No princípio criou Deus os céus e a Terra


Design das asas dos pássaros dá uma ajuda à Aerodinâmica
Setembro 10, 2009, 8:00 am
Filed under: Convicções / Fé, Evolução/Big-Bang

É um pássaro? É um avião? Nem um nem outro. Ambos!

Inspirado pela natureza, um engenheiro mecânico está a desenvolver um novo tipo de design para as asas das aeronaves que imita o “extraordinário voo das aves“, ao alterar a forma das asas de maneira a optimizar a aerodinâmica para determinado estágio de voo.

Após estudar as aves, em particular a espécie Apus apus, o cientista apercebeu-se de que a asa deste pássaro tem a capacidade de alterar a sua forma, tornando-o num voador versátil. O cientista pretende aplicar o mesmo tipo de design às asas das aeronaves, que são fixas.

andorinha
_______________________________________________________________

O senhor Shaker Meguid merece uma salva de palmas por aquilo que pretende fazer. Mas não nos podemos esquecer que ele apenas está a copiar um design que já tinha sido criado por alguém e que só agora foi descoberto.

O evolucionista diz que o sistema extraordinário de navegação das aves foi-se criando a si mesmo, através de sucessivos erros genéticos não planeados. Infelizmente, a mesma força natural que actuou nas asas dos pássaros não consegue criar aeronaves para nós. O senhor Shaker Meguid escusava de gastar tempo e recursos.

Pois os seus atributos invisíveis, o seu eterno poder e divindade, são claramente vistos desde  criação do mundo, sendo percebidos mediante as coisas criadas, de modo que eles são inescusáveis” (Romanos 1:20)

Anúncios

24 comentários so far
Deixe um comentário

Pois… e o designer estava particularmente inspirado quando fez o sistema da malária e do mosquito.

O Marquês de Sade não faria melhor…..

Comentar por Joao Melo de Sousa

Não havia doenças na criação original de Deus. Como sempre, o ateu faz por esquecer as partes da narrativa bíblica que lhe convém para justificar o seu ateísmo.

Comentar por alogicadosabino

Ou este cara está admitindo que Deus existe ou ele está sugerindo que os aviões não são fabricados por alguém, mas surgem por acidentes de percurso.

Comentar por Isaias S. OLiveira

“Não havia doenças na criação original de Deus. Como sempre, o ateu faz por esquecer as partes da narrativa bíblica que lhe convém para justificar o seu ateísmo.”
Como sou leigo nesta matéria, agradecia que me explicasses isto melhor. É que custa-me mesmo muito acreditar que não houvesse qualquer doença.

“Após estudar as aves, em particular a espécie Apus apus, o cientista apercebeu-se de que a asa deste pássaro tem a capacidade de alterar a sua forma, tornando-o num voador versátil. O cientista pretende aplicar o mesmo tipo de design às asas das aeronaves, que são fixas.”
A concepção e construção de uma asa têm um propósito. A asa tem utilidade.
Qual é o nosso propósito, a nossa utilidade, como seres concebidos e criados por deus?

Comentar por xavier pita

xavier pita,

“Não havia doenças na criação original de Deus. Como sempre, o ateu faz por esquecer as partes da narrativa bíblica que lhe convém para justificar o seu ateísmo.”
Como sou leigo nesta matéria, agradecia que me explicasses isto melhor. É que custa-me mesmo muito acreditar que não houvesse qualquer doença.”

Tens os seis versículos de génesis 1 que dizem que Deus avaliou a Sua criação como “muito boa”. Se achas que doenças é algo bom, isso já é contigo.

Para além disto, tens estes versículos que falam sobre o que era a criação original de Deus:

Romanos 8:19-23

“Qual é o nosso propósito, a nossa utilidade, como seres concebidos e criados por deus?”

Louvar a Deus.

Comentar por alogicadosabino

Não havia doenças nem morte ? as células reproduziam-se infinitamente ? os vírus eram herbívoros? As aranhas comiam alfaces ?

E o malandro do factor da malária era inofensivo ?

Comentar por Joao Melo de Sousa

As doenças, as células, os vírus, as aranhas, as alfaces e a malária surgiram por “acidentes de percurso”, assim como os computadores que usamos. Quem precisa de design para fabricar computadores? Eles surgem por obra do acaso e acidentes de percurso. Fabricantes de computadores não existem. Os computadores recebem e enviam vírus, promovem a violência, a pedofilia e muitas coisas ruins. Portanto, jamais surgiriam por obra de uma inteligência pessoal.

Comentar por Isaias S. OLiveira

Sousa,

“Não havia doenças nem morte ?”

Não, mas isso já te tinham dito.

“as células reproduziam-se infinitamente ?”

Era essa a ideia original do Criador. Uma criação onde a morte não tinha lugar.

“os vírus eram herbívoros?”

Poderiam ter muitas outras funções benéficas. Para mais aprofundamento, ver Why did God make viruses?

“As aranhas comiam alfaces ?”

Muitas hoje ainda comem.

Comentar por alogicadosabino

Ah, e os aviões também são obra do acaso. Se eles fossem projetados por alguém, jamais seriam usados para matar e destruir.

Comentar por Isaias S. OLiveira

E se fossem projectados por alguém omnisciente e infinitamente bom ?
Não tinham um sistema que os impedisse de serem usados para matar e destruir ?

E quem criou o criador ?

Ahhh já sei:

Sempre existiu!

Comentar por Joao Melo de Sousa

E se fossem obra do acaso? Já viu algum?
E quem criou a matéria? Ah, já sei. Ela sempre existiu.

Comentar por Isaias S. OLiveira

Sempre se poupava um passo não é ?

Comentar por Joao Melo de Sousa

Livre-arbitrio

Comentar por adim

É tudo uma questão de fé…

Eu francamente parece-me mais verosímil a evolução e os milhões de anos.
Claro que um deus ou vários davam sentido ao universo e isto tudo.

É é pouco provável mas quem sabe…

Quando morrermos vemos ou não !

Eu até nem tenho grande pressa de saber a resposta.

Espero é que a verdadeira divindade não seja uma daquelas esquisitas, daquelas que nem ouvimos falar, e que só aceitam lá no paraíso uma qualquer minoria étnica e nos exclua à partida….
Deve haver por lá advogados ou pelo menos alguém a quem se possa dar um subornozito para entrar.

Se for uma divindade angolana aceita gasosa (gratificação) de certeza….

Comentar por Joao Melo de Sousa

Meu amigo, o Advogado é Jesus cristo, ele morreu na cruz p pagar a nossa divida, seria otimo poder te encontrar no paraiso quando chegar nossa hora de partir desse mundo, fica com Deus. 🙂

Comentar por adim

Caro João Melo de Sousa, combinado! Quem chegar primeiro ao juízo final que vá preparando as bebidas e acendendo o lume para as bifanas… Fico esperando…

Comentar por Jonas

Se os ateus verdadeiramente querem que os cristãos parem de usar a inferência para o design nas suas discussões, o melhor é falarem com os cientistas que se baseiam na design biológico, e dizer-lhes para pararem de usar palavras como “design” e “sofisticação” e, mais importante, pararem de pôr engenheiros a estudar a natureza.

Comentar por Mats

Os engenheiros não podem estudar a Natureza?! E vão estudar o quê?! Deus e a Bíblia?!

Em que se vão inspirar eles?! Em visões tidas em trips alucinogénicas?! Em transes místicos?! É óbvio que se vão inspirar no mundo que os rodeia!! Tanto no mundo vivo como no não vivo. Ou será que se estudarem Geologia — como quando usam a estrutura mineral para conceber novos edifícios — já se podem inspirar nela, mas não na Biologia?

Comentar por Isaias

Li o artigo no Science Daily por alto, e parece-me que nenhuma menção foi feita à teoria da evolução………….. outra vez!
Impressionante como os cientistas conseguem fazer trabalho biológico sem invocar Darwin.

Comentar por Mats

Darwin é apenas um cientista. Não é um deus, não precisa de ser invocado a torto e a direito.

O importante é o mecanismo científico que ele descobriu, e que outros desenvolveram, e que está sempre presente, pois é subjacente à própria Biologia, mesmo quando não é invocado.

E contra isso, vocês nada podem fazer. Deve ser difícil viver num mundo em que a ESMAGADORA maioria da comunidade científica desaprova a visão criacionista do mundo. Sejam esses cientistas teístas ou não. Isto devia dar-vos que pensar…

Comentar por Isaias

Mais difícil é ver cientistas que fecham os olhos às evidências por comprometimentos que nada têm de científico, ou por receio de serem apontados pelos colegas e perderem o “prestígio”.

(Também nos devia dar que pensar cientistas não teístas que apoiam o Design Inteligente.)

Comentar por Joana

deus em sua infinita sabedoria não teria coisa melhor pra fazer do que criar seres apenas para louva-lo acariciando seu ego?

Comentar por Arnon

pelo o amor de DARWIN!!!

Comentar por Arnon

a ciencia nao diz que a ciencia ela que é factual.nao deveria entao ela ter mais respota.visto que nos temo fe .E Jeová passou a responder a Jó de dentro do vendaval e a dizer:
 2 “Quem é este que está obscurecendo o conselho
Por meio de palavras sem conhecimento?
 3 Por favor, cinge os teus lombos como um varão vigoroso
E deixa-me perguntar-te, e faze-me saber.
 4 Onde vieste a estar quando fundei a terra?
Informa-me, se deveras conheces a compreensão.
 5 Quem lhe pôs as medidas, caso tu o saibas,
Ou quem estendeu sobre ela o cordel de medir?
 6 Em que se fundaram seus pedestais de encaixe
Ou quem lançou a sua pedra angular,
 7 Quando as estrelas da manhã juntas gritavam de júbilo
E todos os filhos de Deus começaram a bradar em aplauso?
 8 E [quem] bloqueou com portas o mar,
Que começou a sair quando irrompeu da madre;
 9 Quando lhe pus a nuvem por vestimenta
E as densas trevas como suas faixas,
10 E passei a fragmentar meu regulamento sobre ele
E a pôr-lhe tranca e portas,
11 E prossegui, dizendo: ‘Até aqui podes chegar, e não mais adiante;
E aqui se limitam as tuas vagas orgulhosas’?
12 Foi dos teus dias em diante que deste ordens à manhã?
Fizeste tu a alva saber o seu lugar,
13 Para segurar as extremidades da terra,
A fim de que os iníquos fossem sacudidos dela?
14 Ela se transforma como o barro debaixo dum selo,
E as coisas tomam a sua posição como na vestimenta.
15 E dos iníquos se retém a luz
E se quebra o próprio braço erguido.
16 Chegaste aos mananciais do mar
Ou andaste em busca da água de profundeza?
17 Revelaram-se a ti os portões da morte
Ou podes ver os portões da sombra tenebrosa?
18 Consideraste inteligentemente os espaços amplos da terra?
Informa se chegaste a conhecer tudo.
19 Onde, então, está o caminho que leva à residência da luz?
Quanto à escuridão, onde, então, é seu lugar,
20 Para a levares ao seu termo
E para compreenderes as sendas à sua casa?
21 Acaso [o] sabes porque nasceste naquele tempo,
E [porque] os teus dias são muitos em número?
22 Acaso entraste nos depósitos da neve,
Ou vês mesmo os depósitos da saraiva,
23 Que reservei para o tempo de aflição,
Para o dia de peleja e de guerra?
24 Onde, então, está o caminho pelo qual se distribui a luz
[E] o vento oriental se espalha pela terra?
25 Quem abriu um canal para a inundação
E um caminho para a trovejante nuvem de temporal,
26 Para fazer chover sobre a terra onde não há homem,
[Sobre] o ermo em que não há homem terreno,
27 Para fartar lugares tempestuosos e desolados
E para fazer brotar o rebento da relva?
28 Acaso existe um pai para a chuva,
Ou quem deu à luz as gotas do orvalho?
29 Do ventre de quem sai realmente o gelo,
E quanto à geada do céu, quem é que a dá à luz?
30 As próprias águas ficam escondidas como que por uma pedra,
E a própria superfície da água de profundeza se torna compacta.
31 Podes atar as cadeias da constelação de Quima,
Ou podes soltar as próprias cordas da constelação de Quesil?
32 Podes fazer sair a constelação de Mazarote no seu tempo fixado?
E quanto à constelação de Ás ao lado dos seus filhos, acaso podes guiá-los?
33 Chegaste a conhecer os estatutos dos céus,
Ou poderias estabelecer a sua autoridade na terra?
34 Acaso podes elevar a tua voz mesmo até a nuvem,
Para que te cubra a massa movimentada da própria água?
35 Acaso podes enviar relâmpagos para que vão
E te digam: ‘Aqui estamos!’?
36 Quem pôs sabedoria nas camadas de nuvens
Ou deu compreensão ao fenômeno celeste?
37 Quem pode contar exatamente as nuvens em sabedoria,
Ou as talhas de água do céu — quem [as] pode entornar,
38 Quando o pó se despeja como dentro duma massa fundida
E os próprios torrões de terra aderem um ao outro?
39 Acaso podes caçar a presa para o próprio leão
E podes satisfazer o vivo apetite dos leões novos,
40 Quando se agacham nos esconderijos
[Ou] estão deitados na guarida para uma emboscada?
41 Quem prepara para o corvo o seu alimento
Quando seus próprios filhotes clamam a Deus por ajuda,
Vagueando por não haver nada para comer
s fé.entao onde

Comentar por carlos




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: