No princípio criou Deus os céus e a Terra


Design Inteligente vs. Evolução
Maio 7, 2008, 8:18 pm
Filed under: Evolução/Big-Bang, Multimédia

Um vídeo de seis minutos que aborda a problemática do cientismo da Evolução.

[Youtube=http://youtube.com/watch?v=vl1MClbdCj0]

_______________________________________________________________

Tradução:

A semana da “Mente Aberta” continua, e o tópico de hoje é: “Darwin versus Deus”, mas vamos chamar-lhe “Intelligent Design” porque queremos ver este vídeo nas salas de aula. Antes fizemos um vídeo sobre o método científico, ele ganhou destaque no youtube, e a guerra de fogo começou, tudo o que tentámos dizer foi que muitas das coisas que são chamadas de ciência não são verdadeiramente científicas, e algumas pessoas começaram a tratar a ciência como uma religião. Mas ninguém realmente prestou atenção àquilo que realmente dissemos, e tudo degenerou num debate de discussões…, não, numa luta de gatos, sobre a evolução versus design inteligente, mas eu vou-me basear na minha afirmação inicial de que algumas pessoas realmente tratam a ciência como uma religião, e entre eles está o biólogo evolucionista, Richard Dawkins, que é como o “poster child” para o Neo-Darwinismo, você sabem, ele está como o papa para o catolicismo, ou como o Tom Cruise para a Cientologia..ismo, ele é também quem disse:

“Como cientista eu sou bastante hostil a uma doutrina rival”.

Doutrina rival? Eu procurei a palavra “doutrina” no meu dicionário, ela está definida como “uma crença ou conjunto de crenças de uma igreja, partido político ou outro grupo”. Mas incidindo a atenção para o início, “doutrina é uma crença”, tal como qualquer outro fundamentalista religioso Dr. Dawkins é hostil às crenças opostas, como o criacionismo, e o Design Inteligente, porque Criacionismo e Design Inteligente são a mesma coisa, não é? Pois bem, não! Não são a mesma coisa! E quem é que eu chamo para ser a minha testemunha especializada? O Dr. Richard Dawkins.

Numa entrevista com Ben Stein para o filme Expelled ele afirmou muito claramente que ninguém sabe como começou a vida e que existe uma possibilidade real de a vida neste planeta ter sido semeada ou influenciada por formas de vida superiores, tais como extra terrestres ou algo assim,… Portanto ele concorda que a vida poderia ter sido influenciada ou criada por alguém que não é de cá. Então para quê toda esta discussão? Semântica. Sabem, é que o Dr. Dawkins não gosta quando as pessoas chamam Deus aos extra terrestres. Provavelmente porque quando ele era miúdo levou umas reguadas na Escola de Domingo. Óptimo, o debate acabou. Nós resolvemos a guerra “Design Inteligente x Evolução”, agora podemos ser amigos novamente, e agora as pessoas podem ensinar o Design Inteligente nas escolas.

Algumas pessoas esperam usar isto como um trampolim para ensinar o criacionismo nas salas de aula, mas pensem bem no assunto, vocês realmente querem que a Bíblia seja ensinada nas escolas? Lembro-me o que os professores do liceu fizeram com o Tom Sawyer,… foi arruinado, para sempre. Vocês realmente querem fazer o mesmo com o vosso rito sagrado? Talvez devêssemos apenas cingir-nos aos ABCs, 123s, e a coisas que fervem nos tubos de ensaio. Para além disso eu tenho um verdadeiro problema com o design inteligente, não é ciência. Pelo menos, até à data ninguém foi capaz de me mostrar a teoria sob uma verdadeira luz cientifica. Eles dizem que algumas coisas são complexas, tão complexas que elas devem ter sido criadas de forma inteligente em vez de terem surgido acidentalmente. Ok. Mas até que ponto de complexidade? Quer dizer, aonde você coloca o limite? Parece ser arbitrário e não muito científico. Hum, talvez não deva ser ensinado como ciência, talvez como filosofia ou qualquer coisa assim.

Mas existem outras filosofias que são ensinadas nas aulas de ciência, como a Evolução … Wow camarada, não se meta com a doutrina de Dawkins! Vamos analisar os factos em torno da Evolução. Se ela alguma vez teve lugar, não sabemos, pelo menos não de maneira que alguém possa demonstrar. E as chances de isso acontecer são realmente muito, muito, muito, escassas. Se os cientistas e educadores conseguissem assumir isto estou certo que o DI nunca teria sequer aparecido, mas a maior parte das pessoas que acreditam na Evolução não estão dispostas a admitir o quão improvável ela é porque isso enfraquece dramaticamente os seus argumentos. E se você discordar que a Evolução é improvável então você coloca-se noutra situação difícil porque, se ela é provável, então agora espera-se que você tenha visto evidências dela, evidências concretas.

As pessoas gostam de chamar a atenção para a selecção natural e para a especiação que dela resulta como sendo provas da evolução, porque há uma montanha de dados que suportam ambas no campo da ciência testável e observável. Mas não se esqueça! Nós definimos o que é uma espécie! E nenhuma quantidade de cinza em árvores fez as mariposas escuras ou claras tranformarem-se numa abelha ou num pássaro. Eles também gostam de invocar as mutações bacterianas como evidências da evolução, mas eu vejo problemas nisso também. Temos vindo a observar esses pequenos seres desde a invenção do microscópio há mais de 300 anos atrás, e enquanto elas se modificaram geneticamente e se adaptaram como bactérias, elas nunca evoluíram para uma nova e superior forma de vida! Pense sobre isso: Se a geração de uma bactéria é de 20 minutos e uma geração humana é de 20 anos, então elas deveriam estar evoluindo 525,000 vezes mais rápido do que nós estamos. E se levou 3,2 milhões de anos para o Lucy, o alegado elo perdido, se tornar um homem moderno, deveríamos esperar ver semelhantes avanços evolutivos nas bactérias num período de apenas 6 anos. Fiuuuu … UAU!… E estou a falar de evolução a sério! Não apenas ligeiras alterações no DNA ou aquisição de imunidades a isto ou àquilo, mas transformações, evoluírem realmente para algo mais complexo, uma nova forma de vida. Uma forma de vida superior. Elas tinham que ter as suas próprias civilizações, e bactautomóveis, e … pelo menos já serem insectos por esta altura, não sei!

“A evolução tem sido observada. O que acontece é que não tem sido observada ao mesmo tempo que está a acontecer.” diz Dawkins.

“É um pouco como um detective que se aproxima do local do assassinato depois deste ocorrer. … E você… o detective, na realidade não viu o assassinato acontecer, como é óbvio. Mas o que você vê é um indício enorme. … Enormes quantidades de evidências circunstanciais. Que podem também ser expressas por palavras em Inglês”.

Mas, wooo … wooo … Dr. Dawkins … posso falar… posso falar?!

Evidência circunstancial é sujeita a interpretação, e que não prova necessariamente alguma coisa. É como ver dois ossos no chão afastados 12 metros e assumir que eles vieram do mesmo animal: Osso do crânio! … osso da coxa! … Java Man!
A evidência da evolução pode, de facto, expressar uma mensagem em Inglês simples: Nós nunca a vimos a acontecer! Não se pode provar que aconteceu! Nós não a podemos reproduzir! Mas é a melhor explicação que temos, pelo que temos de acreditar nela. Mas ela assim qualifica-se de forma muito pobre para ser ensinada como facto inegável a mentes jovens impressionáveis. Porque não nos limitamos a ensinar a verdade? Nós não sabemos como a vida surgiu. Porque é que isso é tão ameaçador? Você não pode provar que a evolução aconteceu ou que não aconteceu. Está para além da capacidade actual da ciência tirar conclusões com algum grau de certeza. E se fôssemos sujeitar a teoria evolutiva aos mesmos rigores que alguns cientistas querem impor ao DI, ela provavelmente também não passava no teste para ser classificada como ciência.
______________________________________________________________

Crédito da tradução: Blogue Design Inteligente

Anúncios

5 comentários so far
Deixe um comentário

Gostei muito deste video, mbora discorde do que eles dizem sobre o DI em alguns pontos.

Comentar por Mats

Acredito que o maior problema com o DI é que se fomos feitos por uma inteligência superior, esta não foi muito “inteligente” ao nos criar(varizes, hemorroidas, câncer…). Agora que o evolucionismo não é perfeito todos sabemos. Como qualquer ciência está aberta a novas descobertas que podem ou não corroborar com sua validade.(A Física de Newton não foi suficiente para explicar certos fenomenos, veio a Relatividade e a Física Quântica para completar certas lacunas, e ainda assim não explicam tudo).

Somente o tempo, pesquisas sérias e continuas trarão uma luz maior a nossa ignorância.

Não faz muito tempo se dizia que o atomo era indivizível.

Pensem a respeito.

Comentar por Fábio

Fábio, obrigado pelo teu comentário.

As varizes, hemorróidas, cancros e outros males físicos estão em pleno acordo com a queda do ser humano. A Queda do Homem não afectou apenas Adão e Eva mas TODA a criação. Isso é corroborado por Romanos 8:20-26, que nos diz que toda a criação geme e espera ansiosamente a redenção.

Não foi apenas a “morte” o castigo do homem mas também o acumular gradual de erros genéticos (mutações) a partir da criação original “muito boa”. Quando muito… o homem é que não foi muito “inteligente” ao optar pela escolha que fez.

“Como qualquer ciência está aberta a novas descobertas que podem ou não corroborar com sua validade.”

O problema é que mesmo as evidências contra a evolução não são desvalorizadas ou simplesmente não são consideradas. Basta carregar na categoria “Evolução” e “Descobertas Recentes” na barra do lado esquerdo e poderás ver algumas. Tudo acaba por ser reencaixado no puzzle evolutivo, como se nada fosse.

Comentar por alogicadosabino

Fábio,
Para além do que o Sabino já disse, há também a questão de que “o problema do mal” não é uma questão científica mas teológica. Se fazes uma pergunta teológica, então prepara-te para teres uma respostas teológica.

Comentar por Mats

Fábio,

Se você levar em questão a segunda lei da termodinâmica. Você observará que tudo está sob esta lei e que algo que foi criado sem defeitos, com o tempo (procriação, alimentação, ensolação, perda de material genético, etc) foi aparecendo mais e mais problemas para manutensão da vida! Mas, o evolucionismo diz que houve melhoras com tempo, como pode? Se a segunda lei da termoninâmica existe! Compare a teoria criacionista as leis e fatos científicos e você não irá encontrar problemas! Agora, faço o mesmo com a Toeria Evolucionista! É simplesmente destroçada! Quando os evolucionista querem demonstrar desacorco com a “ciência”, comparam a teoria criacionista com as teorias metafísicas que dão sustentam a teoria evolucionista! Mas, estas são teoria feitas sob medida para camuflar a fraude que é a teoria evolucionista, nunca usam fatos ou leis cinetíficaa, que foram provadas e usadas a décadas!
Acorda meu! Bota o tico e teco para funcionar, pense com a sua própria cabeça, não seja mais um boneco de cordas!

Comentar por Marcos




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: