrer a informação obsoleta para demonstrar a veracidade da sua religião. Vê: A sobrevivência do mais falso

“São os fosseis que indicam evolução.”

Então, sendo assim, só te peço para me mostrares onde estão os fósseis transitórios de todas as espécies que aparecem no cambriano, assim como os fósseis transitórios dos insectos. Usa a tua formação em História para mos mostrares.

“Me faz um favor? Leia o enunciado da evolução no wikipedia [em inglões, pq é mais completa]. Depois a gente conversa.”

Jonathan, como chegaste ao blog há pouco tempo, se calhar ainda não sabes, mas eu explico: os criacionistas não têm qualquer tipo de problema com a variação/especiação animal. Aliás, essa é uma parte importante no modelo do criacionismo bíblico. Esta variação também é chamada de “microevolução”. Se o assunto é microevolução, poupa os comentários, isto é científico e nós acreditamos e defendemos isso.

O que não aceitamos, porque nunca foi observado, é a macroevolução, o tipo de evolução que transforma um tipo de animal noutro tipo de animal completamente diferente. Os animais têm limites, a variação tem limites. Tu podes seleccionar milho para produzires o melhor milho possível mas ele será sempre milho. Agora, se a definição que os evolucionistas dão de “evolução” é: “os filhos serão diferentes dos pais”, torna-se óbvio a inutilidade da definição. Admitir que qualquer mudança é “evolução” é fugir à falseabilidade.

(PS 1: O print screen com os 200 milhões de mortos?)

(PS 2: Volto a pedir-te que não faças múltiplos comentários seguidos no mesmo post. Coloca as frases avulso num único comentário, se faz favor. Facilita o diálogo. Obrigado)

Comentar por alogicadosabino

Como o experimento foi provado errado na decada de 70 se em 2008 o teste foi refeito e ao invés de 5 aminoacidos foram contados 28.

http://www.sciencedaily.com/releases/2008/10/081016141411.htm

http://en.wikipedia.org/wiki/Miller-Urey_experiment

“O que não aceitamos, porque nunca foi observado, é a macroevolução, o tipo de evolução que transforma um tipo de animal noutro tipo de animal completamente diferente.”

Filho, é preciso que o ambiente inteiro mude de forma drastica para contecer evolução transiocional. Repito: 99.9% de toda a vida na Terra já morreu.

Sobre o holocaust indigena, refifiquei mimeu comentário foram 40 milhões.

VOu enviar as fontes por email, nesse exato momento |!

Comentar por Jonathan Diaz

“Boiled water (1) creates airflow, driving steam and gases through a spark (2). A tapering of the glass apparatus (inlay) creates a spigot effect, increasing air flow.”

Modificaram o aparelho, os compostos passam mais rapidamente pelas descargas elétricas. Passando mais rapidamente, diminui as chances de serem destruídos pelas descargas elétricas…
E não tem inteligência por trás para querer criar vida? Puff…

Peço que enterre o experimento de Miller, pois, esse já caiu faz tempo.

Comentar por JeremiasMezenga

Por favor peça a essa inteligencia a planta do projeto!
E o manual!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

“Não vida, cria vida”

É tua afirmação, Jonathan.
Miller não pode te salvar nessa.
Talvez os teus 720 livros.

Comentar por Vanessa Meira

Jonathan,

“Sobre o holocaust indigena, refifiquei mimeu comentário foram 40 milhões”

Então passamos de 200 milhões para 40 milhões? Confirmaste melhor nos 100 livros da tua biblioteca, foi? E ainda achas que a religião católica é que foi a maior assassina da História, é?

Ora bem, se um historiador comete um lapso de 80% numa área em que supostamente ele é especialista, por que irei dar valor ao que tu dizes sobre as outras áreas?

Comentar por alogicadosabino

Então quer dizer sabino que 200 milhões é feio, mas 40 milhões de mortes esta liberado?

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Que chamar o cara de burro e não sabe porcentagem simples?

……40 é 80% de 200 ?
?????????????????????????????????
?????????????????????????????????
?????????????????????????????????
?????????????????????????????????

Comentar por ROMANO LIMA AROS

“Que chamar o cara de burro e não sabe porcentagem simples?

……40 é 80% de 200 ?”

Não idiota. 160 é 80% de 200, que foi o erro do Jonathan. Volta para o pátio da creche e deixa os adultos conversarem em paz.

Comentar por alogicadosabino

Deixa o Romano.
Ele é um exemplo de “estase”, o que também comprova a evolução.

Comentar por Vanessa Meira

Com 40 milhões foi só o começo. Se a conta for feita do começo ao fim da colonização, acredito e já li estimativas que chegam a esse número. Mas, por via das dúvidas. Fico com 40 milhões, em 40 anos, o que dá 1milhão/ano.

Comentar por Jonathan Diaz

Sou historiador, em nenhum momento disse em que área.

Reconheci o erro e retifiquei. Agora, se um erro honesto é motivo para ignorar todas as outras afirmações, é bom saber.

Vou guardar a sua lógica de julgamento para minha leitura da bíblia e do seu blog.

Refutei grande parte dos argumentos da sua turma. E os que não refutei é pq eu realmente não sou um enciclopédia como alguns de vcs chegaram a supor.

É preciso leitura. Não posso forçar ngm a ler os livros que eu envio. Escritos pelos quadrúpedes de Oxford, Cambridge, Havard entre outras.

Ofereci farto material e ngm sequer teve curiosidade de pedir.

29 provas da macro-evolução http://www.talkorigins.org/faqs/comdesc/

‘[…]por que irei dar valor ao que tu dizes sobre as outras áreas?’

Isso tudo é medo ? Andou rezando com mais freqüência depois que eu passei a visitar seu blog ?

Do pessoal do blog recebi ataques e idéias bobas, de você apenas rápidos comentários, que respondi acompanhados de farta evidência em livros e online.

Até agora você não me recomendou um livro. E nem mostrou um cientista não-religioso que refute – e prove – a evolução errada.

Eu dou uma lista de nomes, argumentos, livros, documentários. Você só vai precisar entrar com o senso critico. Quer ?

Tenha em mente que os europeus, sequer contavam, simplesmente matavam. Bartolomé de las Casas, foi um dos pouco que seu deu ao trabalho de contar e descrever a matanças e seus modos.
O número é provavelmente muito maior, mas sem exatos números da população e das mortes, fica impossível dar uma quantia exata !

Comentar por Jonathan Diaz

“Refutei grande parte dos argumentos da sua turma. E os que não refutei é pq eu realmente não sou um enciclopédia como alguns de vcs chegaram a supor.”

É preciso ter muita auto-estima para ser feliz…

Jonathan sequer representou um desafio sério, por isso muitos nem se deram ao trabalho.

Veja quantas coisas interessantes aprendemos com Jonathan:
– foi provado que não-vida cria vida. 2 vezes (avisa o Craig Venter disso, ele continua tentando).
http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1358205-5603,00.html
– cristianismo matou 200 milhões ou 40 milhões, sabe-se lá, tanto faz…
– E demonstrou sequer saber o que é a evolução: “A mudança ocorre quando necessária. A água viva é uma das formas de vida mais antigas do mundo sem grandes mudanças. A vida só muda quando precisa.”

Como debater com alguém se perdemos tanto tempo corrigindo-o em coisas básicas e tentando colocá-lo de volta ao ringue racional?

Comentar por Vanessa Meira

A segunda prova foi a geração de RNA. O livro em que aparece já foi linkado. É só ler.

O cristianismo matou muito mais de 200 milhões. Me referi a uma época bem especifica: a conquista do continente americano. Foi no mínimo 40 milhões. Mínimo !

O artigo fala sobre a dificuldade em criar vida, em nenhum momento invalida Miller-Urrey experimento. Existe cursos para interpretação online.

Quanto a evolução não ser uma obrigação, só posso recomendar mais estudo. Muita das idéias que o povo tem sobre evolução não são verdadeiras.Foi o caso do vírus da tuberculose, provei que ele evolui, ganha informação e passa a mudança para frente. isso é evolução.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“Foi o caso do vírus da tuberculose, provei que ele evolui, ganha informação e passa a mudança para frente. isso é evolução.”

Provaste como? Não te importas de copiares o que disseste para aqui outra vez? Passou-me ao lado nos 5 comentários seguidos que fazes.

Comentar por alogicadosabino

O cristianismo matou muito mais de 200 milhões. Me referi a uma época bem especifica: a conquista do continente americano. Foi no mínimo 40 milhões. Mínimo !

Então agora caiu para 40 milhões?
Mesmo assim, quais são as fontes disso?

Comentar por Adalberto Felipe

Os ateus gostam de dizer que o Cristianismo matou um infinadade de pessoas, argumentam que a Cruzada, Inquisição, e outros. Mas estes matarão alguns milhares, como diz D’nesh D’souza. Agora o sistema comunista matou em algumas décadas mais do que o Cristianismo matou em 2.000 mil anos, simplesmente centenas de milhões de pessoas. Que barbaridade.

Comentar por Allef

Muito improvável que o cristianismo tenha matado menos que o comunismo.

Um fator que aumentou o número de mortes em qualquer massacre foi a densidade demográfica. A bomba de Hiroshima mataria muito mais hoje, que em 45.

Estranho é o cristão ficar aliviado com um baixo número de massacres quando comparados aos comunistas. Se o cristianismo foi fundado justamente com o sermão da montanha, que deu como meta a não-violência, paz e igualdade entre os povos. Qualquer massacre, morte, opressão e humilhação de um povo tendo como base esses ensinamentos deveriam causar horror e não a procura de desculpas ridículas.

A pior parte de ler argumentos como o seu é sentir o alivio. O alivio do cristão que viu o colega da fileira da frente com um pecado maior que o seu.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“Muito improvável que o cristianismo tenha matado menos que o comunismo.”

Mas que cristianismo Jonathan? Quem matou foram as pessoas que diziam que eram cristãs. Mas entre o dizer que se é e o ser ainda vai alguma distância. Como é que alguém que pratica o oposto do que Cristo ensinou pode ser cristão?

Da mesma forma, pela tua lógica, sempre que uma pessoa ateia matar alguém eu posso dizer que foi o ateísmo que matou, correcto?

Comentar por alogicadosabino

Jonathan,

“Reconheci o erro e retifiquei. Agora, se um erro honesto é motivo para ignorar todas as outras afirmações, é bom saber.”

Não tem problema em reconhecer-se erros. Acho louvável. O que mais me aborreceu foi teres atirado o “200 milhões” para o ar, como se fosse uma certeza absoluta… e depois usares o argumento de que és historiador, como quem diz “eu sei o que digo”. Sabes que eu já ando nisto há algum tempo, já aprendi que as opiniões lançadas para o ar nem sempre correspondem à realidade, como se viu aqui mais uma vez.

“Refutei grande parte dos argumentos da sua turma.”

Como é que refutaste argumentos da minha turma, se os argumentos que usaste baseiam-se em experiências que já foram desconsideradas pelos próprios evolucionistas? Por exemplo, refutaste a alegação de que “matéria inorgânica não pode gerar vida” utilizando uma experiência que já foi desconsiderada. Isso foi-te apontado. Nós não temos o dever de te refutar. Temos o dever de te chamar a atenção para actualizares as tuas fontes. Já sei que és o homem dos livros, mas se calhar dava jeito teres livros com menos de 30 anos.

“Isso tudo é medo ? Andou rezando com mais freqüência depois que eu passei a visitar seu blog ?”

Não. Acredita que muitos antes de ti já passaram por aqui e já usaram os mesmos argumentos que tu e já foram refutados. Não penses que chegaste aqui e descobriste a pólvora : )

“Do pessoal do blog recebi ataques e idéias bobas, de você apenas rápidos comentários, que respondi acompanhados de farta evidência em livros e online.”

É mentira que só tenhas recebido ataques e ideias bobas. Lê melhor as respostas que te foram endereçadas. As fartas evidências de livros não são nada. Não foi por teres uma biblioteca recheada de livros que deixaste de lançar para o debate um valor 80% incorrecto. Eu também podia enviar-te para o mail “fartas evidências em livros”. Não o faço porque isso não acrescenta nada ao debate. Eu não estou à espera que tu vás ler os 10 livros recomendados. E não é o facto de uma coisa estar em livros que se torna automaticamente verdade.

“Eu dou uma lista de nomes, argumentos, livros, documentários.”

Se insistires eu posso fazer o mesmo. Posso-te dar uma lista com nomes, argumentos, livros e documentários. E pronto… fica o debate encerrado. Não me parece que isso acrescente alguma coisa a quem está a acompanhar os comentários por fora.

Comentar por alogicadosabino

Já foi enviado material ao dono do blog. Agora é só esperar o debunk. Todo o material sobre evolução que tenho, será enviado a ele. Admito não saber explicar cada passo da evolução, porém li, entedi e vi verdade nisso.

Entenda que possíveis erros na linha do tempo não derruba a evolução. Mesmo tendo as datas erradas, houve mudança. O principal ponto, que acaba sendo um problema para sua religião é: a vida não é estática. Nunca foi, nunca será. Muitos cristão aceitam a evolução. O problema só surge se você aceita de forma literal a genesis.

Mais uma vez recomendo o documentário EVOLVE, nele aparecem evoluções que estão aparecendo no animal agora. Nesse exato momento. Nada transiocional, mas ainda sim mudança. Um tipo de esquilo acabou de ficar imune ao veneno de cobra. E algumas cobras, por sua vez, estão com um veneno mais forte que voltou a matar o esquilo.

Repito: O experimento Miller-Urrey foi recomprovado em 2008. E nesse exato momento a ciência esta tentando criar uma segundo forma de vida.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan, a menos que você redefina o significado de “vida”, experimento algum criou vida. Espanta-me alguém afirmar isso com tanta convicção.

Vc tem uma noção completamente errada do que é o criacionismo bíblico: não é fixismo.
Na sua longa bibliografia deve ter algo a respeito.

Os seus exemplos de cobra virando cobra e esquilo virando esquilo fazem parte do modelo criacionista. Não temos problema algum com isso.

Seria interessante vc parar de brigar com um espantalho inerte e começar a discutir o criacionismo de verdade.

Comentar por Vanessa

Vida:
conjunto de atividades e funções orgânicas que constituem a qualidade que distingue o corpo vivo do morto

Dic Houaiss

Quando me referi [sic] a cobra virando cobra, mostrei que nem toda evolução é transicional.

Evolução é qualquer mudança que facilite a vida de um ser vivo. Caso queira, envio um liro que mostra a evolução transicional através dos fósseis

Comentar por Jonathan Diaz

Vc disse que orgânico é vida.
Avise o Dr Mark Swain, da NASA, q disse:
“A detecção de compostos orgânicos não significa necessariamente que há vida em um planeta, porque existem outras formas para a geração destas moléculas”

http://www1.folha.uol.com.br/folha/ciencia/ult306u641102.shtml

Vc tbm disse que foi provado 2 vezes que não-vida cria vida.
Avise o Craig Venter, ele achava que conseguiria criar vida, mas já reconhece que é muito difícil:
http://g1.globo.com/Noticias/Ciencia/0,,MUL1358205-5603,00.html

Comentar por Vanessa Meira

Exatamente, compostos orgânicos gerados da não-vida são a base para a vida. Agora se vão se tornar vida mais complexa, depende do ambiente que encontram. A Terra ficou 1,5 bilhão de anos sem vida.

Como diz o próprio artigo: “O planeta, que leva o nome de HD 209458b, não é habitável, mas possui a mesma química que, se encontrada em um planeta rochoso no futuro, pode indicar a presença de vida.”

Tem que ler o texto todo, não só a parte que te agrada !

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan, a evolução não é o que vc diz ser.
A mudança nos seres é aleatória, e não ocorre por necessidade como afirmaste.
O “relojoeiro” é cego, lembre-se disso.

Essa é a tua praia, e é constrangedor criacionistas ensinarem algo básico para um evolucionista com bibliografia tão farta…
Onde já se viu algo semelhante?

Sobre a origem da vida: já ouviu falar em vergonha alheia? É o que sinto pelo q escreves.

Ninguém gerou vida de não-vida. Nenhum experimento criou vida. Existe um abismo entre aminoácidos e vida.
Mostrar como se faz um tijolo não diz muita coisa sobre como se constrói um shopping-center.

As experiências a q te referes podem ser fantásticas, mas não provam o que vc diz que elas provam.

Só na tua cabeça isso faz sentido.

Comentar por Vanessa Meira

Vanessa, você é um caso perdido. Entende o que quer, lê até onde é satisfatório e tem orgulho de perguntar o que já foi respondido.

Se a mudança não ocorre por necessidade, só posso imaginar a sua explicação frente as diferenças humanas para cada tipo de clima em cada região. Sinta-se livre para ver a negritude, não como resposta ao clima, mas sim como maldição divina.

Já expliquei quais são os princípios da evolução. Cabe a você subir a página.

Quanto ao seu desprezo pelos aminoácidos, só volto a te lembrar que DNA é um tipo de aminoácido.

Parece que no seu caso, o relojoeiro era mais cego que em outros.

Comentar por Jonathan Diaz

Mandei dois emails para o Sabino. Ele não os reproduz fielmente, então eu coloquei os emails na integra na internet.

Quem quiser ler:
http://docs.google.com/Doc?docid=0AfxcaO8uTFuCZGczc3dwMmpfNzhjMjVjMmZmZg&hl=pt_BR

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan, acabaste de comprovar que és um historiador de bancada apenas. Ainda avanças com a tese de que Jesus é uma cópia de mitos. Essa posição, pelo facto de ser tão absurda e já mais que refutada, não se discute entre os historiadores. É uma discussão que só ocorre ao nível dos blogs e dos fóruns, dado a quantidade de leigos que os invadem. Desculpa, mas não acredito que sejas historiador.

Que ainda uses a experiência de Miller como evidência de geração espontânea, tudo bem… não é a tua área e tal, ainda compreendo. Que digas que os católicos mataram 200 milhões de índios e mais tarde corrijas para 40 milhões, já é uma margem de erro um bocadinho imprópria para um historiador. Agora que defendas a tese de que Jesus é uma cópia pagã, ui… isso já é demais para alguém que se diz historiador. Não sei se sabes, mas Blavatsky, Wells ou Acharia S não são historiadores. Não sei onde baseias as tuas fontes.

Um historiador certamente conheceria as fontes bíblicas, extra-bíblicas cristãs e extra-bíblicas não cristãs sobre Jesus Cristo. Cá para mim dizes que és historiador apenas pelo facto de teres na tua biblioteca online uma vasta colecção de livros adicionados.

Comentar por alogicadosabino

Ok.
Mudança surge de maneira aleatória, não por necessidade. Evolucionista mal-informado (Lamark e as girafas mandaram um abraço pra vc).
A seleção natural do que foi previamente mudado (de modo cego), a preservação da mudança vantajosa é outro assunto.

Como queres defender a teoria da evolução se não fazes idéia do que seja isso?

Já te expuseste demais.

Comentar por Vanessa Meira

Sabino uma pergunta…

…..”informação obsoleta”
..
….O que voce acha ser “informação obsoleta”?
..
..a)Biblia
..b)Criacionismo
..c)Seu Blog
..d)Todas as alternativas!
……………………………

Comentar por ROMANO LIMA AROS

A quantas formas de vida o experimento Urey-Miller deu origem?

Nenhuma.

Mas não é só por isso que o experimento não precisa ser refutado. É porque ele se apóia em pressuposições que não podem ser provadas, uma delas é a atmosfera inicial 🙂

É por isso que não precisamos refutar o experimento, porque ele não contraria nossos argumentos.

E antes que me esqueça: Houve intervenção humana (Inteligente) por trás do experimento, logo, é mais uma lição de “Como não provar a abiogênese”.

Comentar por MVR

O que fazem com esse pessoal nas escolas? Leucotomia?

Urey-Miller ainda continua sendo usado como evidência de alguma coisa “evolutiva” por que mesmo?

Comentar por Vanessa

Olha, não sei você, mas eu vi o homem ir ao espaço, quebrar a barreira do som e acabar com doenças que quase dizimaram a humanidade – varíola, por exemplo.

Dizer que nada prova nada é ridículo. Eistein, por exemplo chegou a conclusão da existência de buracos-negros bem antes de um ter sido encontrado.
Em frente a um quadro-negro ele disse o que esta lá fora.
Como uma ciência que preve o que vai encontrar, não tem nenhuma possibilidade de dizer o que já foi.

O experimento provou que vida pode surgir da não-vida. Ele não afirma que foi assim que a nossa surgiu. temos o que precisamos saber. Orgânico, pode sim ter criado pelo não-orgânico.

Aliás, pra manter o seu ‘ele se apóia em pressuposições que não podem ser provadas’… como andam as provas que o homem veio do barro e que o universo foi criado em seis dias?

Comentar por Jonathan Diaz

Leia o livro do Michael Behe (ele é bioquímico), A Caixa Preta de Darwin. Ele acaba com o experimento de Miller 🙂

Comentar por JeremiasMezenga

Como deve saber, para um experimento ter credibilidade, é preciso passar por um peer-reviw. Significa que uma bancada formada por cientistas vão tentar matar você e os eu experimento. Despois ele é publicado, para o mundo tentar matar seu experimento.

Um cientista nunca fez nada, sem conseguir provar seu experimento na frente da bancada não existe ciência de um homem só, pode existir descoberta de um homem só, mas não ciência.

Comentar por Jonathan Diaz

Vanessa mentir é feio…

……Refute aqui tudo que Jonathan disse…
…TUDO !
…TUDO que voce ja ter sido refutado aqui!
…..
……..Só falta voce dizer que 40 milhões não morreram na colonização…
……..que não-vida gera vida…etc…
…Estou a espera!
…OBS: Não cometa os mesmo erros que sabino, escrever o que quer dar blogs e homes religiosos como fontes e fazer conclusões toscas!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Jonathan pediu provas para a afirmação: “O que é comprovado todos os dias é que informação codificada tem sempre origem inteligente”

É um pedido estranho.
Devemos supor que os comentários de Jonathan (informação) são produzidos aleatoriamente por forças naturais não-inteligentes.

Bem… com a parte do “não-inteligente” eu concordo.

Comentar por Vanessa

Generalizações infantis é o que mantem os criaconistas falando sozinho !

Comentar por Jonathan Diaz

“…Foram 200 milhões de índios mortos, baseado na idéia que eles não eram humanos e sem alma por não serem cristãos.
Procure sobre Bartolomé de Las Casas, ele precisou provar que os índios eram humanos. Tarde demais. 200 milhões tinham sido mortos”.

Presumo que sejas negro. É a primeira vez que vejo um negro defendendo a evolução. Sabes por quê quase não se vê negros evolucionistas?

Os evolucionistas não admitem publicamente, mas eles creem nisso:
O negro é a evolução do macaco;
O índio é a evolução do negro;
O loiro de olhos azuis é o último estágio, o ápice, o mais evoluído de todos.
Para não ficar só nas minhas palavras…

Numa carta de julho de 1862 para Engels, em referência a Ferdinand Lassalle, seu competidor político socialista, Marx escreveu: “…é agora completamente evidente para mim que, como provam a formação de seu crânio e seus cabelos, ele descende dos negros do Egito, presumindo que sua mãe ou avó não tinha cruzado com um preto. Ora, essa união de judaísmo e germanismo com uma substância negra básica deve produzir um produto peculiar. A impertinência do camarada é também característica dos pretos”.

Engels também tinha muitas das convicções filosóficas raciais de Marx. Em 1887, Paul Lafargue, que era o genro de Marx, havia se candidatado a uma vaga num distrito de Paris que continha um zoológico. Engels afirmou que Paul tinha “um oitavo ou um décimo de sangue de preto”. Numa carta de abril de 1887 para a esposa de Paul, Engels escreveu: “Estando em sua qualidade COMO PRETO, UM GRAU MAIS PRÓXIMO DO RESTO DO REINO ANIMAL do que o resto de nós, ele é sem dúvida alguma o representante mais adequado desse distrito”.
Dr. Walter E. Williams é um americano negro, professor de economia na Universidade George Mason em Fairfax, Va, EUA.
Traduzido, adaptado e editado por Julio Severo: http://www.juliosevero.com

“Eles [ou seja, os negros]tem demonstrado ser uma raça imensuravelmente inferior, só humanos e nada mais, sua religião, primitiva e sensual, suas mais altas virtudes são as mesmas de um bom cão.”
Fenton John Anthony HORT (1828-1892). Padre anglicano, evolucionista, espírita e anti-cristão.-Coisa de doido!

Embora Darwin se opusesse à escravidão, ele acreditava piamente que o processo evolutivo tinha criado raças superiores e inferiores. No seu livro The Descent of Man ele manteve que o desenvolvimento intelectual humano era produto da seleção natural e que ela tinha produzido diferenças significantes nas faculdades mentais de “homens de distintas raças” [Coitado do Watson, seguiu o líder e se ferrou!] Vide The Descent of Man (1871), vol. I, pp.109-110, 160, 201, 216.

Naquele livro, Darwin depreciou aos negros, e destacou que a interrupção na história evolutiva entre os macacos-antropóides e humanos caiu justamente “entre o negro ou australiano, e o gorila”, dando a entender que ele considerava os negros como sendo os humanos mais parecidos com os macacos-antropóides. Ibid, p. 201.

Além disso, Darwin predisse que “em algum período futuro, não muito distante se medido pelos séculos, as raças civilizadas do homem [europeus brancos] irão quase que certamente exterminar e substituir as raças selvagens [ou seja, negros e índios]por todo o mundo.” Ibid, p. 201.
Darwin era racista, Eldredge e os darwinistas com esta nova exposição não podem negar.

Exposições como esta envergonham a ciência com esta omissão intencional do lado cinzento do Grande Timoneiro do pensamento evolutivo.

http://pos-darwinista.blogspot.com/2007/11/exposio-darwin-abrasileirada-vai.html

Mesmo que não sejas negro, pense nisso.

Comentar por Isaias S. Oliveira

“Os evolucionistas não admitem publicamente, mas eles creem nisso:
O negro é a evolução do macaco;
O índio é a evolução do negro;
O loiro de olhos azuis é o último estágio, o ápice, o mais evoluído de todos.
Para não ficar só nas minhas palavras…”
……..
e voce é o que ,HITLER?
……..
Apelando rapaz?
Tentando converter o Jony?
Assim que voces agem né!
.Mostre-me um livro de biologia que diga isso!

Hitler é um belo exemplo de religioso em sua ultima fase de fanatismo!

Cuidado voces ai em portugal pois sabino esta na penultima!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

É verdade, Hitler levou a sua religião ao extremo.

Já se tivesse optado seguir os ensinamentos da religião que ele considerava uma invenção dos judeus, se calhar não se tinha comportado como se comportou.

Comentar por alogicadosabino

Filho, sou historiador. Se tem uam coisa que eus ei bem é que o cristianismo foi a maior base do racismo no mundo.
Na idade média, cristãos e judeus legitimavam a escravidão, com a biblia, com a passagem em que supostamente, um negro ri de Noé, quando ele esta nu e bebado.

O vaticano não considerou negros humanos – por isso é recente a ideia de catequese na África .
No Brasil colonial, negro não podia testemunhar no tribunal, por não ter alma, portanto estava livre para mentir.

Recomendo os livros:
The curse of Ham: race and slavery in early Judaism, Christianity, and Islam
http://books.google.com/books?id=SajGpEGzgmcC&pg=PA48&dq=Christian+racism&ei=WyL_Su3tAYOgzASRuNiXDw&hl=pt-BR#v=onepage&q=Christian%20racism&f=false

Infected Christianity: a study of modern racism
http://books.google.com/books?id=n4Eo9JpM3LsC&pg=PA70&dq=Christian+racism&ei=WyL_Su3tAYOgzASRuNiXDw&hl=pt-BR#v=onepage&q=Christian%20racism&f=false

Dá uma olhada na minha biblioteca…. é só clicar no meu nome !

Comentar por Jonathan Diaz

O que supostos religiosos fizeram ou deixaram de fazer em nome da religião não me interessa. Isso é com eles, cada um responde por si. O que me interessa é o que disse Jesus Cristo, que é a quem sigo. Eu não sigo os ensinamentos do Vaticano, nem da igreja católica, nem da igreja evangélica, nem do papa. Sigo a mensagem de Jesus Cristo.

Comentar por alogicadosabino

Como uma religião que ensina que todos são iguais, que não há diferenças essenciais entre gregos, judeus, homens, mulheres, servos e livres pode ser a base para o racismo?

Só ignorando e/ou deturpando a Bíblia.
Quando a compreenderam corretamente, os próprios cristãos trataram de corrigir o erro dos supostos religiosos.

Comentar por Vanessa

Até onde eu sei. Todas as ideias de aperfeiçoamento foram consideradas infantis, até pelos cientistas sovieticos.
Embora exista muita literatua com ideia sobre eugenia. o único páis do mundo no qual foi realmente implantada foi a Alemanha.

O extermino do resto do mundo são se deve a eugenia. Se deve ao poderia militar, naquele momento a força militar era tão concentrada que, realmente esra de se imaginar, que se o homem branco, quisesse, exterminaria a todos !

Comentar por Jonathan Diaz

Isaias.

Os evolucionistas não admitem publicamente, mas eles creem nisso:
O negro é a evolução do macaco;
O índio é a evolução do negro;
O loiro de olhos azuis é o último estágio, o ápice, o mais evoluído de todos.

Vixe… desde que eu começei a frequentar este site, isto foi uma das coias mais sem noção, erradas, não-científicas, preconceituosas, idiotas, mesquinhas e repugnantes que já li.

Prá falar uma m***a dessa, meu caro, preferível ter ficado de boca calada prá não passar por IGNORANTE.

Mas já que fez essa acusação, se não quiser parecer um mau-caráter completo,poderia postar a fonte dessa informação para que possamos averiguar.

Comentar por Alexssc

“Hitler é um belo exemplo de religioso em sua ultima fase de fanatismo!”

Sim, religioso do evolucionismo.
Ele acreditava na evoluão e acreditava que que a raça ariana era superior às demais. Tipicamente evolucionista.
E, como o TEU cérebro é apenas um “órgão vestigial”, percebí que você não compreendeu que Marx, Engels, Darwin e etc é que diziam que os negros são inferiores aos brancos. E as revistas pseudo-científicas (ou seja, evolucionistas) jogam estas coisa para debaixo do tapete. Mas a internet está aí. Só continua na ignorância quem quer.

Comentar por Isaias S. Oliveira

A única base para verem judeus como inferiores era a Biblia. Durante o nazismo os judeus foram acusados de matar Cristo e eram tidos como inferiores geneticamente, por não terem aceitado o cristianismo. A biblia era tido como um documento de absoluto valor histórico.

Quando os judeus renegam Cristo. isso, pela teologia do século dezenove – e acaba parando no século vinte – é visto como a divisão de raças.

A babaquice nazista era tão aleatoria que eles não viam franceses como parte da raça ariana. Soldados alemãs na França, eram proibidos de ter qualquer caso com uma francesa. Era lei militar !

Comentar por Jonathan Diaz

“Vocês podem me dizer alguma coisa sobre evolução, qualquer coisa que seja verdade?”
Collin Patterson, paleontólogo, evolucionista, do Museu de História Natural de Londres

http://observatorio.ultimosegundo.ig.com.br/ofjor/ofc201298.htm

Comentar por Isaias S. Oliveira

“Quando isso acontecer, avisa a gente !”
Comentário por Jonathan Diaz Novembro 14, 2009

Science Magazine revelou que algumas conchas de escargots, (embora os escargots estivessem ainda vivos) quando testadas pelo método do Carbono 14 resultaram numa idade de 26.000 anos de existencia.

O jornal geográfico Antarctic recentemente publicou que focas recém-abatidas quando testadas pelo método do Carbono 14 revelaram terem sido mortas há mais de 1.300 anos!

No mesmo mar próximo ao Hawaii, rochas foram formadas por um vulcão apenas há 200 anos atrás. Todavia elas foram datadas pelo método Potassium-Argon como tendo 22 milhões de anos. Outras rochas próximas a Hualalei (Hawaii) foram formadas por ação vulcânica em 1801. Novamente o método do Potassium-Argon datou essas jovens rochas com uma idade entre 160 milhões e 3 milhões de anos.
http://www.veritatis.com.br/article/270
Pronto. Estás avisado.

Comentar por Isaias S. Oliveira

Ah, tá ! Você quer dizer que a ciência, mesmo tendo a reposta verifivou duas vezes. Achou erro e se auto corrigiu ?
Quer dizer que quando acham algo testam 20 vezes, até achar o resultado certo. testam mais vinte, daí dizem a data ?

Isso é pura ciência.

… ou foi Deus, quem disse a fata certa ?

Comentar por Jonathan Diaz

Detalha… eles ainda fazem testes com dados diferentes para chegar ao denominador comum!

Ah, essa é a ciência que eu conheço !

Comentar por Jonathan Diaz

“O extermino do resto do mundo são se deve a eugenia. Se deve ao poderia militar, naquele momento a força militar era tão concentrada que, realmente esra de se imaginar, que se o homem branco, quisesse, exterminaria a todos “!

Então Jonathan, como você explica do domínio dos brancos sobre os negros e sobre o mundo? Pela lógica evolucionista, é a sobrevivência do mais apto, do mais forte. É Isto que você leu de Darwin, Huxley, Marx e outros que publiquei. Como pode você, sendo negro (és negro?) abraçar uma ideologia essencialmente anti-negra?

Comentar por Isaias S. Oliveira

Mais apto para sobreviência em relação a natureza.
Se você se der o trabalho de estudar história, vai ver que os únicos povos que saíram por aí tentando pausterizar o globo, foram árabes e europeus.

Historicamente falando, se fizermos uma linha do tempo. Veremos que quem dominou o mundo foram não-brancos, pela ordem: babilônia, egito, china, india…. agora os europeus dominam.
O egito foi a maior potência da terra por dois mil anos,sendo que o império durou 3.

Antes que falem grécia…. grécia foi a mão intelectual de roma, agora quanto a verdadeiro dominio territorial, nem chegou perto da india.

Se estudou história esta familiarizado com o porque dos indianos e chineses nunca terem dominado o mundo. Os europeus, quando conheceram a cultura deles, se fizeram essa pergunta… resposta simples… eles nunca desejaram !

Comentar por Jonathan Diaz

Quero saber se o pessoal aqui tem inglês fluente?
Tenho farto material. Não tenho saco pra traduzir, mas tenho saco pra postar !

Eugênia, Hitler, ateísmo.. mitologia, Big Bang, Evolução…

E para todos recomendo o Espetaculo das Raças… aí vcs vão ver o que a religião fez a favor da eugenia e o que darwin fez contra isso.
http://books.google.com/books?id=1OBEEHgGgv0C&pg=PA242&dq=Lilia+Schwartz&ei=s6D_SrrnKKqGyQSVrMWoDw&hl=pt-BR#v=onepage&q=&f=false

Registro aqui que não recebi nenhum comentário do pessoal, sobre os livros indicados, que revelam o papel do cristianismo na eugenia. Já postei, é só subir a página !
Se o dono do blog tem inglês fluente.. vou mandar 3 livros básicos. Um sobre evolução, mitos da bilia e religião comparada!

Se a Biblia estiver 100% certa, vamos ter um imenso post aqui, refutando e zombando da minha cara. Diversão garantida !

Comentar por Jonathan Diaz

A soberba precede a queda…

Comentar por Vanessa

háháhá… na falta de algo mais sério pra falar…

Vanessa, eu já falei antes e repito: você parece ser mais inteligente do que isto. Não me desaponte.

Comentar por Alexssc

Jonathan, meu inglês tá meio enferrujado, mas dá pra me virar. Achei interessante essa oferta dos textos.

Comentar por Alexssc

Primeiro visite a minha biblioteca online.
Agora me dá seu email e eu envio tudo que eu tenho e ainda dou 3 sites com livros excelentes e carissimos, que vc pode pegar gratuitamente !

Comentar por Jonathan Diaz

“Isso é pura ciência”.

Não é ciência. É especulação. Ciência se baseia em observações. Evolução e adivinhação radiométrica se baseiam em especulações.

“Mais apto para sobreviência em relação a natureza”.

Não foi o quê Darwin “profetizou”: “Em algum período futuro, não muito distante se medido pelos séculos, as raças civilizadas do homem [europeus brancos] irão quase que certamente exterminar e substituir as raças selvagens [ou seja, negros e índios]por todo o mundo.” Ibid, p. 201.

“Se você se der o trabalho de estudar história, vai ver que os únicos povos que saíram por aí tentando pausterizar o globo, foram árabes e europeus”.

Os primeiros conquistadores da humanidade foram os mesopotâmios, entre eles Sargão II.

“Historicamente falando, se fizermos uma linha do tempo. Veremos que quem dominou o mundo foram não-brancos, pela ordem: babilônia, egito, china, india…. agora os europeus dominam”.

Você disse que os indianos e chineses nunca dominaram o mundo. Lembra?

“O egito foi a maior potência da terra por dois mil anos,sendo que o império durou 3”.

Dois mil anos? Sei não… Vou dar uma revisada nos meus livros.
O Egito foi potência mundial em certos períodos da história mundial, ms também sofreu invasões de vários povos, como os Hicsos, Caftoreus (filisteus), guerras civis, domímios assírios, babilônicos e etc.

“Se estudou história esta familiarizado com o porque dos indianos e chineses nunca terem dominado o mundo. Os europeus, quando conheceram a cultura deles, se fizeram essa pergunta… resposta simples… eles nunca desejaram !”

É mesmo?

”Veremos que quem dominou o mundo foram não-brancos, pela ordem: babilônia, egito, china, india…”

Lembra deste teu comentário? Acho que estás confuso.

“A evolução é tão errada que os museus do mundo inteiro estão cheios de puro erro. milhões de fosseis completamente errados”.

Finalmente você compreendeu.
Uma opinião majoritária é correta só por quê a maioria aceita? Lembras do Homem de Nebraska, Homem de Piltdown, Luci, Ardi, órgãos vestigiais e etc?

“Se a Biblia estiver 100% certa, vamos ter um imenso post aqui, refutando e zombando da minha cara. Diversão garantida !”

Com certeza!

Comentar por Isaias S. Oliveira

“A evolução é tão errada que os museus do mundo inteiro estão cheios de puro erro. milhões de fosseis completamente errados”.

Só por existirem, os fósseis já comprovam a evolução? rsrs

Precisas aprender a separar “dados” de “interpretação” dos dados.

Criacionistas não negam a existência de fósseis (com a exceção daqueles manufaturados), negam a narrativa inventada e imaginada em torno deles.

Comentar por Vanessa Meira

São os fosseis que indicam evolução. Sim, para evolução estar errada, a humanidade precisa ter entendido tudo errado. Milhões de fosseis foram mal compreendidos por séculos.

Pensadores cristãos já falavam em evolução. Athanasius Kichner, que veio à America do Sul, supos que a diferença de animais entre o velho e o novo continente se deve ao diluvio. Aqueles animais do novo mundo são adaptações daqueles que vieram na arca de Noé. A Llama é um cavalo adaptado à vida em um novo continente.
De certa forma, a evolução é vista e falada desde a Grecia antiga.

Comentar por Jonathan Diaz

Me faz um favor? Leia o enunciado da evolução no wikipedia [em inglões, pq é mais completa]. Depois a gente conversa.

Não dá pra conversar com uma analfabeta em ciência.

Ora, se foi justamente os fosseis que mostraram as sutis mudanças entre os seres vivo do local com os mortos. Fazendo Darwin, pela primeira vez, ver evolução.

Pode parecer arrogância, mas só volto a responder vc caso leia o enunciado da evolução. E o papel dos fosseis !

Comentar por Jonathan Diaz

Dominação é mais que subjugar o vizinho. Se trata de filosofia e tecnologia. O japão domina o mundo, mesmo sem exercito.

A Grécia nunca conquistou nada do tamanho da Italia e mesmo assim é lembrada e reverenciada até hoje ! Dominação territorial é feita até por barbaros. Tenho pra mim, que a verdadeira ‘dominação’ e tecnologia e filosofica !

China e India foram invadidas várias vezes ? E Daí ? Deixaram de ser genias? Sua ideia de importância histórica se fixa muito no militarismo!

Adoro quando vcs dizem que o que a ciência tinha como certo ontem, não é certo hoje. É uma maravilha quando uma área da humanidade mantém humildade e eterna investigação sobre tudo.

Mas, de algum modo mais de 70mil cientitas guardam o macabro segredo que evolução é uma farsa.

Comentar por Jonathan Diaz

aliás, foi provado duas vezes que o não organico, cria organico. Não vida, cria vida.

Êh 🙂

Quando foi?

Comentar por MVR

Aliás, o aminociado resultado do experimento é o ‘a’ de DNA !

Comentar por Jonathan Diaz

“Prá falar uma m***a dessa, meu caro, preferível ter ficado de boca calada prá não passar por IGNORANTE.
Mas já que fez essa acusação, se não quiser parecer um mau-caráter completo,poderia postar a fonte dessa informação para que possamos averiguar”.

Parece que doença do Romano está se alastrando. Calma, nervosinho. Estás tão raivoso que não viu as fontes, que já citei anteriormente. Aí estão elas. DE NOVO. E outras:
http://pos-darwinista.blogspot.com/
http://www.vestibular1.com.br/revisao/racismo.doc

Puramente farsesco, no entanto, é o esforço geral para camuflar a ideologia genocida que está embutida na própria lógica interna da teoria da evolução. Quando os apologistas do cientista britânico admitem a contragosto que a evolução “foi usada” para legitimar o racismo e os assassinatos em massa, eles o fazem com monstruosa hipocrisia. O darwinismo é genocida em si mesmo, desde a sua própria raiz. Ele não teve de ser deformado por discípulos infieis para tornar-se algo que não era. Leiam estes parágrafos de Charles Darwin e digam com honestidade se o racismo e a apologia do genocídio tiveram de ser enxertados a posteriori numa teoria inocente:

“Em algum período futuro, não muito distante se medido em séculos, as raças civilizadas do homem vão certamente exterminar e substituir as raças selvagens em todo o mundo. Ao mesmo tempo, os macacos antropomorfos… serão sem dúvida exterminados. A distância entre o homem e seus parceiros inferiores será maior, pois mediará entre o homem num estado ainda mais civilizado, esperamos, do que o caucasiano, e algum MACACO tão baixo quanto o BABUÍNO, em vez de, como agora, entre o NEGRO ou o AUSTRALIANO e o GORILA.”

Imaginem, durante as eleições americanas, a campanha de John McCain proclamar que Barack Hussein Obama estava mais próximo do gorila do que o candidato republicano!

Tem mais:
“Olhando o mundo numa data não muito distante, que incontável número de raças inferiores terá sido eliminado pelas raças civilizadas mais altas!”

Para completar, um apelo explícito à liquidação dos indesejáveis:

“Entre os selvagens, os fracos de corpo ou mente são logo eliminados; e os sobreviventes geralmente exibem um vigoroso estado de saúde. Nós, civilizados, por nosso lado, fazemos o melhor que podemos para deter o processo de eliminação: construímos asilos para os imbecis, os aleijados e os doentes; instituímos leis para proteger os pobres; e nossos médicos empenham o máximo da sua habilidade para salvar a vida de cada um até o último momento… Assim os membros fracos da sociedade civilizada propagam a sua espécie. Ninguém que tenha observado a criação de animais domésticos porá em dúvida que isso deve ser altamente prejudicial à raça humana. É surpreendente ver o quão rapidamente a falta de cuidados, ou os cuidados erroneamente conduzidos, levam à degenerescência de uma raça doméstica; mas, exceto no caso do próprio ser humano, ninguém jamais foi ignorante ao ponto de permitir que seus piores animais se reproduzissem.”
(Olavo de Carvalho, Diário do Comércio, 20/02/2009)

Sabe por quê ficaste tão furioso? POrque coloquei a nu a verdadeira face da tua religião.

Quanto a voce Jonathan, mostre que tem bom senso, mostre que tem orgulho de ser negro e abandone o evolucionismo darwinista.
Boa noite.

Comentar por Isaias S. Oliveira

Eu cito dezenas de livros e estudos. E você, cita apenas a sua opnião!

Comentar por Jonathan Diaz

Olavo de Carvalho é o Gleen Beck brasileiro. As pessoas, exceto você, cagam e andam pra ele.

Procure saber sobre a expedição nazista ao Tibete, eles buscaram e ‘encontraram’ a origem da raça ariana, os budistas. Tiraram medidas dos seus corpos, voltaram à Alemanha e disseram que essa era a medida da raça ariana.

Judeus eram cientificamentes inferiores por terem nariz grande e cabeça pequena. Fora, é claro, o fato de negarem a Cristo.

Sugiro uma pesquisa sobre Cristianismo Positivista, que surgiu na época do nazismo.

Jesus era ariano – e tinha sido morto por judeus.

Comentar por Jonathan Diaz

Presumo que sejas negro. É a primeira vez que vejo um negro defendendo a evolução. Sabes por quê quase não se vê negros evolucionistas?
Isaías tu és de uma pobreza intellectual que me assusta. Que comentário mais sem sentido!
Eu também sou negro e acredito na teoria da evolução. Quantos negros tu conheces? Desses que tu conheces quantos sabem os pressupostos da teoria da evolução? Certamente tu também não acreditas na teoria da evolução por não entende-la.

Os evolucionistas não admitem publicamente, mas eles creem nisso:
O negro é a evolução do macaco

Baseado em quê é que tu dizes isso?
Que tal: Os mórmons acreditam que os negros não se originam de Deus e os brancos são a raça divina

as raças civilizadas do homem [europeus brancos] irão quase que certamente exterminar e substituir as raças selvagens [ou seja, negros e índios]por todo o mundo

Com os índios quase falta pouco.

Comentar por Hermógenes

Conheço muitos negros. Você e o Jonathan são os primeiros que vejo defenderem a evolução. Mas, apesar do que foi aqui exposto, vejo quem voces continuam a aceitar as declarações de Darwin e seus amigos como plenamente aceitáveis. Só quiz mostrar a voces e a todos os demais, o lado obscuro do evolucionismo que não é publicado nas revistas “científicas”.
Se vocês negros querem continuar se rebaixando mesmo assim, fiquem à vontade.
Espero que se lembrem das declarações de Darwin e seus amigos antes de fazerem acusações a bíblia e ao cristianismo.

Comentar por Isaias S. OLiveira

Conheõ vários negros católicos. Mesmo não sendo considerados humanos por séculos, banidos da igreja e de uma possível salvação e tendo sua inferioridade comprovada com bases biblicas, ele continuam crentes !

Até agora ngm parece ter lido os livros indicados. Mais um, eu indico: Holy Hatred: Christianity, Antisemitism, and the Holocaust .

Comentar por Jonathan Diaz

Eu disse que a soberba precede a queda.

Tá interessante ver o pessoal evolucionista fazendo afirmações como “foi provado duas vezes que o não organico, cria organico. Não vida, cria vida”, “o cristianismo foi a maior base do racismo no mundo”, os “200 milhões de mortos”, “a existência de fósseis prova a evolução”, etc

E eu sou analfabeta em ciências. Vou aceitar a recomendação do “historiador”: vou estudar na wikipedia(!).

Comentar por Vanessa

Até agora, cara analfabeta, o experimento Miller-Urrey não foi atacado por vcs. Cadê o debunk ?
Já que não gostam de ler, ao menos de deem o tabalho de assitir: http://www.youtube.com/watch?v=j9ZRHoawyOg

Comentar por Jonathan Diaz

De que forma um experimento que não produziu vida pode ser uma prova de que vida surgiu de não-vida?

Como um experimento planejado, onde as condições limitantes foram calculadas e cuidadosamente escolhidas pode te favorecer aqui?

Como um experimento que supõe condições pré-bióticas que não se sabem se foram reais pode salvá-lo da ridicularização aqui (afirmaste q isso “prova que vida veio de não-vida”)?

A tua lógica é: Miller conseguiu um tijolo, isso prova que o Empire State pode ter surgido do mesmo modo.

Alfabetiza-me, gênio.

Comentar por Vanessa

O ambiente do experimento, teve como base cálculos, amostras geológicas e estudos atmosféricos de como era o ambiente na terra, há cerca de 4 bilhões de anos atrás.

Tudo que o estudo provou é que não-orgânico,pode criar criar orgânico. Ngm disse nada além disso.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan Diaz disse: “foi provado duas vezes que o não organico, cria organico. Não vida, cria vida.”

e para comprovar, citou Miller.

Agora ele afirma que “tudo que o estudo provou é que não-orgânico,pode criar criar orgânico. Ngm disse nada além disso.”

????

Se o Jonathan vai ficar se refutando sozinho, os demais podem ser dispensados da conversa.

Comentar por Vanessa

Você continua lendo o que quer. Orgânico é vida.
Dic Houaiss

Orgânico
relativo ou pertencente a um ou mais órgãos, ao organismo de um ser vivo
Ex.: degeneração o. causada por agrotóxicos
2 característico de, pertinente a ou derivado de organismos vivos ou neles ocorrente
Exs.: substância o.
lixo o.
mal o.

Por acaso pensou que nós humanos, não somos um ser essencialmente orgânico. O aminoácido resultado do experimento aglutina vida, aglutina proteína que indispensável para a vida.

Você realmente vai ter que começar a clicar nos links que envio !

Quer minhas bases? Me dá o seu email.

Comentar por Jonathan Diaz

Conheço muitos negros. Você e o Jonathan são os primeiros que vejo defenderem a evolução

Isaias, achas que conheces mais negros que quem?
Sabes porquê as afirmações de Darwin sobre macacos e negros não vêm nos artigos científicos? Simples, está CIENTIFICAMENTE provado que somos todos da mesma espécie, que temos as mesmas capacidades quando criados em mesmos ambiente. Quanto a esse aspecto Darwin estava muito errado por isso ninguém perde mais tempo com isso, só tu.

Se vocês negros querem continuar se rebaixando mesmo assim, fiquem à vontade.

Rebaixar porquê?
Muito ridículo mesmo.

Comentar por Hermógenes

Darwin nos mostrou uma origem em comum. Diferente da ideia da igreja que os negros eram pós-adamitas, isto é, criados logo depois de Adão, sem o memo zelo, carinho e amor. Portanto, indigno de proteção e respeito.

Enviei ao dono deste blog farto material sobre o assunto. E quem quiser é só pedir.

Meu email é: augusto.05i@gmail.com

Comentar por Jonathan Diaz

Hermogenes e jonatan sabe qual o problema…

…….E que criacionistas acham que a ciencia age como religião, se baseando em ideias antigas sem questiona-las…
…Usam uma parte do que Darwin disse para tentando falsear a evolução com citações antigas, Darwin foi um dos pioneiros nesse assunto , não se espera que ele desvendasse todo o segredo da vida no espaço de tempo de apenas uma vida!
…..Com a avanço da ciencia (coisa que darwin não viu) filtramos algumas poucas ideias dele e como ele não teve acesso a ciencia moderna não podemos culpa-lo de nada…mas criacionistas adoram culpar e citar assuntos antigos e se esquecem do passado negro que tem seu querido cristianismo!

Comentar por ROMANO LIMA AROS

Exatamente ! Tirou sas palavras da minha boca. Darwin cometeu alguns erros e não percebeu alguns mecanismos, mas daí a dizer que esta tudo errado, é ridículo.

Os escritos de Darwin estão online. Ele enche de exemplos para que qualquer leitor possa ver e fazer experimentos.
É só ler:
Origin Vol.1 http://www.archive.org/details/originofspecies00darwuoft

Vol.2 http://www.archive.org/details/originofspecies02darwuoft

Comentar por Jonathan Diaz

Se esse povo ainda estivesse no poder, nós não estaríamos aqui na frente do computador. Porque ele não existiria. A humanidade seria obrigada a evitar estudos científicos e teria que ficar decorando o “livro contraditório”.

Comentar por luciano

Se o “povo” a que te referes são os dogmáticos naturalistas, e o livro contraditório é o “origem das espécies”, eu concordo contigo.

Se te referes aos cristãos: que ingratidão com a cosmovisão que tornou tudo isso possível!

Comentar por Vanessa Meira

Sabino, lá na arca de noé tinha japonês, negro, etc? Ou voce defende que os seres evoluem, mas só que não a ponto de formar novas espécies? Pelo que estou vendo de diferença entre voces e os evolucionistas é que, enquanto os evolucionistas dizem que a evolução ocorre de forma contínua, voces defendem que a mudança pára em certo ponto (eu sei que japonês não é outra espécie)

Comentar por luciano

Olá luciano,

“Sabino, lá na arca de noé tinha japonês, negro, etc?”

Para ver como as diferentes “raças” surgiriam: Parte 1 e Parte 2.

“Ou voce defende que os seres evoluem, mas só que não a ponto de formar novas espécies? Pelo que estou vendo de diferença entre voces e os evolucionistas é que, enquanto os evolucionistas dizem que a evolução ocorre de forma contínua, voces defendem que a mudança pára em certo ponto (eu sei que japonês não é outra espécie)”

O que nós defendemos é aquilo que é possível observar pela ciência, isto é, que um tipo de animal reproduz-se sempre de acordo com esse tipo. A especiação é a variação entre o mesmo tipo de animal. Sim, há muitas “espécies” de ursos, há muitas “espécies” de gaivotas, mas a sua descendência são sempre ursos e gaivotas. Isso está de acordo com o que a bíblia diz em Génesis.

Nós não aceitamos “evolução” no sentido proposto por Darwin, nomeadamente que todas os seres vivos descendem de um único ser de uma célula. Aceitamos sim que todos os seres vivos têm um determinado potencial genético, naturalmente limitado, que torna possível a adaptação a diferentes ambientes.

Comentar por alogicadosabino

E aí ? Leu os livros? Qual é a sua resposta ?

Pelo menos outros 10 cientistas ANTES de Darwin disseram a mesma coisa.

“”A especiação é a variação entre o mesmo tipo de animal. Sim, há muitas “espécies” de ursos, há muitas “espécies” de gaivotas, mas a sua descendência são sempre ursos e gaivotas. Isso está de acordo com o que a bíblia diz em Génesis.””

Pq não existe nada parecido com urso há 500 milhões de anos atrás, nada parecido com o homem, nada com cachorro, nada com passaro.

Se a bíblia esta certa, não tem sentido estarmos achando formas completamente diferentes das atuais e não estamos achando as atuais como fosséis.

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“Pq não existe nada parecido com urso há 500 milhões de anos atrás, nada parecido com o homem, nada com cachorro, nada com passaro.”

Mais uma vez, estás a precisar de actualizar a tua biblioteca.

Antes de mais, os “Milhões de anos” não foram observados por ninguém, logo, sobrevivendo apenas no campo da especulação e da interpretação.

Mas mesmo tendo em conta a linha de tempo evolucionista, existem muitos seres que eles dizem ter milhões de anos e, no entanto, continuam hoje iguais àquilo que eram. Exemplos: crinóides, buzios, conchas, peixes, caranguejos, lagostas, medusas, sapos, raias, salamandras, lampreias, etc. Dá uma passagem na categoria “Geologia e Fósseis” e lê os posts do tópico: ““A EVOLUÇÃO É UM FACTO”, DIZEM OS EVOLUCIONISTAS. NO ENTANTO, O REINO ANIMAL E VEGETAL ESTÁ REPLETO DE EXEMPLOS QUE REFUTAM A TEORIA DA EVOLUÇÃO.”

“Se a bíblia esta certa, não tem sentido estarmos achando formas completamente diferentes das atuais e não estamos achando as atuais como fosséis.”

Excepto quando são iguais, como referido em cima ; )

E agora, como te vais safar desta?

Comentar por alogicadosabino

“Antes de mais, os “Milhões de anos” não foram observados por ninguém, logo, sobrevivendo apenas no campo da especulação e da interpretação.”

Ngm que ‘presenciou’ sua morte escreveu o evangelho. Eles começaram a ser escritos pelos menos 40 anos depois da morte dele. Ngm que escreveu sobre ele, o conheceu !

Sim, [sic]é pura especulação a idade do planeta. Por gente que vai á Lua e volta, constrói satélites etc. Esse pessoalzinho que não faz nada além de especular !

Sobre evolução de plantas e suas milhares de provas.

Plant Diversity and Evolution: Genotypic and Phenotypic Variation in Higher Plants
http://www.ebookee.com/Plant-Diversity-and-Evolution-Genotypic-and-Phenotypic-Variation-in-Higher-Plants_145365.html

Paleobotany, Second Edition: The Biology and Evolution of Fossil Plants
http://www.ebookee.com/Paleobotany-Second-Edition-The-Biology-and-Evolution-of-Fossil-Plants_365813.html

Quero três exemplos claros que plantas provam a evolução errada !

Introduction to Paleobiology and the Fossil
Record
http://www.ebookee.com/Introduction-to-Paleobiology-and-the-Fossil-Record_268979.html

Excepto quando são iguais, como referido em cima ; )

E agora, como te vais safar desta?

Bom, a não ser que tenham sido esses os animais criados a imagem e semelhança de deus, sua teologia cai por terra. [sic] Provou deus ao provar a irrelevância do homem !

Deus é uma salamandra e quando quer nadar, cria uma lagosta !

Como já foi dito um animal muda, caso haja necessidade. Ambiental, alimentícia, predatória.

Recomendo Stephen J. Gould. Ele explica isso. ele é um daqueles qadrúpedes de Havard !

‘peixes’ continuam iguais… dê alguns exemplos!
Aliás, me indique um livro pelo qual você se baseou !

Comentar por Jonathan Diaz

Jonathan,

“Bom, a não ser que tenham sido esses os animais criados a imagem e semelhança de deus, sua teologia cai por terra. [sic] Provou deus ao provar a irrelevância do homem !

Deus é uma salamandra e quando quer nadar, cria uma lagosta !”

Isto é suposto ser uma resposta ao facto de haver animais que os evolucionistas dizem qeu têm milhões de anos mas, no entanto, não evoluíram?

“Como já foi dito um animal muda, caso haja necessidade. Ambiental, alimentícia, predatória.”

Excepto quando existe pressão ambiental e eles não evoluem na mesma 😉

“Recomendo Stephen J. Gould. Ele explica isso. ele é um daqueles qadrúpedes de Havard !”

Estranho recomendares um evolucionista que aponta precisamente a não-evolução do registo fóssil.

“‘peixes’ continuam iguais… dê alguns exemplos!
Aliás, me indique um livro pelo qual você se baseou !”

Abre os links a vermelho. Provavelmente também nunca ouviste falar no celacanto. Que chatice… livros desses não tens

Mas poss-te indicar um livro, já que gostas muito: Evolution: The Fossils Still Say No. E outro: How fossils overturned Evolution: millions of proofs that refute darwinism.

Ei que fixe… eu também sei linkar livros eheh

(PS: Jonathan, deixa de ler livromaníaco. Eu estou a discutir contigo, não estou a discutir com livros. Já te disse que eu também podia colocar aqui 30 livros. Mas achas que eu estaria à espera que tu os lesses?)

Comentar por alogicadosabino

Luciano, é quase isso.
Cracionistas não negam as mudanças nos seres. O que se questiona é a extrapolação darwinista, a idéia da ancestralidade comum.

Criacionista defendem ancestralidades múltiplas separadas (a partir de ‘tipos’ básicos):
http://www.scb.org.br/PALESTRAS/JGIBSON_2.htm

Criacionistas não têm nenhum problema com as mudanças nas espécies:
http://origins.swau.edu/papers/evol/marcia1/defaultp.html

Comentar por Vanessa Meira

“Volta para o pátio da creche e deixa os adultos conversarem em paz.”

HAHAHAHAHAHA. Romano, você é chato. 😀

Comentar por JeremiasMezenga

“E nem mostrou um cientista não-religioso que refute – e prove – a evolução errada”.

Coitado. Mais um desavisado. Mas não tem problema. Vou repetir:

O ateu Dr. Carl Sagan, da Cornell University, em “Communication With Extra-Terrestrial Intelligence” (Comunicação com inteligência Extra-Terrestre), chegou a conclusão de que a chance da vida ter surgido por acaso, em apenas 1 planeta qualquer é algo matematicamente da ordem de 1 chance contra 10 seguidos de 2 bilhões de zeros. Partindo da premissa que aqui trata-se da vida em uma forma mais simples que uma ameba. (Fonte: Close Encouters – A Better Explanation, 1977 – Clifford Wilson and John Weldon).

“É mais fácil um tornado varrer um depósito de sucata e construir um Boeing 747 com o material nele contido do que formas superiores de vida emergirem através dos processos evolutivos!”
Sir Fred Hoyle.

“A evolução pode ser considerada como uma espécie de religião mágica. A magia é simplesmente um efeito sem causa, ou pelo menos sem causa competente. “acaso”, “tempo”, e “natureza” são os pequenos deuses mantidos nos templos evolucionistas. Esses deuses não podem, porém, explicar a origem da vida. Eles são impotentes. Desse modo, a evolução fica sem uma causa eficaz e é, portanto, apenas uma explicação mágica para a existência da vida…”
Randy L. Wysong (Instrutor de anatomia humana e fisiologia), em seu livro The Creation-Evolution Controversy.

(Fonte: ncronline.org/mainpage/specialdocuments/tassot_interview.pdf)

“Após ler o livro Origins of Life [Origem da Vida] com a minha formação em química e física, é claro que a evolução [biológica] não poderia ter ocorrido”.
Richard Smalley, Ph.D., prêmio Nobel em Química de 1996.

Comentar por Isaias S. Oliveira

«O que supostos religiosos fizeram ou deixaram de fazer em nome da religião não me interessa. Isso é com eles, cada um responde por si.»

Posso fazer copy+paste disto sempre que escreveres um artigo ou um comentário sobre o que fulano ateu-sacana-evolucionista disse ou fez? Deixas? 😎

Comentar por leandro ribeiro

Claro.

Comentar por alogicadosabino

Deve-se verificar se o que fizeram é coerente com suas pressuposições.

Darwinismo social, por ex., é a aplicação coerente de pressuposições naturalistas.

Quem crê que é apenas fantoche dos genes egoístas deve levar coerentemente essa idéia até as últimas instâncias (o q não ocorre na prática).

Comentar por Vanessa Meira

Parece que o nosso coloega historiador está confuso e/ou desatualizado mesmo.
Primeiro, ele havia dito que os chineses e indianos não conquistaram o mundo porque não quiseram; Depois, clocou os indianos e chineses como conquistadores. Diante deste furo, ele tentou justificar com aquele papo de dominação tecnológica e etc.
Ele também disse que os primeiros a tentarem “pasteurizar” o mundo foram os europeus e os muçulmanos. Talvez ele tenha dito isto para associar religião com opressão. Mas depois retruquei “lembrando” a ele que os primeiros conquistadores não foram europeus e muçulmanos coisa nenhuma, mas foram os mesopotâmios. Afinal, foi na mesopotâmia que surgiram as primeiras cidades-estado. E um dos primeiros conquistadores que o mundo conheceu não era europeu nem muçulmano, mas era o mesopotâmio Sargão II (720 A.C). No entanto, muito antes dele poderosos reinos já haviam se instalado na Mesopotâmia. Entre eles estão os acádios, assírios…
Os sumérios (antes de 4.000 a.C.) são, até o momento, a grande civilização mais antiga que se conhece.
Francamente, o nosso colega ou não é historiador coisa nenhuma ou então precisa dar uma olhadinha na internet e estudar um pouco mais para se atualizar.
Sobre a questão da evolução então, a coisa complica ainda mais para o lado dêle. E dos outros também. Está tentando de qualquer jeito provar que a evolução já foi provada, feito este que nem mesmo Darwin ou Richard Dawkins conseguiram provar. Até agora NINGUÉM conseguiu reproduzir a evolução em laboratório e ainda ninguém mostrou exemplos de mutações que fazem esta ou aquela criatura se transormar em outra espécie.
Eu mostrei exemplos de mutações prejudiciais (animais albinos e animais negros – leopardos e jaguares negros) e que não transformam uma espécie em outra. Até agora nenhum evolucionista nos deu exemplo OBSERVÁVEL de mutação evolutiva, que transforma o mutante em uma espécie diferente de seus genitores, além de darem a eles melhoeres condições de sobrevivência. Nem mesmo Dawkins conseguiu. Quando lhe fizeram esta pergunta, ficou com cara de bôbo, diante das câmeras. E esta deve ser a mesma cara que todos os evolucinistas fazem diante de tal pergunta.

“Já nos disseram que a genética prova a teoria da evolução. Isso é outra falácia. A genética desaprova a evolução em todos os sentidos. Se a evolução fosse verdadeira, então as espécies deveriam produzir novos genes para as novas criaturas. Mas os geneticistas dizem-nos que isso nunca acontece. Nenhum novo gene jamais foi criado. Nos cruzamentos (ou seja, na micro-evolução) ocorre o oposto. Genes se perdem na micro-evolução, não são criados. Por outro lado, genes e DNA atuam como uma espécie de programa de computador, cada um desempenhando a tarefa certa no momento certo. Normalmente quando ocorre algum tipo de mutação, essa resulta numa anomalia ou fatalidade”.
http://www.veritatis.com.br/article/270

Comentar por Isaias S. Oliveira

Isaías e bota desatualizado nisso, é como muitos ateus usam livros antigos que foram considerados fracos e bem refutados. Colega historiador se aprofunde mais na tua área.

Comentar por Allef

Dois ateus mataram mais seres humanos que todos os cristãos: Stalin (mais de 30 milhões) e Mao Tse Tung (mais de 70 milhões).

Comentar por Mats

´´Vcs Criacionistas são idiotas mesmo, esta mais que provado que a evolução é um fato, não posso postar as provas pois são muito grandes e não caberiam aqui.
Eu sou Arqueologo, dos bons, eu sei o que digo, modestia é coisa de gente burra.
Quem quiser saber a verdade leia a minha vasta, culta e exuberante biblilhoteca on-line com mais de 1000 livos, lembre-se, algo esta escrito num livro como esses só pode ser verdade.
Se eu falar algo que ja foi refutado e que ninguem mas leva a serio, er bem…
A refuração de vcs é que esta errada, afinal eu estou certo pois sou Arqueologo e tenho uma biblioteca on-line.

Quer saber me cansei de vcs, são caso perdido.
Inves de aceitarem que um cara culto como eu esta certo e pronto vcs ficam falando de ´´argumentos e evidencias“ mesmo eu dizendo que eu estou certo e minha fantastica bibloteca de 1000 livros prova isso.

Comentar por Adim




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: