No princípio criou Deus os céus e a Terra


A influência do Design Inteligente na investigação médica
Janeiro 29, 2009, 1:34 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang, Multimédia

Vídeo retirado do documentário Expelled – No Intelligence Allowed, mostrando que, ao contrário do que dizem os chorões ateístas, um investigador pode adoptar outras ideias que não a fantasia evolucionista e efectuar investigação científica à vontade.

[Youtube=http://www.youtube.com/watch?v=UyScxKFUrVk]
___________________________________________________

Modificado a partir do original AreópagoO Design Inteligente na Pesquisa Médica

Advertisements

5 comentários so far
Deixe um comentário

Hmmmm… isto não significa que aquela estória de que a ciência é pró-ateísmo e bloqueia a entrada a criacionistas é treta?

Comentar por Rui Passos Rocha

Boas Rui,

este exemplo (há outros) significa que a crença religiosa de cada cientista (criacionismo ou evolucionismo) é irrelevante para a prática cientifica. Claro que se estivermos a lidar com ciencia que diz respeito às origens (como a biologia evolutiva), aí sim convém o cientista ser evolucionista.

Há muita gente que acha que o facto de um cientista não adoptar a teoria evolucionista fará com que ele não seja bem sucedido na prática de ciência. Estou certo que tu nao és um deles.

Comentar por alogicadosabino

Há muita gente que acha que o facto de um cientista não adoptar a teoria evolucionista fará com que ele não seja bem sucedido na prática de ciência. Estou certo que tu nao és um deles.

Pelo menos, indicia alguma coisa sobre a sua inteligência…

Comentar por Ska

Marcos, não há tal coisa como ciência das origens, tal como não há ciência dos quistos mamários nem ciência do cordão umbilical. Há ramos da ciência, mas “ciência das origens” não consta que exista.

Um cientista pode crer num ser superior, em bruxas ou em palitos voadores. Desde que seja cientista, ou seja, desde que esteja predisposto a mudar as suas ideias sobre o mundo a qualquer momento, hoje, amanhã e depois, se os novos dados que tiver o justificarem.

O Darwin era religioso e se não me engano só no fim da vida, após A Origem das Espécies, é que começou a duvidar mais de que Deus existisse. O Einstein foi um grande cérebro e a ideia de Deus não mudou isso. Giordano Bruno idem.

Por isso não, não sou um “deles”, quem quer que “eles” sejam. Só espero que tu sejas, em contrapartida, alguém disposto a aceitar as evidências científicas para mudar o que pensas do mundo.

Comentar por Rui Passos Rocha

ao contrário do que dizem os chorões ateístas, um investigador pode adoptar outras ideias que não a fantasia evolucionista e efectuar investigação científica à vontade

claro, por isso existem o cientistas como Alister Mcgrath e outros!! nao passa mesmo da ideia. criacionismo nao e ciencia!

Comentar por hermogenes




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: