No princípio criou Deus os céus e a Terra


Os dentistas da “Pré-História”
Junho 8, 2009, 11:18 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang

A teoria evolucionista ensinou-nos a pensar que quanto mais recuarmos no tempo, menores serão os sinais de inteligência encontrados. E a Arqueologia mostra-nos isso, certo? Certo?
________________________________________________________________

Pequenos buracos encontrados em dentes de homens “pré-históricos” revelam que que a odontologia (medicina dentária) já era praticada há 8000-9000 anos (cronologia evolucionista). As pessoas daquele tempo eram extremamente sofisticadas. Praticavam agricultura e faziam jóias complexas a partir de conchas e pedras preciosas.

dental_work_close300

Os arqueólogos descobriram pequenos buracos perfeitos em dois dentes molares pertencentes a homens diferentes. Através do microscópio, os cientistas descobriram que os buracos nos dentes eram perfeitamente redondos, excluindo a possibilidade de acção bacteriana. A análise dos dentes indica que a população deste tempo já poderia utilizar brocas de pedra.

Um porta-voz da Associação Dental Britânica disse que a utilização de ferramentas de pedra para tratamento de dentes poderia ser possível mas “surpreendente“, uma vez que a prática de medicina dentária só emergiu muito mais tarde.

O surpreendente preconceito

Claro que notícias destas não surpreendem aqueles que sabem que Deus criou seres humanos racionais e inteligentes. Mesmo levando em consideração a datação evolucionista, vemos que as evidências empíricas não suportam a crença de que o Homem “pré-histórico” era menos capaz do que o Homem de hoje. O que acontece é que o Homem de hoje tem acesso a mais informação, assim como daqui a 200 anos o Homem dessa época terá acesso a mais informação do que aquela que nós possuímos.

Se os evolucionistas não estivessem tão religiosamente comprometidos com o naturalismo evolucionista não seriam constantemente surpreendidos. Por sua vez, este facto encaixa muito bem no criacionismo bíblico. Deus criou o ser humano à Sua imagem e semelhança, um ser racional e inteligente. O evolucionista quer que tu acredites que o homem “anatomicamente moderno” só ao fim de 200 mil anos na Terra é que descobriu que podia tratar os dentes, quando em 6000 anos de história registada nós descobrimos como pôr pessoas na lua.

Darwin stories

Anúncios

11 comentários so far
Deixe um comentário

Ótima descoberta!
=)

Comentar por Fabricio Lovato

Eh eh eh eh

Pois, se calar foi com uns palitos made in china que brocaram os dentes.

Claro que os humanos dessa epoca já tinham inteligência. Faltava-lhes apenas a acumulação de conhecimento e a generalização desse conhecimento.
A capacidade de raciocinio já lá estava, mas não tinham a tecnologia e ferramentas necessárias. isso é que leva muito tempo.
E a evolução tecnológica é logaritmica.
Não podemos comparar a pré-história com a civilização chinesa antiga. nem esta com a moderna.
Os chineses já tinham polvora mas foram necessários mais de mil anos para a bomba de hidrogénio (infelizmente).

Nos úlitmos 100 anos foram descobertos e construidos mais artefactos, equipamentos, tecnologias, (saber ao fim e ao cabo) que em todo o resto da civilização.
Isso não significa que não eram inteligentes, mas que lhes faltava ainda a acumulação de experiência e conhecimentos, resultantes da acumulação e troca de saberes.

Não sei se eram mais inteligentes ou menos, individualmente (o potencial estava lá).
Mas se considerarmos a memoria e o conhecimento como componenetes da inteligência podemos dizer que a humanidade é hoje mais inteligente que era há mil anos.

Não estou a ver um pré-histórico a calcular um factorial ou um diferencial…

Comentar por Joaquim Coelho

“Claro que os humanos dessa epoca já tinham inteligência. Faltava-lhes apenas a acumulação de conhecimento e a generalização desse conhecimento.
A capacidade de raciocinio já lá estava, mas não tinham a tecnologia e ferramentas necessárias.”

Acho que um criacionista não diria melhor.

Comentar por alogicadosabino

O que eu tenho a dizer sobre o artigo?

Bom… Eu não sei como fazer brocas dentárias.

Comentar por MVR

Imagine com a tecnologia do homem antigo.

Acho que os nossos ditos ancestrais eram bem mais inteligentes e habilidosos do que nós, se calhar!

Comentar por MVR

O preconceito darwinista preclude a noção de que o homem sempre foi inteligente. Para os ateus religiosamente constritos dentro da camisa de força chamada “naturalismo”, se quanto mais atrás no tempo nos vamos, mais inteligente o homem era, isso é problemático, uma vez que a sua fé diz que exactamente o contrário deveria acontecer.

Já vi/li/ouvi ateus a apontarem para os aliens como explicação para a tecnologia antiga.
Se eu aponto para Deus, eu sou “religioso” e “não-científico”. Se eles apontam para os marcianos, isso é “ciência”.

Comentar por Mats

“Já vi/li/ouvi ateus a apontarem para os aliens como explicação para a tecnologia antiga.”

Mats, é verdade.
Já pude ler o “Eram os deuses astronautas?”, que um amigo ateu me emprestou.
A conclusão do livro era: existem centenas de evidências de superinteligência há milhares de anos. Logo, só podem ser os et’s.
E meu amigo ateu ainda disse: ‘pelo menos a hipótese do livro é mais racional que a Bíblia.’ ¬¬

Comentar por Fabricio Lovato

irmao grande abraço ( eu sei que isto nao é um chat ) devias editar um livro ja te disse isto! e eu ajudo na edição , e fico com uns trocos pa mim tambem abraço

Em relação ao post nao surpreende.. pensem nas piramides.. 😉 na perfeiçao delas e na geometria .. para faze-las hoje seria dificil agora pensem

Comentar por ruben

9000anos? Será que li bem? 9000 anos? Isso não é tempo a mais para um planeta que foi criado há 6000? De facto, esta informação é perfeitamente normal, tendo em conta a história da nossa espécie (que surgiu há mais de 100 000 anos). Só não entendo a lógica (do Sr.Sabino). Informação científica que revela a nossa existência há 9 000 anos é usada para concluir que a Terra foi criada há 6 000?

Comentar por PBS

PBS, deixa-me colocar as coisas em perspectiva.

Os 9000 anos não vêm de registos escritos. Portanto, se não vêm de registos escritos, vêm de qualquer tipo de datação evolucionista. E nós já sabemos como é a datação evolucionista.

“De facto, esta informação é perfeitamente normal, tendo em conta a história da nossa espécie (que surgiu há mais de 100 000 anos).”

Até surgiu há mais, segundo a paleoantropologia evolucionista. Mas o que eu pretendi mostrar com este post foi o facto de este tipo de tecnologia ou saber só ter surgido mais tarde. No início do post eu disse o seguinte: “A teoria evolucionista ensinou-nos a pensar que quanto mais recuarmos no tempo, menores serão os sinais de inteligência encontrados. E a Arqueologia mostra-nos isso, certo? Certo?”.

Claro está que está errado, já que este tipo de tecnologia ou saber só mais tarde voltou a emergir. Perda de tecnologia é um factor importante na compreensão da chamada “Idade da Pedra”. O facto de humanos usarem tecnologia mais retrógrada não quer dizer que ainda não sejam humanos.

Comentar por alogicadosabino

uuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuuu muito ruim não me ajudou em nada . odiei!!!!!!!!!!!!!!

Comentar por debora carolina martins couto




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: