No princípio criou Deus os céus e a Terra


A teoria das cordas não tem cordas por onde se lhe peguem
Dezembro 10, 2008, 1:42 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang

A respeito das teorias falhadas da origem do Universo, um dos leitores do blogue chegou, em tempos, a dizer-me: “O Marcos deixava o Hawking de boca aberta. […] Chapa-lhe a ignorância na cara“. Para insatisfação deste leitor, eu não preciso de chapar a ignorância na cara do Stephen Hawking, ele sabe que não há teorias naturalistas decentes.

A teoria das cordas causou muito furor pois era uma teoria que pretendia explicar tudo aquilo que vemos no Universo. O que se pretendia era uma equação matemática capaz de explicar todas as características do Universo onde vivemos. Por essa razão, a teoria das cordas era conhecida como a “teoria de tudo“.

No entanto, um dos principais defensores dessa teoria mudou de ideias. EM 2004, Stephen Hawking revelou que conceber tal teoria é impossível, dado o muito pouco conhecimento que se tem do Universo. Em O teorema de Godel e o fim da Física, o físico de Cambridge explica como a série de paradoxos matemáticos propostos por Kurt Godel não podem ser provados. É com desapontamento que Hawking abandonou a teoria das cordas.

stars

Não está aqui em causa o conhecimento do Dr. Hawking. Gostaria de saber metade do que ele sabe. No entanto, o Dr. Hawking comete um erro fulcral… rejeita o relato bíblico sobre a origem do Universo. Quando assim é, o vir dizer que não há teorias decentes que expliquem a origem do Universo é apenas natural e o esperado.
________________________________________________________________

“Porque nele foram criadas todas as coisas nos céus e na terra, as visíveis e as invisíveis, sejam tronos, sejam dominações, sejam principados, sejam potestades; tudo foi criado por ele e para ele.” (Colossenses 1:16)

Anúncios

17 comentários so far
Deixe um comentário

Três coisas:

1. Em primeiro lugar, não é verdade dizer que o Hawking defende que não há teorias decentes acerca do Universo. O que ele diz é que a teoria das cordas não é uma delas (e isto fazendo fé no que escreves, o que normalmente já é pedir demais).

Isto não é baixar a cabeça à bíblia. É exactamente seguir a proposta oposta dos criacionistas que dizem que, por não podermos saber, mais vale desistir e imitar os avós.

2. É um disparate de todo o tamanho dizer que as equações de Godel não podem ser provadas. As «equações» a que te referes são um teorema matemático. É como dizer que Acírculo=PI*r2 não pode ser provado.

Isto é uma coisa perfeitamente lateral mas serve de exemplo para mostrar como os criacionistas não têm problemas em dizer as maiores barbaridades só porque não sabem matemática do 10º ano.

3. Finalmente, partir do pressuposto de que quem não segue o relato bíblico está errado não é propriamente grande argumento. A ideia de avaliar os argumentos é exactamente ver se o relato bíblico tem credibilidade, mas parece que vários meses de ataque cerrado à ciência ainda não serviram para aprender o bê-á-bá da argumentação racional…

Comentar por PR

Não precisas de fazer fé ao que eu digo. Tens o link, é só segui-lo.

Eu nunca digo que os fulanos que cito aqui baixam a cabeça à biblia. Apenas os cito para destruir a falsa ideia de que tudo são flores cor de rosa na ciencia das origens.

Quanto às equações de Godel… foi lapso de tradução. O que o teu ídolo disse foi isto: “Gödel developed a series of mathematical paradoxes that could not be proved.”

Eu não ataco a ciência, ataco a evolução.

Comentar por alogicadosabino

“o Dr. Hawking comete um erro fulcral… rejeita o relato bíblico sobre a origem do Universo.”
Ele, como qualquer cientista, desde copernico, ou ate os filosofos gregos, percebe que antes de tudo devemos ouvir os lados, pesquisar e tirar suas proprias conclusoes.
Nisso, concluimos que o relaxo, quer dizer, o relato do genesis ser infundado.

Comentar por Anderson du Lustoza

Parece que a maior deficiência de Hawking é mental e não física, tamanha incoerência, irracionalidade ao alegar a pouco tempo, que o “nada” teria poder criador.
Mas como dali poderia advir algo??

O príncipio da causalidade, bem aceito pelos físicos; menos por Hawking certamente; afirma que todos os seres finitos e limitados precisam de uma causa, e certamente não é o “NADA”, pois até este teve uma origem.
Logo um Ser Inteligente Causador Infinito é a causa de nosso universo, requerendo um Início pois está de desgastando conforme a 2ª LEI da termodinâmica.

Deus é a Causa única necessária ilimitada incausada de tudo que existe: matéria, energia, espaço, tempo, tanto quanto surgiu quanto agora que continua existindo.
Nisto concluímos que o relato de Gênesis é sólido, racional, lógico e coerente.

Comentar por cícero

Hawking era um dos poucos evos que criam num criador, ultimamente parece que ele cre num universo que se criou sem Deus, embora ele ainda se diga crente neste criador.
Mas nao ha nada de coerente em genesis.
Ha nao ser que vc tenha evidencias secretas que ninguem mais sabe.

Comentar por Anderson du Lustoza

O deus de Hawking agora é o “nada”.

Se gênesis não é coerente; então seria coerente micróbios gerarem camelos, ou peixes gerarem elefantes, ou dinossauros gerarem pássaros! ou o complexo e intricado DNA criar-se a si mesmo! ou o poderoso e sofisticado cérebro humano aparecer em milhares de anos?!! como ensinam.
Isso seria coerente e racional??

Comentar por Cícero

Mas se vc usa estes argumentos certamente ja sabe minhas respostas né?
Pra qualquer pessoa que tenha assistido o mundo de Beackman é moleza. Até minha namorada que ta na sexta serie sabe.
Seria mais coerente da sua parte ao inves de pular os estagios da evolução falar assim:
microbios-celenterados-peixes-anfibios-repteis-mamiferos-camelo.
ou ainda:
O cerebro humano sempre existiu com seres humanos e antes existiu com os ancestrais humanos como australopitecus mas so atingiu seu estagio com o homo-sapiens-sapiens.

Comentar por Anderson du Lustoza

Acontece que os estágios da evolusuperstição são totalmente desconhecidos, pois os fósseis só apresentam formas inteiras, completas e funcionais de alta complexidade.
Era para ter trilhões deles por aí, pois estariam em mudanças morfológicas evidentes em suas estruturas, para formar NOVAS espécies.

Comentar por Cícero

Os tais trilhoes de fosseis que vc quer se perderam com o tempo, mas os poucos que temos mostram sim os estagios da evoluçao. Alias um problema para o criacionismo pois a cada ano sao descobertos mais fosseis de transiçao ao passo que o criacionismo se apoia nos mesmos argumentos de sempre com “exemplos novos” como os do senhor Sabino.

Comentar por Anderson du Lustoza

Cara,

esses fósseis só mostram que as espécies aparecem e desaparecem com a mesma forma original.
Se a evolusuperstição é lenta, gradual, cumulativa como pregam; então haveriam fósseis com claras mudanças transicionais anatômicas em transformação.

Até o famoso paleontólogo Stephen Gould diz que as espécies surgem de repente e completamente formadas, e ainda:
“A extrema raridade de formas transicionais persiste. As árvores evolutivas só tem dados nas pontas e nós de seus galhos; o resto é DEDUÇÃO, POR MAIS RAZOÁVEL que seja, NÃO evidência de fósseis” (Evolution’s erratic pace)

O mito transformista darwinista está cada vez mais sendo estraçalhado pelos cientistas, alguns:

“Críticas sérias às teorias que declaram ter a vida se originado através de caminhos metabólicos evolutivos. O autor critica as hipóteses metabólicas da origem da vida porque tais caminhos metabólicos são complexos demais para terem surgido por processos naturais. ” ORGEL, L. E.,

“Argumenta que a informação e a função do DNA e da maquinaria de replicação celular não podem ser explicadas por mero acaso e lei natural. ” VOIE, O. A.

“As predições evolucionárias a partir de dados moleculares frequentemente discordam dos achados no registro fóssil” NORMILLE, D.

“Ele explica que a base da “Árvore da Vida” é impossível de se transformar numa árvore porque a distribuição dos genes entre os principais grupos de vida não se encaixam num padrão nítido de ancestralidade comum. ” DOOLITTLE, W. F
(com fontes se quiser).

Comentar por Cícero

Mais uma vez ausencia da evidencia nao significa evidencia da ausencia. Se os fosseis dao essa impressao em vc é pq nao conheces o suficiente. so porque vc nao conhece ou nao considera o archeopteryx ou ictiostega ou australopitecus nao quer dizer que eles nao existam.
Atualmente crio programas de computador gratis para Linux, e um de meus futuros projetos é justamente uma ferramenta escolar sobre os estagios da evolução.

Comentar por Anderson du Lustoza

Colega,
não sou eu, mas já são quase 1000 cientistas doutorados PHD que rejeitam veementemente esta religião mitológica travestida de ciência:
http://www.dissentfromdarwin.org/

“O Neodarwinismo está morto”

Eric H. Davidson, geneticista, autor de livro didático
California Institute of Technology-2000.

Comentar por Cícero

E esses mil cientistas sao formados em areas relativas ao assunto?
Eles apenas falam mal ou tem alguma prova do que falam?
mil inteligentes contra 10 milhões de inteligentes nao é muito inteligente!
olha outras fontes:
Foi feita uma paródia com os cientistas evolucionistas que aceitam a evolução e se chamam Steve. Só esse nome já deu mais que 1.000.
http://www.ncseweb.org/resources/articles/3541_project_steve_2_16_2003.asp
Outro projeto pegou assinaturas de padres, pastores, e clérigos que aceitam a evolução, e já está em mais de 12.000.
http://www.butler.edu/clergyproject/rel igion_science_collaboration.htm
Alem disso vc recorre a argumentos que qualquer site anti-criacionismo responde.
Nao quero ser chato, mas acho que vc nunca ouviu os dois lados da questao.

Comentar por Anderson du Lustoza

Cientistas PHD devem saber o que dizem não achas?
Galileu também estava sozinho ao propor oficialmente o modelo heliocêntrico para nosso sistema solar. A maioria não significa que estejam com a razão.

E depois os evolucionistas se contradizem em várias declarações evidenciando as inúmeras falhas/lacunas na TE.

Comentar por Cícero

Infelizmente, atacar a evolução é atacar uma parte importante da ciência. Admito que nas Igrejas Evangélicas ela seja deixada à porta, mas ela é o bê-á-bá em qualquer Universidade do mundo.

Comentar por pedro romano

Os fósseis sustentam a idéia da evolução, mas não sustentam o neodarwinismo nem a eficiência da seleção natural em produzir macroevolução. O darwinismo pega carona na báse científica de outras idéias, até mesmo na genética que a princípio havia impossibilitado.

Comentar por Neocriacionista

Pedro Romano,

Acho que mesmo a evolução deve ser encarada como criação biológica. A teologia ainda está aprendendo à lidar com isso.
Nenhuma ideologia sobre as origens me parece satisfatória até o momento. Mas acho que os cientistas que se consideram (evolucionistas-criacionistas) como o ex-diretor do projeto genoma humano Francis Collins estão melhor preparados para administrar ciência e fé cristã. Eles são uma boa referência para mim, mas não estou de total acordo com eles

http://www.biologos.org

Comentar por Neocriacionista




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: