No princípio criou Deus os céus e a Terra


Primeiro-ministro australiano reconhece Design no universo
Setembro 5, 2008, 12:22 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang, Personalidades

O Primeiro-ministro australiano, Kevin Rudd, diz que a natureza do cosmos o convence da existência de Deus:

No meu ponto de vista, não podes simplesmente considerar a criação como um evento fruto do acaso porque ela é tão intrinsecamente ordenada, e o facto é que o ambiente natural está sendo ordenado para que possa coexistir ao longo do tempo.

Se fosses simplesmente reduzi-la [a criação] a probabilidades matemáticas, eu devo dizer que provavelmente não teria acontecido. Portanto, penso que existe uma mente inteligente a trabalhar.
______________________________________________________________

Modificado a partir do original Design InteligentePrimeiro-ministro australiano reconhece Design no universo

Anúncios

11 comentários so far
Deixe um comentário

E ?

Qual a importância deste senhor para a coisa ?
É cientista ?
É um sumidade em astrofisica ?

Cá para mim é mas é um politico conservador e religioso (aliás em estudante pertencia a um movimento cristão qualquer criacionista). Por isso de admirar só se ele dissesse o contrário.

Não te esqueças que o presidente do país mais poderoso do mundo fala com deus 🙂 🙂

Por isso tudo é de esperar …

Comentar por Joaquim Coelho

Não posso colocar aqui curiosidades, também?

Ao menos tiro um pouco o blogue do estado vegetativo do momento

Comentar por alogicadosabino

Reconhece o design no universo ´a coisa mais fácil de fazer. Basta têr dios olhos na cara. Aliás, até como um se nota nisso. O que o darwinismo tenta fazer é mostrar como este design surgiu sem nenhuma Mente Inteliente por trás.

Ainda estamos à espera que os darwinistas nos mostrem a força natural (não-inteligente, não-direccionada) que tenha a capacidade para ~gerar o tipo de design que vêmos no universo.
Paralelamente, enquanto espero que os darwinistas se cheguem à frente, vou tentando descobrir elefantes nadadores e abelhas que falam português.

Comentar por Mats

Mats, quanto às abelhas falarem português éum bocadinho dificil, pois nao têm cordas vocais. Agora elefantes nadadores, ésó pesquisares um bocadinho no google! Quanto a mim vou procurar um ser infinitamente bom, infinitamente inteligente, e mais uns quantos infinitamentes, já que os creacionistas não mo conseguem mostrar!

Comentar por Beowulf

Eu não sei se é por falta de atenção ou por exesso de “inteligencia” ; desacreditar em Deus é o mesmo que tentar fazer uma limonada sem limão ….

Comentar por Jimmy

Beowulf,

quanto às abelhas falarem português éum bocadinho dificil, pois nao têm cordas vocais

Nada é difícil para a evolução. Se a evolução pôde transformar um dinossauro num pássaro, então tudo é possível.

Agora elefantes nadadores, ésó pesquisares um bocadinho no google!

Tens razão! A palavra que melhor mostraria o que eu queria dizer é “mergulhadores” (subaquáticos, etc, etc), não “boiadores” e nadadores.

Comentar por Mats

Mats, demonstraste bem aqui o teu profundo desconhecimento sobre a teoria da evolução. Primeiro as abelhas tinham que desenvolver tendões, só depois poderiam aparecer as cordas vocais.

Mergulhadores também é uma questão de procurarum bocadinho no google. Independentemente, tens que ser mais rigoroso com as palavras que usas, senão começas a parecer que usas o argumento “foi por isso que eu não disse aquilo que disse”, e esse argumento é extremamente desonesto!

Comentar por Beowulf

Beowulf,

Mats, demonstraste bem aqui o teu profundo desconhecimento sobre a teoria da evolução. Primeiro as abelhas tinham que desenvolver tendões, só depois poderiam aparecer as cordas vocais.

Amigo, nada é impossível para a evolução. Se dinossauros ganharam informação genética para construir asas, e modificaram a sua anatomia para aquilo que os anglófonos chamam de “powered flight”, certamente que umas meras cordas vocais, e tendões adjacentes, são coisa fácil para a evolução.

Onde está a tua fé ?

Comentar por Mats

Não Mats, para a evolução nem tudo é possível. Tens de parar de te informar em sites de criacionistas. Já agora compara a estrutura óssea de uma asa com a de um braço reptiliano. Vês assm tantas diferenças?

“Onde está a tua fé ?”

Mas qual fé Mats?! Fé tens tu e os teus amigos envagélicos (na realidade eu não acredito nisto, acho que são apenas desonestos, mas enfim).

Comentar por Beowulf

Beoqulf,

Não Mats, para a evolução nem tudo é possível.

Blasfémia!

Já agora compara a estrutura óssea de uma asa com a de um braço reptiliano. Vês assm tantas diferenças?

Semelhança morfológica não é evidência para evolução, uma vez que pode ser usada como evidência para Criador Único.

Mas qual fé Mats?!

A fé nos poderes da evolução. Se a evolução transformou um dinossauro numa áve, certamente nada será impossível.

Onde está a tua fé na evolução, Beowulf? Arrepende-te do teu pecado, e volta para os caminhos da Darwin.

Comentar por Mats

Beowulf,

“Fé tens tu e os teus amigos envagélicos (na realidade eu não acredito nisto, acho que são apenas desonestos, mas enfim).”

Sendo a fé o acreditar em algo que os olhos não viram ou vêm… toda a gente tem fé em alguma coisa… nem que seja nos poderes sobrenaturais (mas não divinos) que levaram à criação do universo e tudo que nele existe

Comentar por alogicadosabino




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: