No princípio criou Deus os céus e a Terra


Jesus não voltará? – Sê céptico quanto aos cépticos (Parte 2)
Junho 8, 2008, 3:37 pm
Filed under: Convicções / Fé, Estupidez/Fanatismo/Ignorância ateísta

Ver PARTE 1
______________________________________________________________________

2. O PRAZO É CONFIRMADO:

Mateus 16:27–28 — “Porque o Filho do homem há de VIR NA GLÓRIA de seu Pai, com os seus anjos; E ENTÃO RETRIBUIRÁ a cada um segundo as suas obras. Em verdade vos digo, alguns DOS QUE AQUI ESTÃO NÃO PROVARÃO A MORTE ATÉ QUE VEJAM VIR O FILHO DO HOMEM no seu REINO.” (Também em Marcos 8:38–9:1 e Lucas 9:26–27)

-> Não conhecer a Bíblia e querer dar uma de teólogo tem, na maior parte das vezes, resultados negativos. De facto, pelo menos uma das pessoas que estavam com Jesus quando Ele proferiu estas palavras observou aquilo que Ele disse. Esse discípulo foi João, que testemunhou os acontecimentos da vinda de Jesus Cristo e os deixou escritos no Apocalipse, o livro da Revelação (Apocalipse 1:1).

-> A afirmação “Em verdade vos digo, alguns DOS QUE AQUI ESTÃO NÃO PROVARÃO A MORTE ATÉ QUE VEJAM VIR O FILHO DO HOMEM no seu REINO” pode também referir-se ao episódio da transfiguração de Jesus no alto monte (Mateus 17:1-9), testemunhada por Pedro, João e Tiago. Notem que a transfiguração aconteceu seis dias depois de Jesus ter dito aquilo. Um versículo que corrobora o que eu estou a dizer encontra-se em II Pedro 1:

16 – Porque não seguimos fábulas engenhosas quando vos fizemos conhecer o poder e a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo, pois nós fôramos testemunhas oculares da sua majestade.
17 – Porquanto ele recebeu de Deus Pai honra e glória, quando pela Glória Magnífica lhe foi dirigida a seguinte voz: Este é o meu Filho amado, em quem me comprazo;
18 – e essa voz, dirigida do céu, ouvimo-la nós mesmos, estando com ele no monte santo.
__________________________________________________________________________

3. TAMBÉM CAIFÁS DEVERIA PRESENCIAR A VINDA DE JESUS:

Mateus 26:64 — Repondeu-lhe Jesus: “É como disseste; contudo vos digo que VEREIS EM BREVE o Filho do homem assentado à direita do Poder, e VINDO SOBRE AS NUVENS do céu.” (Também em Marcos 14:62)

-> Muitas vezes, as palavras de Jesus não eram única e exclusivamente dirigidas para as pessoas que O rodeavam mas servem para guiar todos aqueles que acreditem nele. Exemplo disto é o Sermão do Monte. Mateus 5:42 diz: “Dá a quem te pedir, e não voltes as costas ao que quiser que lhe emprestesMateus 5:44 diz: “Amai aos vossos inimigos e orai pelos que vos perseguem“. Jesus estava a falar para uma determinada multidão, no entanto, os Seus ensinamentos não eram destinados apenas a essa multidão mas estendiam-se a todos nós. Portanto, em certas ocasiões, quando Jesus diz “dá”, “pede”, “digo-vos”, etc, as Suas palavras podem ter maior alcance.

-> Quanto ao versículo… é bem possível que Jesus estivesse mesmo a referir-se ao próprio Caifás. Reparem na maravilha profética de Apocalipse 1:7: “Eis que vem com as nuvens, e todo olho o verá, até mesmo aqueles que o traspassaram; e todas as tribos da terra se lamentarão sobre ele. Sim. Amém.

Como alguém disse… olhar a versículos isolados como se TODA a Palavra de Deus não fosse necessária para compreender a doutrina bíblica é pensar dentro de uma caixa, na qual não podemos pensar e decidir por nós próprios, uma vez que tudo está determinado à partida.

______________________________________________________________________

Ver Parte 3

Anúncios

7 comentários so far
Deixe um comentário

@ Sabino

Eu acho que a vinda do Reino de Deus ainda em vida dos apóstolos se refere a Vinda do Espírito Santo logo depois de Cristo subir aos céus. Atráves dessa vinda foi fundada a Igreja, que segundo Cristo deveria permanecer até o fim dos tempos.
Se ela foi adulterada por Constantino é porque Jesus mentiu e era falso, mas como ela poderia ter sido adulterada se Constantino nem era cristão, não tornou o cristianismo religião oficial do império, e somente se converteu no leito de morte? Como Deus poderia permitir que durante 1500 anos todos os cristãos estivessem enganados? Como Deus poderia permitir que pessoas como Agostino de hipona, Francisco de Assis, São Bento e Antonio estivessem todos enganados e somente soubesse a verdade um monge alemão bebado do século XVI, que arrancou 7 livros da Bíblia e que permitiu que o Cristianismo se dividisse em 50.000 seitas, sendo que umas casam homem com homem e permitem aborto?
Eu não estou dizendo que tudo o que as altas autoridades da Igreja fizeram tenha sido sempre correto, eu não estou defendendo a Inquisição, mas os protestantes também fizeram suas inquisições… E a Bíblia nos informa várias vezes da corrupção que muitas vezes caíram os sacerdotes de Israel, por causa disso deve-se pensar que a missão de Israel era falsa? Como condenar uma instituição por causa de pessoas que fazem e fizeram aquilo que ela própria condena?

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino

É claro que Jesus se refere a Caifás, pois este uma vez ressuscitado terá que ver junto com todos os outros filhos de Adão e Eva, a vinda de Nosso Senhor.

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino

Meu querido sobre este ponto que levantou a cerca de Constantino I houve vários outros interesses envolvido do que uma real conversão. O imperador de fato pelas suas atitudes nem chegou a se converter algumas fontes dizem que um dia antes de sua morte ele ofereceu um sacríficio a Zeus. Não se sabe com toda a certeza o motivo principal que o levou a adotar o cristianismo . Alguns especulam que de fato foi devido a um sonho que teve um dia antes da vitória sobre Magêncio na Batalha da Ponte Mílvio, em 28 de outubro de 312(apesar de historicidade do mesmo ser questionada). Outros dizem que foi influência familiar de sua mãe Helena, que era Cristã pelo menos nominalmente, outros dizem que foram interesses políticos e sociais. Constantino até seu ultimo dia usou o titulo pagão de sumo pontfíce, apesar de reconhecer a importância do batismo. O que aconteceu no seu leito de morte foi seu batismo. Na verdade o cristianismo só foi proclamado a religião oficial do império em 70 anos mais tarde em torno de 392 quando o imperador Teodósio a proclamou, este imperador se empenhou em combater o paganismo de uma forma incorreta. Constantino ordenou a construção de basilicas e templos para igreja, convocou o concílio de Niceia em 325 onde ficou estabelecido o credo niceno. Este imperador abriu porta para o paganismo adentrar a igreja, mas de fato isto foi ocorrer tempos mais tarde.

Depois de Constantino, então, os Cristãos não foram perseguidos mais. Com o tempo, foram os pagãos que passaram a ser perseguidos a menos que se “convertessem” ao Cristianismo. Essa conversão forçada levou muita gente a entrar na igreja sem uma verdadeira conversão em seu coração. Os pagãos trouxeram consigo seus ídolos e as práticas às quais estavam acostumados, e a Igreja mudou: ícones, arquitetura elaborada, peregrinações e a adoração de santos foram adicionados à simplicidade do louvor da igreja primitiva. Mais ou menos durante o mesmo tempo, alguns Cristãos fugiram de Roma, escolhendo viver em isolamento como monges, e o batismo de bebês foi introduzido como uma forma de purificação do pecado original.

Através dos próximos séculos, vários conselhos se reuniram na tentativa de determinar a doutrina oficial da igreja, para criticar os abusos cléricos, e para fazer um acordo entre os partidos que estavam lutando entre si. Quando o Império Romano ficou mais fraco, a Igreja se tornou mais poderosa, e muitas discórdias passaram a acontecer entre as igrejas do Ocidente e as do Oriente. A Igreja Ocidental (Latina), localizada em Roma, clamava autoridade apóstolica sobre todas as outras igrejas. O bispo de Roma tinha até começado a se chamar de “Papa” (o Pai). A Igreja Oriental (grega), localizada em Constantinopla não aceitou isso muito bem. Divisões teológicas, políticas, procedimentais e línguisticas contribuíram para o Grande Cisma do Oriente em 1054, no qual a Igreja Católica Romana (“Universal”) e a Igreja Ortodoxa excomungaram uma a outra e quebraram todos os laços.

Jesus não foi fraudulento e nem mentiroso, se fosse poderiamos rasgar as nossas bíblias e atear fogo nos templos. Satanas não mede esforços para destruir a igreja, o inimigo é astuto e inteligente de mais. Certamente viu que por fora não consegui destruir a igreja, os cristão sobreviveram a toda forma de perseguição e massacre, então mais uma vez pôs em pratica algo que ele faz desde que a igreja surgiu o que esta escrito na parábola do trigo e do Joio, decidiu arrombar a igreja por dentro. É isto que ele faz conosco, não nos obriga a pecar, mas nos tenta para que em nós produza a concupiscência e ela de a luz ao pecado e por consequinte a morte.(Tg 1:13-15). Jesus não pode usar da força para impedir que a igreja se desvie da sã doutrina e venha se tornar apóstata, pelo contrário ele usa sua palavra para nos advertir sobre este risco e nos da força para vencer este mal desde que este desejo venha partir de nós. A igreja se apostatou por um período de tempo cometendo todo o tipo de astrocidade mas ele não se cala, em determinado momento levantou o protestantismo para ir contra a heresia. Se demorou 1500 anos parece muito para nós, mas foi tempo que por um algo motivo que desconheço determinou, agora querer culpar a Deus pela as astrocidades do líderes da igreja romana não é coerente. Deus permitiu que Isrel foi escravizado por 400 anos e no momento certo o libertou, permitiu que ele fosse disperso e pisado várias vezes, inclusive a ultima vez por quase 2000 anos mas devolveu a terra para o povo. Tudo que acontece é pela vontade ou permissão do Senhor, o fato é que tudo tem propósito determinado. O templo de Jerusalem foi destruído duas vezes mas por consequência da própria rebeldia do povo , algum motivo para a igreja teve. Deus não parou de falar com o homem na idade média, nós seres mortais não podemos limitar a ação do eterno.

Agostinho de Hipona entre outros foram homens de Deus que marcaram o seu tempo, contribuiram muito com a obra. Mas não foram enganados pois sabiam da real possibilidade de a igreja se desviar da sã doutrina. Mas graças a Deus que tudo isso passou e hoje cada um é livre para adorar a Deus em espírito e verdade ou viver do jeito que lhe apraz.

Quem salva é Jesus.

Comentar por Allef

P.S: A cisão entre Oriente e Ocidente só aconteceu depois de quase mil anos. E os CATOLICOS do oriente, nunca, repito nunca, deixaram de acreditar que o Papa era sucessor de Pedro:

http://www.digitusdei.com.br/2010/07/sucessao-papal-irineu-de-liao.html

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino

Como você pode acreditar que a Bíblia é verdadeira se crê que a instituição que determinou quantos livros ela deve ter e que ela é sagrada, é falsa?

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino

Se qualquer imagem é ídolo então porque Deus mandou Moíses colocar dois querubins, dois santinhos, em cima da Arca?
Jesus é claro no Evangelho Segundo São Mateus: as portas do inferno não prevalecerão sobre a Igreja fundada pelos apóstolos, se essa Igreja não existe mais e foi conspurcada pelos “pagãos” que você se refere então Jesus mentiu e é falso!!!!
Você apenas está repetindo feito um papagaio todas as mentiras que os protestantes inventaram para deturpar o cristianismo.
Adorar é reconhecer como deus, nós não adoramos os santos, apenas pedimos sua intercessão o que é muito diferente. Se os ícones somente surgiram depois de Constantino, como você me explica confuso protestante, que existissem imagens nas catacumbas no século I, II e III.
Me diga: VOCÊ ACHA QUE JESUS ERA BURRO? Como a Bíblia poderia ser a única fonte de revelação se nessa época nem existia Bíblia da forma como nós a conhecemos hoje nem impressa para cada fiel ter sua “bibria” e inventar baboseiras diferentes? Me prove que os cristãos primitivos não batizavam crianças! Você não pode me provar, vocês ficam repetindo essa besteira contra o batismo infantil, mas não tem como provar nada!
Jesus, meu caro, não seria tão imbecil para dar uma doutrina que podia ser deturpada sem confiá-la a um sacerdócio. Quem ele coloca no Evangelho Segundo Mateus como pedra fundamental da sua Igreja? SÃO CINCO LETRAS: P-E-D-R-O.
Agora novamente eu te pergunto: você acha que Jesus era burro ao ponto de achar que Pedro não ia morrer? É evidente que Pedro morrendo o trabalho ia ser continuado pelos seus sucessores. Existem diversas citações dos séculos I, II, III, IV que desmascaram as baboseiras que vocês protestantes repetem e assim aniquilam o trabalho de Cristo acreditando que estão ajudando. É evidente que esses sucessores guiados pelo Espírito Santo não iriam permitir que acontecem as coisas que vocês acreditam que aconteceram sem apresentarem nenhuma prova.
Satanás realmente não mede esforços, tanto que fundou as igrejas protestantes….
O Protestantismo é inteiro baseado em preconceitos, se move pelo preconceito, se difunde pela ignorância. Se vocês são assim tão baseados na Bíblia como você me explica isso:

http://www.sinaisdostempos.org/perguntas/150_razoes_exevangelico.php

Meu caro, vocês protestantes mataram muito mais:

http://ainquisicaoprotestante.blogspot.com/%5D

É muito fácil se fazer de santo. Agora tome essa: as blasfêmias de Lutero:

“Pensais, sem dúvida que o beberrão Cristo, tendo bebido demais na última Ceia, aturdiu os discípulos com vã tagarelice?” (Lutero).
(Funk Brentano, Conversas a mesa Martim Lutero, Casa Editora Vecchi – 1956 – pg. 135)
“Cristo cometeu adultério pela primeira vez, com a mulher da fonte, de que nos fala S. João. Não se murmurava em torno dele: ‘Que fez, então com ela?’ Depois com Madalena, depois com a mulher adúltera, que ele absolveu tão levianamente. Assim Cristo, tão piedoso, também teve que fornicar, antes de morrer” (Lutero).

Esse é o homem de Deus? Melhor que todos os outros da Idade Média? Melhor que São Tomás de Aquino? Sobre a Idade Média, se ela realmente foi uma época de trevas também foi a única, a ÚNICA, época em que o Evangelho governou os povos. Se o Protestantismo foi luz, então porque desde o século XVI o homem vem se tornando cada vez pior? Porque existem igrejas evangelicas casando homem com homem a admitindo aborto?

“tudo isso passou e hoje cada um é livre para adorar a Deus em espírito e verdade ou viver do jeito que lhe apraz.”

Falaste bem, vocês destruiram o reinado social de Cristo com a sua TORRE DE BABEL PROTESTANTE ONDE NINGUÉM SE ENTANDE E CADA UM SE ACHA DONO DA VERDADE. Em Espírito e Verdade? Então todas aquelas pessoas veneráveis dos apóstolos até o beberão Lutero adoraram em mentira?

É muito fácil dizer que só Jesus salva, mas onde é que está Jesus. Ou existe uma IGREJA desde os apóstolos ou Jesus é falso e os judeus é que tem razão. Sua igreja, meu caro, NÃO FOI FUNDADA POR JESUS E SIM POR John Smyth ! JOHN SMYTH NÃO ERA JESUS!

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino

Eu desafio você a comprar e ler “Coversas à Mesa”

http://dantas.editme.com/files/aurelio/lutero.htm

Comentar por Rodrigo César Nunes Pino




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: