No princípio criou Deus os céus e a Terra


Ateus fundamentalistas
Abril 7, 2008, 4:14 pm
Filed under: Desabafos

Ontem, domingo, um missionário espanhol foi à minha igreja falar sobre o trabalho que ele e outros missionários têm desenvolvido na Guiné-Equatorial. Nós que temos Toshibas e HP’s da última gama, sapatilhas Nike e Adidas, TV por cabo, etc, raramente nos lembramos que há uma parte do mundo que nem electricidade e água potável tem. As imagens apresentadas em Powerpoint diziam muito.

Em Malabo, a capital do país, só durante uma hora a população tem acesso a água potável (das 7h às 8h). A maioria das pessoas só tem uma refeição completa por dia (o que nós chamaríamos de almoço ou jantar). Electricidade é um bem raro e de luxo. Só durante uma ou duas horas é que a luz se acende (das 21h às 23h creio). A nível da Saúde, todos os meses o Governo recebe apoio internacional. Os medicamentos e antibióticos que lhe são entregues gratuitamente, são colocados à venda, pelo que só uma pequena parte da população tem acesso aos mesmos. A nível da Educação, só uma parte de privilegiados vai para a escola. Não porque o ensino seja caro mas porque as escolas são exíguas.

Desde 2002, este grupo de missionários tem construído escolas, distribuído medicamentos, roupas, água e comida. Tudo de graça. Todos estes bens são comprados com o dinheiro das ofertas de várias igrejas, portuguesas e espanholas. A maior parte destes missionários não tem casas quentinhas com sofás cómodos como nós temos; não veste Dolce Gabbana e Prada como nós vestimos; não tem carro próprio como nós temos. Fazem-no por amor ao próximo. E é através destas vidas que aquelas pessoas da Guiné-Equatorial conhecem o amor de Jesus.

Os ateus têm o hábito de apenas referirem apenas o lado menos bom dos cristãos e da Igreja e de Jesus e de tudo relacionado com questões de fé. Como ateus fundamentalistas que são, só apontam os lados negativos da Igreja. Mas se dizem tão mal é porque já devem ter ajudado muito os menos favorecidos. Uma das imagens do Powerpoint mostrava um grupo de crianças a sorrir só porque bebiam pela primeira um sumo Compal. Hoje em dia toda a gente gosta de opinar/criticar. O Ricardo Araújo Pereira, num vídeo no Youtube, disse “Eu sou crítico social. Há aqueles que fazem as coisas e depois há aqueles que não fazem nada mas criticam tudo o que foi feito“. Foi dito em tom de brincadeira mas é uma grande verdade.

Tu que dizes tão mal da Igreja… que fizeste ou tens feito para ajudar os desfavorecidos?

fefewdw

Anúncios

34 comentários so far
Deixe um comentário

1) Médico, casado, promissor cirurgião.
Largou tudo, partiu para África numa missão humanitária. Passados cinco anos, lá continua.
Vive quase tão despojado como aqueles que trata.
Situação face á religião – Ateu

2) “Um padre católico ruandês foi condenado, em segunda instância, a prisão perpétua por incitação ao genocídio e por participação directa na morte de 1500 tutsis que se tinham refugiado na sua igreja, durante a campanha genocida que varreu o país em 1994. (Não é único, existem mais condenações de prisão e à morte de padres pelo mesmo motivo)

3) ONG internacional, não confessional, distribui preservativos em África, em simultaneo com campanha de prevenção da SIDA. A sua maior dificuldade é perante as pessoas que se recusam por motivos religiosos (É criticada pelos bispos e padres)

4) Imoral e perigoso. Este foi o modo como os bispos católicos da África do Sul classificaram o uso do preservativo no combate à Sida na região.
A conferência de bispos católicos da África do o Sul concluiu na segunda-feira, após um encontro de sete dias, que o uso do preservativo “destruía a moral e encorajava à prática de sexo ocasional”. No comunicado oficial podia ler-se que: “A promoção e divulgação indiscriminada de preservativos é como uma arma imoral e errónea na luta contra o vírus da Sida”. (Bispo aconselha a que não se tenha relações fora do casamento, mas se tiver que não se use preservativo mesmo que tenha SIDA. Para isto tenho um nome: assassinato)

Sabino: a demagogia só se pode combater com demagogia e leva a excessos.
Nem o que eu disse representa todo o Universo, nem o que tu disseste representa a percepeção dos não crentes.

Todas as religiões tem uma componente social e de apoio (tal como organizações laicas o têm).
Têm todo o mérito e merecem os aplausos de todos.
Já colaborei com Igrejas em projectos humanitários. Tal como com ONG’s não religiosas.

Atrevo-me a dizer que é possível ter feito mais que tu nesta área, há mais de 30 anos.
Nesse caminho da ajuda humanitária conheci muitas pessoas profundamente crentes e alguns ateus ferrenhos. O que nos ligava a todos era um forte sentimento de solidariedade e de tristeza perante o sofrimento e privações dos outros. A religião não era aqui invocada. O respeito e amizade era mutuo e total (mesmo na discordância).

Afirmar que a religião tem o monopolio da solidariedade nos tempos modernos é falso e absurdo.

Alguns exemplos:
Medecins Sans Frontieres
AMI – Assistência Médica Internacional
Amnistia Internacional
Care International

Quatro organizações não confessionais com as quais de uma ou outra forma colaborei e conheci elementos pessoalmente.

Estas pessoas não cobram nada.
Os missionários (não desfazendo o mérito de muitos) cobram: a propaganda religiosa.(Dizes “E é através destas vidas que aquelas pessoas da Guiné-Equatorial conhecem o amor de Jesus.”)
Por vezes existe mesmo descriminação no auxilio em função da religião.

Levantar a questão da forma que levantaste é no meu entender, no mínimo leviano, para não dizer falso.

Que raio, lá porque acreditam em Deus, têm a mania que são melhores que os outros ?

Comentar por Joaquim Coelho

Atrevo-me a dizer que é possível ter feito mais que tu nesta área, há mais de 30 anos.

provavelmente já fizeste mais que eu sim… mas pode ser por teres já meio século 🙂

“Afirmar que a religião tem o monopolio da solidariedade nos tempos modernos é falso e absurdo.”

retira do texto a(s) frase(s) onde eu digo isso.

“Os missionários (não desfazendo o mérito de muitos) cobram: a propaganda religiosa.”

o Diabo é o pai da mentira (João 8:44) e tu és o filho dele. Nenhum dos missionários que eu conheço reclamava propaganda e também já trabalhei com umas três dezenas deles, cá em portugal. Deves tar a falar de uma outra “espécie” de missionários. Também não sei bem que tipo de propaganda estarás a falar.

Por vezes existe mesmo descriminação no auxilio em função da religião.

a ver por esta frase deves estar mesmo a falar de outra “espécie” de missionários. Este grupo de missionários espanhóis que foi para a guiné em 2002 foi com o intuito de ajudar todas as pessoas e de lhes falar de Jesus Cristo e da salvação. Ora, como a mensagem da salvação se prega, essencialmente, a quem não a tem eles não vão fazer essa discriminação de que estás a falar. “Não és cristão? Então desanda que não tens ajuda. A mensagem da salvação é só para quem a tem”. pfff… ah e não penses que o método deles é: “toma uma garrafa de água… mas só te dou quando aceitares Jesus”…

Que raio, lá porque acreditam em Deus, têm a mania que são melhores que os outros ?

retira do texto a(s) frase(s) onde eu digo isso.

em suma, o post era para contrabalançar as opiniões dos ateus fundamentalistas que quando falam da igreja é só para dizer mal. Não disse que os cristãos são melhores que os outros. Mas se tu já fizeste pelos desfavorecidos então a pergunta final não era dirigida a ti.

Comentar por alogicadosabino

“Este grupo de missionários espanhóis que foi para a guiné em 2002 foi com o intuito de ajudar todas as pessoas e de lhes falar de Jesus Cristo e da salvação”
Pregar mentiras e dizer-lhes que podem sofrer à vontade que depois têm um lugar reservado no céu.. que disparate..

“retira do texto a(s) frase(s) onde eu digo isso.”
“Tu que dizes tão mal da Igreja… que fizeste ou tens feito para ajudar os desfavorecidos?”

Quem te ouve falar até pensa que a Igreja não queimou milhares de pessoas só por não aceitarem a religião, nem tem padres que abusam sexualmente de crianças e não lhes acontece nada, que desde à muito tempo que tenta travar o conhecimento e a evolução da ciência, e que diz mentiras como quem respira, tudo o que é bom é pecado, a existência duma vida depois da morte, isto tudo é a negação da vida.
Claro que não dizes que os cristãos são melhores que os outros, mal era..
Muito bem ainda têm que fazer para compensar o terror que provocaram.

Comentar por Tiago

Joaquim
Primeiro, ninguém disse que os cristãos se consideram melhores.
Segundo, há ateus a fazerem o bem, mas dentro da sua visão do mundo (materialista, naturalista, evolucionista) não há justificação para isso.

Terceiro, o uso do preservativo não reduz a SIDA, pelo contrário:

On the House floor, yesterday, Rep. Chris Smith (R-NJ) relayed this news, as reported by the Catholic News Agency (CNA):

“No generalized HIV epidemic has ever been rolled back by a prevention strategy primarily based on condoms.”

http://newsbusters.org/blogs/tom-blumer/2008/04/03/wapo-abstinence-shown-working-controversial-anti-aids-tool

A abstinência e a fidelidade funcionam bem melhor que os preservativos.

Comentar por Mats

Bem, Deus continua a regar a terra com chuva, se chove pouco é devido às asneiras que temos feito, se pessoas morreram é devido às asneiras que temos feito, ateus ou Cristãos (podemos mencionar a Inquisição como o governo Nazi da segunda guerra mundial). Simplesmente os Cristãos acham que devem pedir perdão a Deus pelas asneiras que têm feito, não de uma forma leviana, mas de uma forma intensa tentar nunca mais falhar.

Comentar por natenine

Parabéns Mats ganhaste o prémio da frase mais ridicula do ano “Terceiro, o uso do preservativo não reduz a SIDA, pelo contrário:”

Como é possível em pleno ano 2008 ainda se dizerem destas barbaridades!!
Mais valia estares caladinho porque além de negares a utilidade do preservativo enqto meio de protecção ainda dizes que faz mal. Se deus existisse tu depois desta ficavas mudo para sempre.

Natenine mas que belo exemplo da mesquinhice da religião cristã que tu deste, “se chove pouco é devido às asneiras que temos feito”.
A associação das palavra pecado e culpa às coisa naturais da vida como se estas fossem resultado directo das nossas acções morais. Esta é a maneira covarde da igreja convencer, através de mentiras, todos os palermas a prestarem devoção a algo que não existe.
Que bela lavagem cerebral que tu lavaste. 🙂

Comentar por Tiago

“Esta é a maneira covarde da igreja convencer”

eu acho que vocês, ateus, ainda não fizeram o raciocínio correcto. …da igreja convencer? Tu achas que eu acredito em Deus porque alguma igreja me obriga ou persuade a acreditar?

Amigo… o que aconteceu comigo foi eu aceitar seguir o caminho que me foi proposto, por ver que é, sem duvida, o melhor caminho. Não acredito em Deus porque a “Igreja” me meteu medo. “Examinai as Escrituras” (João 5:39). Podias examiná-las também, em vez de aceitares tudo o que site de cépticos te oferece

“todos os palermas a prestarem devoção a algo que não existe.”

ao utilizares “palermas” estás a referir-te a quem? a cristãos que trabalham no sector terciário ou a cristãos formados? Palermas para ti é sinónimo de falta de conhecimento?

Comentar por alogicadosabino

Matts:

Terceiro, o uso do preservativo não reduz a SIDA, pelo contrário

Devido à minha ignorância de Inglês não li o texto que citas.
Mas como é que o uso do preservativo leva ao aumento da SIDA ?
Suponhamos (p que é falso) que não tem qualquer efeito no impedimento da passagem do virús. Mesmo assim então qual a diferença que há entre usar e não usar ? Será que o preservativo cria uma rampa de lançamento para o virus da SIDA ?
A unica lógica não ridicula possível era que se a pessoa não usar preservativo é pressionada a abster-se de relações sexuais, o que convenhamos não é muito credível.

Agora a verdade: o preservativo é em mais de 90% eficaz na prevenção da SIDA.
Se todos usassem preservativo a SIDA regrediria.
Sabemos que tal não acontece porque quer por motivos de ignorância, de tabus, de prazer, de religião, e também de simples estupidez um enorme numero de pessoas não usam preservativo.

Ao contrário do que é afirmado no texto que citas no Ocidente, onde as campanhas são mais eficazes e as pessoas usam mais o preservativo, a taxa de aumento da SIDA tem diminuido. Em Africa, em especial nas zonas de grande influência dos religiosos a taxa de aumento mantém-se ou progride.

A única verdade que dizes é: A abstinência e a fidelidade funcionam bem melhor que os preservativos.

Isto é tão evidente, como dizer que se não beber alcool não corro o risco de me embebedar.

Mas a verdade é que apesar da ridicula campanha religiosa contra o prazer, a maioria das pessoas disfruta esse prazer, e ainda bem. E por isso devem usar preservativo.

Comentar por Joaquim Coelho

Matts:

“Primeiro, ninguém disse que os cristãos se consideram melhores.”
No quererem impor a sua moral a todo o custo, mesmo contra a vontade dos outros, a sua moral á sociedade e em passá-la ao código civil, isso está implicito.

“Segundo, há ateus a fazerem o bem, mas dentro da sua visão do mundo (materialista, naturalista, evolucionista) não há justificação para isso”
Isto é uma profinda tolice.

A solidariedade não tem de se fazer para agradar ninguém, nem deuses nem humanos.
Como seres racionais sabemos que existe dor e sofrimento, como seres emocionais, sabemos que podemos aliviar essa dor. Portanto é lógico que ajudar quem sofre seja uma pulsão de qualquer ser pensante. Depois o fazer ou não depende da personalidade de cada. Mesmo o mais barbaro dos assassinos é por vezes capaz de actos altruistas incriveis.
O que motiva eo altruismo e solidarieade varia de pessoa para pessoa. Pode ser religioso ou não.

Álém disso, numa sociedade em que os outros estejam melhor, cada um de nós também estará melhor.

Alguns animais mostram este comportamento: existem relatos comprovados de golfinhos que salvaram pessoas a afogar-se.
Certos animias adoptam as crias orfãs.

Comentar por Joaquim Coelho

“Bem, Deus continua a regar a terra com chuva, se chove pouco é devido às asneiras que temos feito, ”

Natenine

Se chove pouco, muito, o ideal, ou nada deve-se ao conjunto complexissimo dos fenomenos meteorológicos.
Atrevo-me a dizer que amanhã vai chover imenso em Lisboa, independentemente de que os Lisboetas se portem bem ou mal, e de Deus.
Só eu cometi os pecados da gula, renegnei várias vezes a existência de Deus, e excedi-me um bocadito na cerveja. Abençoados Gurozans.
Prevejo também que no Saara não choverá mesmo que todos os africanos se comportem como exemplos de moralidade e altruismo.

Comentar por Joaquim Coelho

Ó Tiago não sejas tão duro com a/o Natenine, afinal há quem seja bem pior:

“Um deputado do partido israelita Shas, que integra a coaligação do governo, disse que “as práticas homossexuais” provocaram os abalos sísmicos que afectaram recentemente Israel. O deputado Shlomo Benizri baseou-se no Talmude(livro sagrado da religião judaica) para justificar sua teoria.”

Excelente.
Fulano/a atreve-se a …. com pessoas do mesmo sexo. Há sim, então pega lá um terramotozito para veres se gostas …
Claro que os que morreram ou ficaram feridos ou prejudicados, eram todos homosexuais (como se isso interessasse para alguma coisa) ou defensores destes …
Que grande Deus este …

Comentar por Joaquim Coelho

Sabino, o primeiro post que coloquei a responder-te saiu tão cheio de erros que até estou corado , será que o podias apagar ?
Cá vai a versão revista:

Sabino dizes:
“Os missionários (não desfazendo o mérito de muitos) cobram: a propaganda religiosa.”

o Diabo é o pai da mentira (João 8:44) e tu és o filho dele. Nenhum dos missionários que eu conheço reclamava propaganda e também já trabalhei com umas três dezenas deles, cá em Portugal. Deves estar a falar de uma outra “espécie” de missionários. Também não sei bem que tipo de propaganda estarás a falar.

Mais abaixo dizes:
“Este grupo de missionários espanhóis que foi para a Guiné em 2002 foi com o intuito de ajudar todas as pessoas e de lhes falar de Jesus Cristo e da salvação”

É exactamente esta publicidade a de que falo: a propaganda de Deus.
Um missionário ajuda, em troca dá-lhes uma pregação religiosa.
Um médico sem fronteiras ajuda, em troca nada.

O missionário iria na mesma se fosse se não dissesse qualquer era a sua confissão e sem fazer qualquer pregação ?
O razão “prima” da ida é pregar a palavra de Deus ou ajudar ?
É este o meu ponto.

Quanto a discriminação tive conhecimento de religiosos que se recusaram a receber, tratar e alimentar deslocados que se recusavam a mudar de religião e a frequentar as pregações.
É certo que não será a maioria (estou convicto que são uma minoria estes religiosos) mas existem e eu disse: Por vezes existe mesmo descriminação no auxílio em função da religião.
“Por vezes” significa que 2 ou 3 casos já são verdade.

Não conheço o missionarismo moderno, mas o dos séculos passados é um verdadeiro exemplo do mal que se pode fazer em nome de uma verdade pessoal.
A história das missões é repleta de injustiças, dor, e mesmo barbaridades.

O actual, como disse, não conheço, mas a fazer caso de alguns escritores como Le Carré ainda deixa muito a desejar.
De qualquer forma não tomo o que estes escritores dizem como base de análise suficientemente credível.

“provavelmente já fizeste mais que eu sim… mas pode ser por teres já meio século”
E pá, ainda me faltam cinco anitos para essa idade de ouro 🙂

Comentar por Joaquim Coelho

O missionário iria na mesma se fosse se não dissesse qualquer era a sua confissão e sem fazer qualquer pregação ?
O razão “prima” da ida é pregar a palavar de Deus ou ajudar ?
É este o meu ponto.

se não fosse com o intuito de ganhar almas para Cristo nem seriam missionários, certamente. Eles vão por cauda disto: “Ide, portanto, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo” (Mateus 28:19). Para vocês sei que diz pouco mas o mais importante é o que diz respeito à eternidade, a assuntos espirituais. Apesar de eles ajudarem as pessoas, mais importante é anunciarem o Evangelho.

“Quanto a discriminação tive conhecimento de reliosos que se recusaram a receber, tratar e alimentar deslocados que se recusavam a mudar de religião e a frequentar as pregações.”

se assim foi, tiveste más experiências com missionários. Lamento. A mim nunca aconteceu.

Comentar por alogicadosabino

“No quererem impor a sua moral a todo o custo, mesmo contra a vontade dos outros”

não gosto muito que digas isto porque creio que me estás a meter no mesmo saco dos da Inquisição, por exemplo. Eu não obrigo ninguém a aceitar a mensagem do Evangelho.

“Segundo, há ateus a fazerem o bem, mas dentro da sua visão do mundo (materialista, naturalista, evolucionista) não há justificação para isso”
Isto é uma profinda tolice.

eu percebo o que ele diz. E olha que faz sentido. Se realmente não há um Deus a quem tenhamos um dia de prestar contas então porque é que essas pessoas se armam em filantropos? Podiam estar quentinhas nas suas casas, a jogar playstation e a comer camarão. Em vez disso, vão para países onde a miséria abunda… se Deus não existe não haverá recompensa para além da morte. E se Deus não existe só temos esta vida. Porque desperdiçam tanto tempo a privar-se de regalias e bem-estar só para ajudar os desfavorecidos? Paciencia… tivessem sido privilegiados pela selecção natural.

““Um deputado do partido israelita Shas, que integra a coaligação do governo, disse que “as práticas homossexuais” provocaram os abalos sísmicos que afectaram recentemente Israel. O deputado Shlomo Benizri baseou-se no Talmude(livro sagrado da religião judaica) para justificar sua teoria.”

é capaz de ter exagerado, sim. Mas olha que isto fez-me lembrar o engenheiro do Titanic “Nem Deus consegue afundar o meu navio”

PS: Para quem ia passar a comentar menos… tás em grande 😀

Comentar por alogicadosabino

PS: Para quem ia passar a comentar menos… tás em grande

As “provocações são tantas e tão grandes” e é dificil resistir 🙂

Como esta:
“eu percebo o que ele diz. E olha que faz sentido. Se realmente não há um Deus a quem tenhamos um dia de prestar contas então porque é que essas pessoas se armam em filantropos? Podiam estar quentinhas nas suas casas, a jogar playstation e a comer camarão. Em vez disso, vão para países onde a miséria abunda… se Deus não existe não haverá recompensa para além da morte. E se Deus não existe só temos esta vida. Porque desperdição tanto tempo a privar-se de regalias e bem-estar só para ajudar os desfavorecidos? Paciencia… tivessem sido privilegiados pela selecção natural.”

Daquilo que li de ti não me parece que te revejas nisto. Esta posição é extraordinariamente egoista. Então a solidariedade só se faz com vista a uma recompensa ou para engraxar um deusito qualquer ?

Eu não acredito em deus, quando morrer morri e acabou-se, não tenho oytra vida. Almas e quejandos apenas me fazem sorrir.
E no entanto gosto de ser solidário.

Muitas pessoas o fazem por uma noção etico/pessoal, sem objectivos de recompensa neste ou noutro (inexistente) mundo.
Porque não posso ser feliz neste e só neste mundo, usando um pouco da minha vida para melhorar um pouquito a vida dos outros ?

Comentar por Joaquim Coelho

tens de te considerar um tipo com muita muita sorte… calhaste numa época em que o cérebro humano está totalmente desenvolvido (até ver)… já viste se tivesses vindo ao mundo na forma de homo habilis ou homo antecessor? por esta altura estarias a pintar paredes 😮

já viste? em 4,5 biliões de anos, desde que a Terra teve um principio, tu foste calhar precisamente no século que te permite estar a comentar em blogues… és um homem de sorte joaquim

Comentar por alogicadosabino

Devo dizer que as pessoas que responderam ao meu comentário que não perceberam o que disse. As asneiras que me referi são asneiras que de forma natural têm uma consequência natural, como a poluição que reduz a chuva. Como os cristãos consideram que poluir também é pecado, por isso pedem perdão.

Comentar por natenine

Palermas são aqueles que optam por seguir uma religião que condena tudo o que há de bom na vida e recorre a mentiras para ter fieis.

“Para vocês sei que diz pouco mas o mais importante é o que diz respeito à eternidade, a assuntos espirituais. ”

Como disse?Eternidade?assuntos espirituais? lol mais mentiras para angariar mais uns quantos influenciáveis? Daqui a pouco começas a falar em fantasmas e no bixo-papão que come quem não reza 🙂

Natenine se em vez de pedirem perdão que não serve de nada, se preocupassem verdadeiramente bem com o ambiente isso sim é que era.Já agora tens que me dizer onde leste que a poluição reduz a chuva..

Comentar por Tiago

“A poluição atmosférica é parcialmente responsável pela redução na quantidade de chuvas. Isso é o que indica uma pesquisa coordenada pelo professor Daniel Rosenfeld, da Universidade Hebraica de Jerusalém (Israel). O pesquisador já havia comprovado que a poeira diminui a eficiência de precipitação nas nuvens. Seu trabalho mais recente mostra que a fumaça proveniente das chaminés das fábricas, dos escapamentos e, sobretudo, dos incêndios em florestas também altera o processo de formação das nuvens. A Amazônia estava entre as regiões escolhidas para o estudo.”

O perdão serve para muito e não incompatibiliza a minha preocupação ambiental.

Comentar por natenine

“Segundo este estudo, o fumo produzido pelos incêndios tende a atrasar as chuvas, impedindo a perda de água das nuvens enquanto estas aumentam de dimensão.

Quando estas nuvens gigantes e a abarrotar de água ganham altitude, provocam trovoadas violentas em vez de chuvas moderadas que deveriam ocorrer na ausência de poluição, revela Daniel Rosenfeld, da Universidade hebraica de Jerusalém.”

Chove com menos frequência mas quando chove é com mais intensidade. Por isso acaba por chover o mesmo.
Serve exactamente para quê o perdão?

Comentar por Tiago

Defenitivamente pelas chuvas ácidas.

Comentar por natenine

Será que a Teoria da evolução tem resposta para o aparecimento do Amor?
Se o o homem é fruto de evolução como querem dizer,como é k o homem tem a capacidade de amar?
Se o homem é fruto da evolução como tem ele o discernimento do que é bom ou mau?

Comentar por sofia

Desculpem o tema fugir um bocadinho ao post…;)mas como ele fala na demonstração de amor que os missionários tem pelo o próximo,lembrei-me de perguntar aos defensores da evolução como é k eles tem resposta para isto.Se nos,estes homens e mulheres(falo dos missionarios),se somos fruto de evolução, como dizem,como é que o amor aparece…

Comentar por sofia

Sofia,
O Amor é um sentimento/emoção como qualquer outro, alegria, tristeza,ect.
E por muito que lhe possa parecer pouco romântico´não passa de reacções químicas.
O estudo cérebro está ainda muito cheio de lacunas e problemas, mas já se começam a compreender alguns dos mecanismos. O português António Damásio um dos maiores cientistas neuronais tem alguns livros que a elucidarão melhor.

As emoções geram-se no cerebro, portanto a evolução fez aparecer o amor quando nos deu um cerebro.
Só por curiosidade, podemos ligar à altura em que os musculos maxilares diminuiram imenso de tamanho e permitiram o aumento do tamanho do cerebro em quase 1/3.
É pouco romântico mas é a explicação da ciência.

Perguntas “Se o homem é fruto da evolução como tem ele o discernimento do que é bom ou mau?”

Porque a evolução lhe deu um cerebro capaz de pensar.
O bom e o mau é relativo e tem uma forte componente da sociedade. No entanto a maioria de nós não tem dificuldade em ver quando há algo muito mau. Isto porque há um conceito da sociedade sobre isso geralmente aceite: aquilo que provoca a dor ou sofrimento noutros, é regra geral mau.

Comentar por Joaquim Coelho

Então o amor,e todas atitudes más e boas que tomamos ao longo da vida,são originadas por reacções quimicas no nosso cerebro……então isto quer dizer que nos não temos voto na materia,pois são estas reacções quimicas que vão determinar de quem vamos gostar,vai determinar o amor dos pais por um filho,etc…e são estas reacções que vao determinar o que fazemos e sentimos…..ou seja então nos não temos liberdade de pensar.
Não me parece logico…

ICor 8:1 “…A ciência incha mas o amor edifica”

Comentar por sofia

Não Sofia, não funciona bem assim.
As emoções são respostas quimicas a estimulos externos. Depois tens ainda a capacidade de decisão. Tens uma capacidade analitica e de decisão em função dos dados que possuis. Ou seja tens inteligência.

Mas o amor é um bom exemplo de que muitas vezes não temos votos na matéria. A paixão é tudo menos lógica e analitica.

Comentar por Joaquim Coelho

“O português António Damásio um dos maiores cientistas neuronais tem alguns livros que a elucidarão melhor.”

e eu tenho um livro que, através de apenas algumas páginas, te elucidarão melhor 😉 E de qualquer forma, o facto de alguém compreender como funciona determinado mecanismo não significa que ele surgiu espontaneamente, a partir de reacções químicas

“Mas o amor é um bom exemplo de que muitas vezes não temos votos na matéria.”

hum?

Comentar por alogicadosabino

A biblia já li, e se baseasse os meus conceitos morais nele tanto poderia ser uma boa pessoa como uma horrivel pessoa. Na biblia são mais as histórias de vingança, guerra, medo, violencia, que as de amor e paz.
O que faz todo o sentido para um livro escrito naquele epoca.

Dizes
“Mas o amor é um bom exemplo de que muitas vezes não temos votos na matéria.”
hum?”

Pergunto:
Já estiveste apaixonado ?
O que mandas nesse sentimento ?
Não te desarticula e corta a capacidade racional em relação à outra pessoa e por vezes a tudo o que te rodeia?
Não é a paixaão completamente irracional e não mais que uma emoção extrema sobre a qual perdemos o dominio ?

Não tem Camões razão?:
“Amor é fogo que arde sem se ver;
É ferida que dói e não se sente;
É um contentamento descontente;
É dor que desatina sem doer;

É um não querer mais que bem querer;
É solitário andar por entre a gente;
É nunca contentar-se de contente;
É cuidar que se ganha em se perder;

É querer estar preso por vontade;
É servir a quem vence, o vencedor;
É ter com quem nos mata lealdade.

Mas como causar pode seu favor
Nos corações humanos amizade,
Se tão contrário a si é o mesmo Amor?”

Luís de Camões

Comentar por Joaquim Coelho

O que está em causa acima de tudo isso, é que se os nossos pensamentos são fruto de uma causa natural então não temos maneira de saber se são correctos ou não, um movimento de átomos não é mais verdadeiro que outro, nem melhor que outro. O pensamento naturalista é auto-destrutivo pois se não há verdade, tudo é da ordem do natural, então o naturalismo não é verdadeiro. Se tudo são movimentos de átomos, um movimento não pode ser falso, logo qualquer maneira de pensar não é falsa, nem sequer o fachismo.
Este é o pobre conceito moral do naturalismo.

Comentar por natenine

As reacções quimicas de k fala a ciência em relação ao amor são:feniletilamina,Norepinefrina,Dopamina,e k envolve certas hormonas como a vasopressina e a oxitocina.Li um artigo k me esclareceu bem a teoria da ciencia em relação ao amor(neste caso na escolha do parceiro)e digo que ta mesmo a favor do homem/mulher para se desculpar se for infiel ao seu parceiro,pois pode dar a desculpa que é feniletilamina que lhe faz fazer estas coisas, “Os dependentes da feniletilamina – e dos seus auxiliares– tendem a saltar de romance em
romance, abandonando cada parceiro logo que o cocktail químico inicial se desvanece. Quando permanecem casados,os viciados do amor são frequentemente infiéis, na busca de mais uma
dose de excitação extra.”E mais,quando nos sentimos atraídos por alguém, pode ser apenas porque gostamos dos genes dessa pessoa,e ñ dela.

http://www.spq.pt/boletim/docs/boletimSPQ_100_047_28.pdf.

O homem gosta tanto de complicar as coisas simples de DEUS….como neste caso do AMOR.Este é um pequeno exemplo.

“Na biblia são mais as histórias de vingança, guerra, medo, violencia, que as de amor e paz.”

A biblia mostra a maior prova de Amor k alguem ja vui.”Nisto se manisfesta o amor de DEUS para conosco:que DEUS enviou o seu Filho Unigénito ao mundo,para que por ele vivamos.”1João 4:9

“Porque DEUS amou o mundo,de tal maneira,que deu o seu Filho Unigénito,para que todo aquele que Nele crê não pereça,mas tenha a vida eterna”João 3:16

Comentar por sofia

“Tu que dizes tão mal da Igreja… que fizeste ou tens feito para ajudar os desfavorecidos?”

Você já parou pra pensar, quanto dinheiro circunda esse “mundinho cristão” que poderia muito bem estar sendo usado para causas melhores? Já viu o tanto de dinheiro mensal que o papa, junto ao medíocre vaticano usa MENSALMENTE? Já viu QUANTO DINHEIRO é arrecadado pelas igrejas, que em grande maioria é usado por padres pedófilos para sustentar as famílias deles. Essa realidade que estou tratando é tão real, que o vaticano vive impedindo documentários acerca deste assunto, né?

Você deveria, antes de criar um blog, primeiramente tirar a venda de vossos olhos.

Caso queira uma resposta detalhada de minha concepção, mande-me um e-mail… Tentarei clarear vosso cérebro, rs…

Ps.: Estou no trabalho, escrevendo apressadamente, ignore alguns erros de gramática.

Comentar por Cesar

A diferença, é uma só, o motivo que causa a ajuda.
Enquanto os ateus “fundamentalistas” ajudam sem perspectiva nenhuma de recompensa a não ser por pura filantropia, os teístas os fazem principalmente (não generalizando, é claro) por moeda de troca.
E ao contrario do que falou, nenhuma religião entra diretamente com seu próprio dinheiro, faz sim, uma intermediação do dinheiro e doações, que digamos de passagem é excelente para beneficio próprio.

Comentar por Pedro

Pedro, obrigado pelo comentário submetido.

“Enquanto os ateus “fundamentalistas” ajudam sem perspectiva nenhuma de recompensa a não ser por pura filantropia, os teístas os fazem principalmente (não generalizando, é claro) por moeda de troca.”

Mas por que é que achas que se deve ajudar pessoas, segundo uma cosmovisão ateísta? Quem disse que é bom ajudar pessoas e devemos fazê-lo? Parece-me que és ateu. Se assim for, também me parece que és evolucionista. Sendo assim, por que ajudar os desfavorecidos? Só estão a usar os nossos limitados recursos.

Comentar por alogicadosabino

Um certo tipo de lesma quando atacadas por formigas de correição liberam uma quantidade muito maior de muco, prendendo muitas formigas nesta armadilha.
Logo, as formigas que não estão presas correm para salvar sua companheiras.
Primeiro as formigas que estão a salvar as companheiras colocam pequenos torrões de terra para absorver a gosma e só depois puxam as companheiras e as limpam uma a uma.
Porque esse impeto de solidariedade em uma formiga?
Porque é simples, evolução, é isso que move nosso sentido de humanitarismo.
É pelo bem estar do conjunto que temos maior chance de sobreviver, isto está latente em nós.
E pode se apresentar em conjunto com outra característica da evolução,interesse próprio.
como exemplo, o chipanzé que não é o alfa do bando consegue favores sexuais de fêmeas oferecendo carne recém abatida a elas, sem interesse nenhum, mas enquanto elas comem a carne, os machos aproveitam o momento de gratidão.
Nós somos assim, gostamos de ajudar, mas as vezes, damos junto com a recompensa a voz de comando.

Comentar por Pedro




Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s



%d bloggers like this: